Marco Ruben marca, Athletico bate o Santos e reassume a 4ª posição

Time paranaense chegou aos 63 pontos, um a mais do que o Grêmio, que atua nesta quinta. Paulistas, com 71, perderam a chance de garantir o vice

Marco Ruben comemora o gol marcado contra o Santos

Marco Ruben comemora o gol marcado contra o Santos

REINALDO REGINATO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

O Athletico-PR continua subindo na tabela do Campeonato Brasileiro. Garantido na Libertadores de 2020 por causa do título da Copa do Brasil, a equipe manteve o alto nível também no torneio de pontos corridos. Tanto é que, nesta quarta-feira, chegou à quinta vitória nos últimos seis jogos. A última vítima foi o Santos, que foi à Arena da Baxada e saiu derrotado por 1 a 0, gol de Marco Ruben.

O resultado colocou o time paranaense com 63 pontos, na 4ª posição, ultrapassando o Grêmio, que joga nesta quinta. Os paulistas, com 71, continuam em segundo.

Na próxima rodada, a última do Brasileirão, o Athletico encara o rebaixado Avaí fora de casa. Enquanto isso, o Santos joga contra o campeão Flamengo na Vila Belmiro. Todos os jogos estão marcados para a tarde de domingo.

O jogo
Como as duas equipes atuam de uma forma bastante parecida, priorizando o ataque, o primeiro tempo foi bastante estudado. Tanto é que chances só foram aparecer na reta final. Aos 41, Jean Mota arriscou de longe e a bola passou perto do gol athleticano. No minuto seguinte, Sasha, que há pouco havia substituído Evandro, finalizou cruzado, mas Santos fez a defesa com tranquilidade.

Se o Athletico pouco conseguiu ameaçar na primeira etapa, o intervalo parece ter feito bem à equipe, que marcou logo no primeiro minuto do segundo tempo. Rony cruzou da direita, Marco Ruben se antecipou à marcação de Felipe Aguilar e, de peixinho, colocou o Furacão na frente.

O Santos respondeu aos 5, com Marinho, que cabeceou e a bola foi na rede pelo lado de fora.

Se a situação já estava complicada para o time paulista, tudo ficou ainda mais difícil aos 22, quando Luan Peres cometeu falta em Rony e recebeu o segundo cartão amarelo, sendo expulso do jogo.

Ruben quase ampliou aos 40. Após cruzamento de Rony, o argentino tentou mandar para o gol de letra, mas a bola parou no zagueiro Aguilar.

Nos últimos minutos, ainda deu tempo do Athletico homenagear Bruno Guimarães, volante que se destacou pelo clube nos últimos anos e que está se transferindo para o futebol europeu. Ele, que se recuperava de lesão, atuou por dois minutos e foi muito saudado pelos torcedores.

ATHLETICO 1 x 0 SANTOS

Data: 04/12/2019 (quarta-feira)
Horário: 19h (de Brasília)
Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Assistentes: Leirson Peng Martins (RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)
Amarelos: Luan Peres (2), Gustavo Henrique, Diego Pituca, Marinho e Jorge Sampaoli; Léo Pereira e Márcio Azevedo
Vermelho: Luan Peres
Gols: Marco Ruben, aos 2 minutos do segundo tempo
Athletico: Santos; Jonathan (Madson), Thiago Heleno, Léo Pereira e Márcio Azevedo; Camacho, Wellington e Lucho González (Adriano); Marcelo Cirino (Bruno Guimarães), Rony e Marco Ruben. Técnico: Eduardo Barros
Santos: Everson; Pará, Gustavo Henrique, Felipe Aguilar e Luan Peres; Alison (Felipe Jonatan), Pituca e Evandro (Sasha); Marinho, Soteldo e Jean Mota (Sánchez). Técnico: Jorge Sampaoli

Gabigol: artilheiro do Brasileiro faz mais gols ou troca de visual?