Futebol Atlético-MG apenas empata com San Lorenzo e cai na Sul-Americana

Atlético-MG apenas empata com San Lorenzo e cai na Sul-Americana

Apesar do grande volume de jogo e chances de gol criadas, time não conseguiu transpor a defesa argentina e caiu na 1ª fase do torneio

Erik foi um dos jogadores que mais buscou o gol pelo Atlético Mineiro

Erik foi um dos jogadores que mais buscou o gol pelo Atlético Mineiro

Reprodução/Twitter Atlético Mineiro

O Atlético Mineiro apenas empatou em 0 a 0 com San Lorenzo-ARG, nesta terça-feira (8), no estádio Independência, em Belo Horizonte, resultado que eliminou o clube da Copa Sul-Americana ainda na primeira fase do torneio.

O time mineiro havia perdido o primeiro jogo por 1 a 0, na Argentina. Desta forma, precisava ao menos de uma vitória pelo placar mínimo para levar a decisão para as cobranças de pênaltis.

No entanto, mesmo em desvantagem no resultado agregado, o técnico atleticano, Thiago Larghi, poupou jogadores considerados titulares. Reservas e atletas da base formaram a equipe que iniciou a partida.

A primeira boa jogada do Atlético Mineiro aconteceu aos 7 minutos, quando o atacante Alerrandro — um dos jovens valores da base — arriscou de fora da área e quase surpreendeu o goleiro Navarro, do San Lorenzo.

O jogo estava bastante movimentado, corrido, mas sem grandes oportunidades para ambas as equipes.

Aos 30, o Atlético Mineiro desceu em um contra-ataque rápido e perigoso. Roger Guedes carregou a bola até a entrada da área e tocou na esquerda para Erik. O meia-atacante cortou para o meio e bateu para o gol, mas a bola desviou na zaga e saiu pela linha de fundo.

Dez minutos mais tarde, Alerrandro cabeceou da marca do pênalti, a bola passou à esquerda do gol e deu um susto em Navarro.

O Atlético Mineiro voltou do vestiário disposto a conquistar a vitória e chegou perto do gol aos 2 minutos em um chute do vetereno Elias, mas o goleiro argentino se esticou para espalmar e evitar a abertura do placar pelo time brasileiro.

Pouco depois, o venezuelano Otero quase surpreendeu Navarro em uma cobrança de falta. Aos 15 minutos, Elias recebeu com liberdade e de frente para o gol, mas bateu fraco demais e facilitou a defesa do argentino.

Os jogadores atleticanos reclamaram muito da não parcação de um pênalti, aos 25 minutos do segundo tempo. Erik desceu pela esquerda e cruzou rasteiro. O zagueiro argentino se jogou para interceptar, mas cortou a trajetória da bola com o braço. No entanto, a arbitragem entendeu que o lance foi involuntário.

Nos minutos seguintes, os brasileiros mantiveram a pressão sobre o adversário, cruzaram muitas bolas na área. Até o goleiro Victor tentou ajudar a equipe no ataque já nos acréscimos. Mas o Galo não conseguiu vencer a defesa argentina e foi eliminado do torneio continental.

Após o apito final, o time foi bastante vaiado pelos torcedores atleticanos, que também criticaram o presidente Sérgio Sette Câmara por ter avalizado a decisão do treinador de ter poupado titulares em um jogo decisivo para a continuidade do clube na segundo competição mais importante da América do Sul.

Próxima partida

O Atlético Mineiro voltará a campo no próximo domingo pelo Campeonato Brasileiro. A equipe alvinegra visitará o Atlético Paranaense, às 16 horas, na Arena da Baixada, pela quinta rodada do Nacional.

    Access log