Novo Coronavírus

Futebol Com Brasileirão até 2021, jogadores não terão férias antes do Paulista

Com Brasileirão até 2021, jogadores não terão férias antes do Paulista

Torneio nacional terminará em 21 de fevereiro e ideia da Federação Paulista é que o estadual do próximo ano comece apenas uma semana depois

  • Futebol | Felippe Scozzafave, do R7

Aos 37 anos, Daniel Alves deve demorar a ter descanso no São Paulo

Aos 37 anos, Daniel Alves deve demorar a ter descanso no São Paulo

Rubens Chiri/São Paulo FC

O futebol brasileiro aos poucos vai retornando as suas atividades, mesmo com a pandemia do novo coronavírus ainda tirando muitas vidas no país. E se praticamente não se viu bola rolando nos últimos quatro meses, o próximo um ano e meio deve ser de uma verdadeira maratona.

Utilizando como exemplo São Paulo, onde o campeonato estadual volta na próxima quarta-feira, é bem provável que os jogadores só tenham férias no final de 2021. Isso porque o Paulistão tem sua final programada para 8 de agosto, apenas um dia antes do início do Campeonato Brasileiro.

LEIA MAIS: Apesar da covid, clubes aceitam rebaixamento no Paulistão

O torneio nacional, que teve sua fórmula de disputa mantida, com as 38 rodadas e os 20 times se enfrentando em turno e returno, se estende até 21 de fevereiro, um domingo.

Caso a temporada estivesse ocorrendo normalmente, esse seria o período de descanso, com os clubes entrando em férias e, depois, realizando pré-temporadas para o retorno dos jogos.

Mas em 2021 isso está descartado. A ideia da Federação Paulista é que o Campeonato Paulista se inicie apenas uma semana após o fim do Brasileiro, no dia 28. E vá até maio, quando provavelmente deve começar o próximo torneio nacional.

Como o Brasileirão tem em média sete meses de disputa, em 2021 ele deve se estender pelo menos até o meio de dezembro, quando os jogadores, comissão técnica e funcionários em geral das equipes finalmente poderiam descansar.

Adriano usa fotos da família contra críticas por deixar festa carregado

Últimas