Futebol Com emoção, São Paulo vence o Vasco e se classifica na Copinha

Com emoção, São Paulo vence o Vasco e se classifica na Copinha

Time paulista dominou durante todo o jogo. Nos minutos finais viu a classificação ficar complicada, mas garantiu a vaga

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Maioli comemora gol do São Paulo em partida contra o Vasco

Maioli comemora gol do São Paulo em partida contra o Vasco

Rubens Chiri / SPFC.net

Na noite desta segunda-feira (17), o São Paulo enfrentou o Vasco pelas oitavas de final da Copinha no estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. Com o placar de 4 a 2, o Tricolor Paulista venceu e garantiu a classificação.
Com a vitória, o time de Alex enfrentará o Cruzeiro nas quartas de final, visto que o time mineiro venceu o Desportivo Brasil por 4 a 1 e garantiu a classificação.

Primeiro tempo

Assim como nos últimos jogos, o árbitro mal tinha apitado e o São Paulo já havia aberto o placar. Aos dois minutos, Maioli já demonstrava que teria um dia inesquecível. Luiz Henrique cruzou e o atacante cabeceou para fora. No minuto seguinte, quem achou Maioli na área foi Petri, mas dessa vez o jogador não perdeu o gol e cabeceou certeiro para o fundo das redes.

O Vasco sentiu o gol e não demonstrava reação. O São Paulo ia aproveitando e criando mais oportunidades buscando ampliar o placar. Aos sete, Vitinho chutou de longe, o goleiro defendeu e deu chance de rebote, mas Caio, atrasado, não alcançou a bola.

Aos 21 minutos, a estrela da Maioli brilhou mais uma vez. Após uma confusão na zaga, a bola sobrou para o atacante, que acertou um chutaço completamente indefensável. O São Paulo ampliou o placar e deixou o Vasco ainda mais preocupado.

O Gigante da Colina então reagiu e passou a pressionar o Tricolor, criando boas chances. Apesar disso, a zaga da equipe paulista conseguia neutralizar e evitar os gols. Destaque também para o goleiro Young, que realizava excelentes defesas.

O São Paulo buscou uma reação e criou mais oportunidades, entretanto o árbitro apitou o fim do primeiro tempo.

Segundo tempo

Os últimos 45 minutos foram de pura emoção. O São Paulo fez algumas mudanças e aparentemente surtiram efeito. O clube ia controlando a partida e mantendo a vantagem dos gols. Aos 32 minutos, Talles Wander, que tinha acabado de entrar, ampliou o placar, marcando o terceiro do São Paulo.

A partida estava se encaminhando para o fim e dando a classificação para o Tricolor, quando o jogo tomou outros contornos. Aos 36 minutos, o Vasco diminuiu com Figueiredo, aos 38, Andrey marcou o segundo, deixando o Gigante da Colina com apenas um gol para empatar e levar a partida para os pênaltis.
O desespero tomou conta e o Vasco continuou pressionando em busca do empate. O São Paulo tentava se defender de todas as maneiras possíveis, e muitos chutes paravam em Young, que brilhou.

Aos 45 minutos, Vitinho recebeu de João Adriano e bateu forte para o gol, marcando o quarto gol e dando um alívio para o São Paulo, que garantiu a classificação.

Últimas