Governo de São Paulo libera treinos de futebol, diz presidente do TJD-SP

Liberação acontece após reunião dos presidentes de clubes com prefeito Bruno Covas, ainda não foi definida data de volta de partidas do Paulista

Governo liberou os treinos dos clubes de São Paulo

Governo liberou os treinos dos clubes de São Paulo

Cesar Greco/Divulgação Ag. Palmeiras

Os times paulistas estão liberados para voltar a treinar. A Federação Paulista de Futebol (FPF) recebeu, na última terça-feira, o comunicado por parte do governo do Estado para a retomada das atividades pelos clubes. O anúncio oficial será feito pelo governador João Doria nesta quarta.

A confirmação do aval foi dado pelo Delegado Olim, presidente do Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP), à reportagem do Estadão. A liberação foi revelada a ele pelo vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, após uma reunião entre as autoridades estaduais.

"Recebi uma mensagem do Rodrigo Garcia, com a confirmação, após uma reunião do governo. Repassei a informação ao Reinaldo Carneiro (Bastos, presidente da FPF), ao Moisés (Cohen, chefe médico da FPF). O Doria vai anunciar amanhã a retomada gradual dos treinos", explicou o Delegado Olim.

O anúncio de Doria se dará em seu pronunciamento diário sobre a evolução da pandemia do coronavírus, por volta das 12h30, e deverá contar com a presença de representantes dos clubes, que já foram comunicados da decisão, e da FPF, como o seu presidente e o próprio Delegado Olim, que também é deputado estadual.

As equipes vão seguir recomendações apontadas no protocolo médico preparado por Moisés Cohen. E também precisarão se adequar a diversas restrições, que gradualmente serão reduzidas, como vêm ocorrendo em outros estados do País que já permitiram a liberação dos treinos, como o Rio Grande do Sul e Minas Gerais.

A definição se dá após uma reunião na semana passada com a Prefeitura de São Paulo e os representantes dos clubes da capital. No encontro, foi entregue o documento que baseará a volta dos treinos, um passo importante para a futura retomada do Campeonato Paulista que, porém, não deverá ocorrer em menos de um mês. "Acho que os jogadores vão precisar de pelo menos 30 dias para voltar a jogar", previu Olim.

Antes da volta aos treinos, todos os envolvidos, como jogadores, membros das comissões técnicas e funcionários dos CTs, passarão por testes. A partir desses exames, e com os resultados dos testes nas mãos, os clubes estarão liberados para voltar a treinar. Haverá, também, a obrigatoriedade de uso de máscaras, com exceção dos atletas, e o respeito ao distanciamento entre os jogadores, com as atividades sendo feitas sempre ao ar livre, em campos diferentes e com horários alternados.

O Campeonato Paulista está paralisado desde 16 de março. Embora a volta aos treinos não ocorra com uma data determinada para a volta da competição, abre o caminho para a sua retomada, sendo que nesse momento faltam duas rodadas para o fim da primeira fase, além dos confrontos das quartas de final, semifinais e final.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook.

Injustiças, azar… Veja craques que não foram campeões pelo seu time