Futebol Elenco do River faz reconhecimento no Bernabéu antes de final

Elenco do River faz reconhecimento no Bernabéu antes de final

Neste sábado (8). equipe argentina realiza treinamentos no estádio Santiago Bernabéu, em Madri, palco da final da Libertadores diante do Boca Juniors

Boca x River

Comissão técnica e jogadores do River Plate no gramado do Santiago Bernabéu

Comissão técnica e jogadores do River Plate no gramado do Santiago Bernabéu

Reprodução/Twitter River Plate

O elenco do River Plate realizou neste sábado (8), o reconhecimento do gramado no estádio Santiago Bernabéu, em Madri, palco da grande final da Copa Libertadores diante do rival Boca Juniors, marcada para este domingo.

Veja mais: Rivalidade de 110 anos enriquece a final Boca x River na Libertadores

O técnico do time, Marcelo Galhardo, havia comandado, na sexta, um treinamento no CT do Real Madrid. A atividade foi fechada para a imprensa e a comissão técnica optou por fazer mistério sobre a escalação do River para a decisão.

A final da Libertadores na Espanha será o primeiro superclássico oficial fora do território argentino. River Plate e Boca já se enfrentaram outras cinco vezes em outros países, mas sempre em disputas amistosas.

Duelo ameaçado

A realização da partida que definirá o campeão do principal torneio sul-americano de futebol de 2018 esteve bastante ameaçada nos últimos dias. As diretorias dos dois clubes fizeram declarações que davam a entender que não disputariam o jogo por entender que não havia igualdade de condições.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

O duelo foi marcado para Madri após os ataques à delegação do Boca Juniors na chegada ao estádio Monumental de Nuñez, em Buenos Aires, no dia 24 de novembro, naquele que seria o segundo confronto entre os times na decisão — a partida de ida, na Bombonera, teminou empatada em 2 a 2. Alguns jogadores ficaram feridos e outros sentiram os efeitos das bombas de gás lacrimogêneo atiradas durante o tumulto.

Veja mais: River Plate é punido pela Conmebol por agressões à delegação do Boca

Diante da situação inesperada, a Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol), decidiu adiar a disputa e começaram as especulações sobre a escolha de outro local para a final. Várias cidades se candidataram, mas a escolhida foi Madri.

Relembre 10 confusões na história do superclássico entre Boca e River:

    Access log