Fla bate recordes de pontos com 20 clubes e de aproveitamento no geral

Com a vitória sobre Ceará, rubro-negro chega a 73,68% em relação a todo o campeonato, índice maior até do que o dos 100 pontos do Cruzeiro em 2003

Fla festeja título com 4 a 1 sobre Ceará e segue batendo recordes no Brasileirão

Fla festeja título com 4 a 1 sobre Ceará e segue batendo recordes no Brasileirão

Flamengo

Flamengo quatro, Ceará um, pela 35ª rodada do Brasileirão 2019.

Com a vitória, o Flamengo campeão chegou aos 84 pontos no campeonato, a maior pontuação em pontos corridos a partir do momento em que a primeira divisão passou a ter 20 clubes.

O detalhe é que, além disso, o rubro-negro chegou a outra marca importante: a quebra do recorde de percentual de aproveitamento entre todos os campeões dos pontos corridos, inclusive o dos cem pontos do Cruzeiro em 2003.

Com os 84 pontos somados contra o Ceará, o Flamengo chega a 73,68% de aproveitamento em relação aos 114 pontos possíveis em todo o campeonato. Se multiplicarmos as 38 partidas (19 em cada turno) por três, o máximo possível em cada uma delas, chegaremos ao total de 114 pontos possíveis para 100% de aproveitamento.

Em 2003, com 24 clubes e 138 jogos, oito partidas e 24 pontos em disputa a mais do que a versão atual, de vinte clubes, o Cruzeiro chegou a um aproveitamento de 72,46%, ou seja, 1,22% inferior ao que Flamengo conquistou três rodadas e nove pontos antes do final.

Agora, em relação ao recorde de pontos, os cem do Cruzeiro em 2003, é muito pouco provável que alguém o supere daqui para frente no formato atual, com clubes, 38 partidas para cada clube e 114 pontos possíveis com cem por cento de aproveitamento.

Seria necessário que algum time vencesse, por exemplo, 34 de seus 38 jogos, e perdesse quatro, somando 102 pontos. Tarefa praticamente impossível.

Conheça as dez principais campanhas da era dos pontos corridos por ordem de percentual de aproveitamento:

1ª) Flamengo de 2019 – 73,68% de aproveitamento (até a 35ª rodada) – 84 pontos

2ª) Cruzeiro de 2003 -  72,46% de aproveitamento - 100 pontos

3ª) Corinthians de 2015 - 71% de aproveitamento - 81 pontos

4ª) Cruzeiro de 2014 - 70% de aproveitamento - 80 pontos

5ª) Palmeiras de 2016 - 70% de aproveitamento - 80 pontos

6ª) Palmeiras de 2018 - 70% de aproveitamento - 80 pontos

7ª) São Paulo de 2006 - 68% de aproveitamento - 78 pontos

8ª) São Paulo de 2007 - 67% de aproveitamento - 77 pontos

9ª) Fluminense de 2012 - 67% de aproveitamento - 77 pontos

10ª) Cruzeiro de 2013 - 66% de aproveitamento - 76 pontos

Veja quem são os dez artilheiros da era dos pontos corridos do Brasileiro