Cruzeiro recebe São Paulo com Abel ainda em busca da primeira vitória

Desde que assumiu o cargo de treinador do Cruzeiro, Abel Braga já disputou quatro partidas e, até agora, sem qualquer vitória. Ele vai fazer mais uma tentativa nesta quarta-feira, às 21 horas, diante do São Paulo, no Mineirão. E o clube precisa urgentemente do primeiro triunfo do treinador, já que está afundado na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro e o medo da primeira queda para a Série B de sua história cresce a cada rodada.

O Cruzeiro está na 18.ª colocação, quatro pontos atrás do Ceará, o 16.º e último fora da zona de rebaixamento. Uma vitória sobre o São Paulo, portanto, não vai tirar o clube da degola, mas servirá para renovar o ânimo de uma equipe abalada pelo empate com a Chapecoense, no último domingo. O Cruzeiro vencia por 1 a 0 e levou o gol na última jogada da partida, com participação decisiva do VAR.

Um dos principais jogadores do elenco, o meia Thiago Neves defendeu o trabalho de Abel. Na opinião do jogador, o Cruzeiro tem jogado bem e a tendência é que as vitórias cheguem em breve.

"A equipe melhorou muito porque a gente está jogando para cima de todo mundo. A gente respeita, é óbvio, mas estamos jogando como tem de jogar o Cruzeiro, com a camisa que a gente tem, com os jogadores que temos", comentou Thiago. "O Abel vem dando confiança a todos os jogadores, todos para ele são importantes, acho que era o que a gente estava precisando. A sorte está um pouco longe, mas acima de tudo temos de ter tranquilidade. Quando estivermos ali perto da área, precisamos ser um pouco mais frios para fazer os gols."

Abel tem um sério problema na lateral direita. Edílson tem uma lesão muscular e Orejuela, que defendeu a seleção da Colômbia na data Fifa, só chegará a Belo Horizonte na noite desta quarta. A tendência é que o jovem Weverton jogue no setor. No ataque, David é dúvida e, se não atuar, será substituído por Pedro Rocha. A boa notícia para o treinador é a volta de Robinho, que cumpriu suspensão na rodada passada.