Tragédia no Flamengo
Futebol 'Era moleque do bem', diz amigo sobre garoto do Fla morto no CT

'Era moleque do bem', diz amigo sobre garoto do Fla morto no CT

Ex-companheiro de Rykelmo de Souza Viana, de 16 anos, na Portuguesa Santista lamenta perda do amigo em incêndio no CT Ninho do Urubu

Tragédia no Flamengo

Tranquilo e amigo de todos, Rykelmo estava no Flamengo havia quatro anos

Tranquilo e amigo de todos, Rykelmo estava no Flamengo havia quatro anos

Reprodução/Instagram

O meio-campista Rykelmo de Souza Viana, de 16 anos, uma das dez vítimas do incêndio em um alojamento do centro de treinamento do Flamengo, em Vargem Grande, na zona oeste do Rio de Janeiro, tinha uma personalidade tranquila e afável. Quem afirma é o amigo Pedro Gonçalves de Souza, conhecido como Ruivo, volante da base do Nacional-SP.

"Sempre foi um moleque muito centrado. Para ele, tinha a hora certa para brincar e trabalhar. E isso fazia dele um cara diferenciado. É uma pena. Tenho certeza que ele seria um grande profissional, porque o foco dele era imenso. Uma perda para qual não tenho palavras no momento", lamentou o ex-companheiro de time.

Pedro (à esq) e Ruivo (centro) juntos na Briosa

Pedro (à esq) e Ruivo (centro) juntos na Briosa

Pedro Gonçalves de Souza/Arquivo Pessoal

Rykelmo e Ruivo se conheceram ainda crianças, quando defenderam a Portuguesa Santista, time do litoral paulista. A convivência de um ano foi mais que suficiente para criar uma grande amizade entre os garotos.

"A amizade veio direto. Ele era um moleque tranquilo. A gente se comunicava, porque éramos companheiros dentro de campo. Ele sempre foi tranquilo, respeitador e a gente era bastante amigo. Ele era amigo de todo mundo, não tinha diferença entre as pessoas. Gostava de todo mundo. Era um moleque do bem", complementou Ruivo.

Carreira

Natural de Limeira, no interior de São Paulo, Rykelmo ingressou nas categorias de base do Independente, um dos times da cidade, em 2011. Depois, seguiu para o Grêmio e a Portuguesa Santista, até chegar ao Flamengo, onde estava havia quatro anos.

Veja quem são as vítimas da tragédia no CT do Flamengo: