Novo Coronavírus

Futebol Com 22 desfalques, Palmeiras tenta se manter invicto com Abel Ferreira

Com 22 desfalques, Palmeiras tenta se manter invicto com Abel Ferreira

Alviverde tem muitos problemas para enfrentar o Goiás. 18 jogadores estão com covid-19 e, por isso, não podem entrar em campo neste sábado

  • Futebol | Do R7

Abel Ferreira terá que 'quebrar a cabeça' para escalar o Palmeiras

Abel Ferreira terá que 'quebrar a cabeça' para escalar o Palmeiras

Reprodução/Twitter @palmeiras

A covid-19 "derrotou" o Palmeiras. O Alviverde, um dos favoritos a todos os títulos que disputa em 2020, perdeu simplesmente 22 atletas para o jogo com o Goiás, neste sábado (21), pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O principal motivo de tantos atletas estarem fora é justamente a covid, já que nada menos do que 18 jogadores do elenco profissional testaram positivo para o vírus e não poderão estar em campo. São eles: Jailson, Vinicius Silvestre, Matías Viña, Alan Empereur, Benjamín Kuscevic, Danilo, Gustavo Scarpa, Raphael Veiga, Quiñonez, Gabriel Silva, Willian, Breno Lopes, Aníbal, Rony, Gabriel Veron, Marino Hinestroza, Pedro Acacio e Alan.

LEIA: Lista é grande! Infectados pela covid, 60 atletas desfalcam rodada

Gabriel Menino e Luan também estavam infectados, mas já se curaram e devem ir para o jogo.

Além de todos eles, o técnico Abel Ferreira ainda não poderá contar com outros atletas que seguem no departamento médico: Felipe Melo, Wesley e Luan Silva. Quem também está fora é Zé Rafael, suspenso por ter recebido o terceiro cartão amarelo.

Com todos esses desfalques, o Palmeiras tem apenas 13 jogadores à disposição para o jogo, o que deve fazer alguns atletas do time sub-20 sejam integrados ao grupo para ao menos completarem o banco de reservas.

Abel Ferreira, então, quebra a cabeça para escalar o time. Uma das opções é colocar o lateral-direito Mayke como armador. Outra alternativa é usar três zagueiros, já que todos da posição estão à disposição.

O Alviverde vive um ótimo momento na temporada, com quatro vitórias consecutivas no Brasileirão. Com o português como técnico, o time ainda não perdeu. Caso supere o lanterna Goiás, é bem possível que termine a rodada entre os quatro primeiros do torneio, e com um jogo a menos em relação à maioria dos concorrentes.

Artilheiro e apaixonado: Raphael Veiga está de bem com a vida

Últimas