Futebol Empate com América-MG frustra torcida e provoca vaias no Morumbi

Empate com América-MG frustra torcida e provoca vaias no Morumbi

Em casa, São Paulo vencia por 1 a 0 até os 35 do 2º, quando América-MG empatou. Vitória do Inter sobre o Corinthians pode tirar tricolor da ponta

Nenê lamenta chance perdida no empate com o América-MG, no Morumbi

Nenê lamenta chance perdida no empate com o América-MG, no Morumbi

HENRIQUE BARRETO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO - 22.9.2018 - 18:26

O enredo parecia ser o mesmo da vitória sobre o Bahia, no último dia 8,  duas rodadas atrás do Campeonato Brasileiro: cruzamento de Nenê na cabeça de Diego Souza, gol do São Paulo e triunfo suado por 1 a 0.

No entanto, o empate do América Mileiro a dez minutos do fim do confronto neste sábado (24), no Morumbi, colocou em risco a liderança da competição.

Confira o minuto a minuto de São Paulo x América Mineiro no R7 Esportes

A vitória garantiria o São Paulo na ponta da tabela do Nacional por mais uma rodada. Mas o time paulista fez apenas um ponto, chegou aos 51 e agora pode ser ultrapassado pelo Internacional neste fim de semana. Com 49 pontos, o time colorado enfrentará o Corinthians, na capital paulista. Se vencer, assume a ponta da tabela e joga o São Paulo para o segundo lugar.

Corinthians x Inter, a história de uma rivalidade muito diferente

O empate também mudou o humor de parte dos 48 mil torcedores que compareceram ao Morumbi para empurrar o time. Após o apito final do árbitro Wilton Pereira Sampaio, foi possível ouvir um coro de vaias para a equipe comandada pelo técnico Diego Aguirre. A torcida não gostou de ver a equipe passar sufoco dentro de casa novamente.

São mais dois pontos desperdiçados por equipes de menor expressão no torneio, o que gera irritação na torcida tricolor. O empate com o Paraná, lanterna do Brasileiro, mesmo fora de casa, também gerou descontentamento. Agora, o São Paulo terá que correr atrás deste prejuízo na próxima partida (27ª rodada), contra o Botafogo, no Rio de Janeiro, no domingo que vem.

Retranca e alívio com veteranos

O América Mineiro, havia montado uma retranca e conseguia segurar o ataque são-paulino. O time da casa teve poucas oportunidades efetivas de gol. Porém, no minuto final, o meia Nenê dominou a bola no lado esquerdo do ataque, olhou para a área e fez o cruzamento preciso para a cabeçada de Diego Souza: 1 a 0.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

O gol que surgiu da trama dos veteranos — juntos, Nenê e Diego Souza somam 70 anos — também desempatou a artilharia no São Paulo. Agora, Diego Souza tem 13 gols — dez deles marcados no Morumbi — na temporada e Nenê 12.

Castigo no fim

Na segunda etapa, o panorama não mudou. O time do São Paulo desperdiçou algumas chances, sendo a melhor delas  quando Diego Souza fez um belo lançamento na direita para Régis, que cruzou na área. Reinaldo e Nenê chegavam juntos para definir, mas se atrapalharam e perderam um gol feito.

São Paulo tem certeza que Aguirre renovará. Tabárez segue no Uruguai

Mais tarde, a dez minutos dos fim do tempo regulamentar, para desespero dos torcedores, viu o meia Matheusinho aproveitar um rebote na área para vencer o goleiro Sidão e empatar o jogo.

Agora de terno: veja craques que se tornaram dirigentes de futebol