Campeonato Paulista Autor do gol contra o Santos prevê jogo difícil com a Ferroviária

Autor do gol contra o Santos prevê jogo difícil com a Ferroviária

Atacante Matheus Carvalho diz que Botafogo-SP precisa manter o foco e a concentração para bater a rival regional nesta terça-feira

Do Live Futebol BR

Autor do gol da vitória do Botafogo-SP sobre o Santos por 1 a 0, no último sábado (29), na Vila Belmiro, o atacante Matheus Carvalho afirmou que o time precisa manter a concentração se quiser vencer a Ferroviária em casa, a partir das 21h desta terça-feira, no estádio Santa Cruz.

“Será mais um jogo difícil, mas estamos analisando o adversário para montar a nossa estratégia. Temos que manter a concentração e o foco para sairmos vitoriosos de campo”, disse, em entrevista coletiva na véspera do jogo válido pela terceira rodada do Paulistão.

O atleta, que entrou no decorrer dos jogos contra o Santo André e contra o Peixe, está sendo apontado como possível titular para a partida desta terça. Ele se colocou à disposição do técnico Leandro Zago.

“Estou muito feliz com o gol marcado numa partida tão importante. Estou há doze dias no clube e venho treinando forte para me adaptar rapidamente. Vou dar a vida para continuarmos nessa evolução”, acrescentou.

Perguntado sobre o assunto, o técnico do Tricolor de Ribeirão Preto revelou que o jogador ainda não tem condições de atuar os 90 minutos, mas deve aparecer entre os titulares em breve.

“Fisicamente o Matheus não é capaz de sustentar um jogo completo, por isso ele não briga ainda pela titularidade. Cada vez ele está encorpando mais, ficando fisicamente melhor, já demos mais minutos nesse jogo do que no jogo passado. Dentro do processo, temos jogadores que chegaram há poucos dias, como ele, outros que já estavam aqui desde 15 de dezembro, que estão mais adiantados no aspecto físico. Jogadores que forem chegando vão se adaptando, entendendo a ideia, percebendo como jogar, se conectando com os colegas, conseguindo jogar cada vez melhor, mas isso é tempo, não adianta lutar contra isso no futebol”, analisou Leandro Zago.

Últimas