Corrupção na Fifa
Futebol Bodas no cárcere: na prisão, Marin completa 60 anos de casado

Bodas no cárcere: na prisão, Marin completa 60 anos de casado

Ex-presidente da CBF, que foi condenado a quatro anos por corrupção e lavagem de dinheiro, havia apelado para passar data ao lado da mulher Neusa

Marin

Neusa deixou julgamento de Marin em Nova York com olhos cheio d´água

Neusa deixou julgamento de Marin em Nova York com olhos cheio d´água

Wilton JúniorEstadão Conteúdo.27.5.2015 e Lucas JacksonReuters - 22.8.2018

“Estou quase morto. Jesus Cristo carregou uma cruz. Eu carrego duas: a minha e a da minha mulher”.

Assim aos prantos, José Maria Marin, condenado a quatro anos de prisão pela justiça norte-americana, tentou apelar para passar justamente esta quinta-feira (6) ao lado da mulher Neusa. O ex-presidente da CBF completa 60 anos de casado sem nenhuma festa.

Há duas semanas, Marin foi condenado na Corte Federal do Brooklyn por ser considerado culpado em seis dos sete crimes pelos quais foi acusado pela promotoria americana: organização criminosa, fraude bancária e lavagem de dinheiro, todos cometidos entre 2012 e 2015, quando presidiu a CBF.

Defesa lembrou idade de Marin

Defesa lembrou idade de Marin

Lucas Jackson/Reuters - 22.8.2018

Cinco anos atrás, no entanto, Marin e Neusa reforçaram a união em uma festa envolta em glamour, em São Paulo. Familiares, amigos e convidados VIPs bebiam champanhe, em um amplo salão decorado com tons em dourado e flores vermelhas. Tudo cuidadosamente escolhido pela mulher. Marco Polo del Nero, ex-fiel escudeiro, também estava na festa.

“Ela sempre esteve ao meu lado nos momentos de alegria e de tristeza”, discursou Marin à época. “Sou apaixonado por ela desde que a vi pela primeira vez, quando Neusa tinha apenas 14 anos. Foi amor à primeira vista. Ela veio de uma família tradicional e eu era apenas um jogador de futebol.”

Marin cresceu na capital paulista e, mesmo sem lá muito talento, chegou a ser jogador do São Paulo, tendo atuado na década de 1950 como ponta-direita. A pedido da família, o futuro homem forte do futebol brasileiro formou-se em Direito no Largo São Francisco. A carreira política começou em 1963, ano em que se elegeu vereador. Em 1982, chegou a exercer o cargo de govenador.

A carreira esportiva começou nessa mesma época, com a presidência da Federação Paulista de Futebol. Mais tarde, foi chefe de delegação da seleção brasileira na Copa do Mundo do México 1986. O ápice na carreira aconteceu em 2012 quando se aproveitou da renúncia de Ricardo Teixeira para assumir a CBF.

Os advogados de defesa alegaram a idade avançada de Marin, 86 anos, para livrá-lo da pena no Fifagate. As bodas de diamante também estavam em jogo. O advogado Charles Stillman chegou a dizer que “bate um coração de um homem” na tentativa de ver cliente em liberdade.

"Sou apaixonado por ela desde que a vi pela primeira vez. Ela veio de uma família tradicional e eu era apenas um jogador de futebol"
José Maria Marin, na festa de 55 anos de casado

Os 13 meses em que ficou preso na Suíça depois da operação que prendeu outros seis dirigentes da Fifa, em maio de 2015, e o bom comportamento na penitenciária MDC do Brooklyn e a impossibilidade de reincidência foram as principais alegações. Testemunhas presentes na Corte garantem que o cartola está visivelmente abatido.

A intervenção de Marin foi um dos raros momentos em que o julgamento saiu do protocolar. Foi a primeira vez que o cartola citou a mulher e, logo depois, caiu aos prantos. Tanto que a juíza Pamela Chen, considerada uma das mais rigorosas do país, pediu um intervalo de dez minutos para que o réu se recuperasse antes da sentença. A defesa ainda espera conseguir a transferência de Marin para uma prisão menos rígida na Pensilvânia.

Marin teve US$ 3,35 milhões (aproximadamente R$ 13,6 milhões) confisacados e terá de pagar multa de US$ 1,2 milhão (R$ 4,9 milhões). Neusa deixou a Corte com a maquiagem borrada pelo choro e o olhar perdido. A mulher do dirigente não concede entrevistas desde o início do Fifagate.

Curta a página de Esportes do R7 no Facebook