Futebol Com gols no final, Juventude e São Paulo empatam em Caxias do Sul

Com gols no final, Juventude e São Paulo empatam em Caxias do Sul

Reinaldo abriu o placar de pênalti, aos 36 minutos do 2º tempo, e o time da casa empatou aos 46, em jogo válido pela 18ª rodada

  • Futebol | Kaique Dalapola, do R7

São Paulo e Juventude jogaram na tarde deste domingo (29)

São Paulo e Juventude jogaram na tarde deste domingo (29)

LUCA ERBES/ESTADÃO CONTEÚDO

Juventude e São Paulo empataram em 1 a 1, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS), em jogo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, na tarde deste domingo (29). O gol dos paulistas foi marcado aos 36 minutos do segundo tempo, com Reinaldo, de pênalti, e o time da casa conseguiu o empate aos 46 minutos.

Com o resultado, as duas equipes seguem na mesma posição: O São Paulo em 12º, com 22 pontos, e o Juventudo uma posição abaixo, com um ponto a menos.

O jogo

A primeiras chances criadas na partida foram do Juventude. Primeiro, aos 7 minutos, Michel foi lançado pelo lado direito da área e bateu cruzado, obrigando Tiago Volpi a cair para fazer a defesa. Menos de um minuto depois, Matheus Jesus arriscou de fora da área, e a bola passou com perigo próximo da trave são-paulina.

Depois disso, o jogo seguiu sem lances importantes até os 26 minutos, quando Guilherme Castilho cobrou uma falta próxima da área e mandou do lado direto do gol de Thiago Volpi. A bola chegou a balançar a rede ao bater pelo lado de fora.

A primeira finalização do São Paulo aconteceu aos 30 minutos. Rigoni recebeu de Luan em velocidade, entrou na área e bateu forte. O goleiro Marcelo Carné espalmou, mas não tinha nenhum são-paulino para pegar o rebote. Esse foi o último lance perigoso no primeiro tempo.

No começo do segundo tempo o São Paulo mudou a postura, e começou a conseguir mais lances ofensivos e manter a bola no campo de ataque. Primeiro, em um cruzamento Rodrigo Nestor, Benitez mergulha para tentar cabecear na pequena área, mas não alcançou a bola, aos 3 minutos.

Aos 6 minutos, é a vez de Rigoni lançar na área e encontrar Igor Vinicius livre. O lateral são-paulino chutou forte, obrigando o goleiro Marcelo Carné fazer uma boa defesa. Nos minutos seguintes, o time paulista seguiu melhor na partida.

O VAR entrou em ação em um lance aos 18 minutos. Rodrigo Nestor recebeu na área e chutou, a bola foi para escanteio após desviar no braço do defensor do Juventude. Após a checagem, o árbitro de vídeo acionou o juiz para conferir novamente o lance na beira do campo. Enquanto o vídeo era checado, nova imagem apareceu e apontou impedimento no ataque são-paulino. O jogo ficou quase cinco minutois parado.

Já aos 36 minutos o árbitro sequer precisou checar no vídeo para marcar pênalti para o São Paulo após o Igor Gomes ser derrubado pelo goleiro Marcelo Carné. Apesar das reclamações dos gaúchos, o juiz não foi revisar o lance. Na cobrança, Reinaldo chutou forte e cruzado, colocando o São Paulo na frente.

Nos acréscimos, o Juventude cruzou uma falta na área, Ricardo Bueno dominou e finalizou com força para deixar tudo igual no placar. Depois disso, não deu tempo para mais nada e o jogo acabou empatado em 1 a 1.

Últimas