Futebol Com um a menos, São Paulo segura o Racing e segue líder do Grupo E

Com um a menos, São Paulo segura o Racing e segue líder do Grupo E

Tricolor perde Luciano e Daniel Alves machucados, William expulso, mas mesmo assim garante o empate em 0 a 0 na Argentina

  • Futebol | Felippe Scozzafave, do R7

Pablo e Luciano, atacantes, tiveram que ajudar o São Paulo na defesa

Pablo e Luciano, atacantes, tiveram que ajudar o São Paulo na defesa

Marcelo Endelli /EFE 05.05.21

Foi um típico Brasil x Argentina. Com muitas faltas, discussão, trocas de empurrões e cartão vermelho, o Sâo Paulo perdeu seus primeiros pontos na Libertadores 2021, nesta quarta-feira (5), ao empatar com o Racing, fora de casa, por 0 a 0.

O Tricolor, que teve William expulso, perdeu ainda Luciano e Daniel Alves, machucados, mas conseguiu se segurar graças a um excelente jogo de Miranda e Arboleda. O resultado deixa a equipe na liderança do Grupo E, com 7 pontos, 2 a mais que o rival argentino.

O São Paulo volta a atuar pela Libertadores na próxima quarta-feira, mais uma vez fora de casa, contra o Rentistas. Antes disso, no domingo, o rival é o Mirassol, pela última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista.

O jogo
O primeiro tempo foi bastante disputado, com muito estudo, mas também algumas boas chances. A primeira delas foi do São Paulo. E só não foi convertida em gol porque Arias fez grande defesa no chute de Luciano.

O Racing também ameaçou, com uma bola no travessão de Sigali, após bate e rebate na área. O time brasileiro respondeu da mesma forma, com a falta de Daniel Alves explodindo no travessão.

Na reta final, ainda houve confusão entre os jogadores dos dois times após Benítez levar um tapa em disputa.

Na volta do intervalo, a situação ficou pior para o Tricolor, que perdeu Luciano e Daniel Alves, machucados. O tempo foi passando e o jogo foi ficando cada vez mais nervoso. O Racing chegou a marcar, com Mena, ex-lateral do São Paulo, mas o gol foi anulado, já que ele estava impedido.

Aos 34, William, que havia entrado há pouco tempo, levantou demais o pé ao tentar afastar uma bola, acertou Cvitanich e recebeu o cartão vermelho.

Se já estava difícil no 11 contra 11, com um a menos, o Tricolor passou a se defender. Já nos acréscimos, Tiago Volpi fez ótima defesa e evitou a derrota. O experiente zagueiro Miranda, em excelente jogo, foi outro fundamental para o resultado permanecer em 0 a 0.

RACING (ARG) 0x0 SÃO PAULO

Motivo: 3ª rodada do Grupo E da Libertadores
Local: Estádio El Cilindro, em Avellaneda (ARG)
Data: 5 de maio de 2021 (quarta-feira)
Horário: às 19h (de Brasília)
Árbitro: Piero Maza (CHI)
Assistentes: Claudio Urrutia (CHI) e Juan Serrano (CHI)
Cartões amarelos: Cáceres, Novillo, Gabriel Arias (Racing); Luan, Bruno Alves, Reinaldo, Miranda, Igor Vinícius, Hernán Crespo (São Paulo)
Cartão vermelho: William (São Paulo)
Racing (ARG): Gabriel Arias; Cáceres, Leonardo Sigali, Nery Domínguez, Novillo (Fértoli) e Mena; Ignacio Piatti, Mauricio Martínez e Miranda; Lovera (Santiago Godoy) e Maggi (Darío Cvitanich). Técnico: Juan Antonio Pizzi
São Paulo: Tiago Volpi; Arboleda, Miranda e Bruno Alves (Léo); Daniel Alves (Igor Vinícius), Luan (William), Liziero, Martín Benítez (Eder) e Reinaldo; Luciano (Gabriel Sara) e Pablo. Técnico: Hernán Crespo

Lenda do futsal, Falcão faz implante de cabelo; veja as fotos

Últimas