Futebol Melhor defesa do Brasil é trunfo para Corinthians brigar por títulos

Melhor defesa do Brasil é trunfo para Corinthians brigar por títulos

Após contratar o zagueiro Gil durante a pausa da Copa América, Corinthians sofre poucos gols e assume o posto de time menos vazado do Brasileirão  

Corinthians

Gil era a peça que faltava na defesa do Corinthians

Gil era a peça que faltava na defesa do Corinthians

RICARDO MOREIRA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO-04.08.2019

A boa e velha solidez defensiva do Corinthians está de volta. Não à toa, o Timão conquistou quatro vitórias e três empates nos últimos sete jogos do Brasileirão e ficou apenas cinco pontos atrás do Santos, líder do torneio. Para completar, a equipe briga pelo título da Copa Sul-Americana. Nesta quinta-feira (22), o clube paulista recebe o Fluminense no duelo de ida das quartas de final, às 21h30, em Itaquera.

Desde a pausa da Copa América, a equipe comandada por Fábio Carille disputou nove jogos e sofreu apenas quatro gols. Com isso, o Corinthians assumiu o posto de melhor defesa do Campeonato Brasileiro. Até aqui, o Alvinegro foi vazado nove vezes em 15 jogos – média 0,6 gol por partida.

A melhora no sistema defensivo corintiano coincide com o retorno do zagueiro Gil. Ídolo da torcida, ele foi incorporado ao time durante a pausa da Copa América e atuou como titular em todos os jogos. Sem apresentar qualquer dificuldade de adaptação após ficar três anos no futebol chinês, o camisa 4 era a peça que faltava na defesa.

“O mais importante é todo mundo se doar em campo. O comprometimento dos jogadores é fundamental para o time sofrer poucos gols. Muitas vezes, fazemos a marcação lá na frente. Os jogadores de ataque ajudam bastante. O grupo é muito dedicado”, analisou Gil.

A velha máxima de que “ataques ganham jogos e defesas ganham campeonato” se aplica perfeitamente ao Corinthians. O sistema defensivo foi o principal trunfo da equipe nas conquistas de dez títulos nesta década: Mundial de Clubes (2012), Copa Libertadores (2012), Campeonato Brasileiro (2011, 2015 e 2017), Recopa (2012) e Paulista (2013, 2017, 2018 e 2019).

No Brasileiro, o Alvinegro terminou a competição com a melhor defesa em quatro das últimas oito edições: 2011, 2013, 2015 e 2017. Nesses quatro anos, o Timão só não conquistou o torneio de pontos corridos em 2013.

Corinthians e Fluminense jogam em situações opostas na Sul-Americana