Palmeiras no Mundial

Futebol Abel prevê jogo duro contra Tigres, mas diz que 'Palmeiras está pronto'

Abel prevê jogo duro contra Tigres, mas diz que 'Palmeiras está pronto'

Treinador está em busca do seu segundo título na carreira, desta vez disputando um campeonato nunca vencido por um português

Lance
Abel prevê jogo duro contra o Tigres, mas diz que o Palmeiras "está preparado"

Abel prevê jogo duro contra o Tigres, mas diz que o Palmeiras "está preparado"

Lance

Às vésperas da semifinal do Mundial de Clubes, prevista para este domingo (7), diante do Tigres, Abel Ferreira concedeu entrevista coletiva direto do Qatar e falou sobre a força da equipe mexicana, que chegou nas últimas três finais da Liga dos Campeões da Concacaf.

Leia mais: Torcedor que fez tatuagem de Abel fala de amor ao Palmeiras

– O Tigres é patrocinado pela segunda maior produtora de produtos de construção civil no mundo e tem investido fortemente na equipe. É um time com grandes jogadores, tem uma forma propositiva de jogo, que valoriza o ataque. Estamos preparados para escalar esta montanha. – analisou, destacando importância de disputar uma competição desse calibre.

– Um adversário com qualidade individual e coletiva, mas nada altera nossa ambição e o que temos de fazer. Se queremos ser os melhores, temos de enfrentar as melhores equipes. Vai nos obrigar a estar no nosso melhor. Estas competições nos desafiam, eles nos deixam alerta, isto que eu e meus atletas queremos. Temos de enfrentar as melhores equipes - completou.

O técnico português também destacou a importância do Palmeiras entrar com foco e coragem para enfrentar o Tigres.

– Dentro de campo, vamos impor nossa forma de defender e atacar. Eles têm muita qualidade, eles têm um potencial tremendo, com grandes jogadores e grande time. Quando não tiver a bola temos de tampar os caminhos para a baliza, com a bola temos que jogar com a coragem, com os olhos no gol do adversário e jogar para fazer gols – explicou.

Por fim, quando questionado a respeito da falta de experiência da sua equipe, em comparação com a comandada por Tuca Ferretti, Abel foi categórico.

– A idade é experiência. É um time que vai ter o tempo bom de recuperação, que já disse não ter medo de ninguém, que tem jogo coletivo. Futebol é físico, mas um jogador com 31 anos é fresco. Com 35, 36, 37, começa a compensar o físico com a inteligência, vai no atalho. Corre menos e corre certo. Essa é a diferença para o jovem, é correr bem. Tigres tem essa experiência, o Bayern tem também. Nós vamos juntar isso que é fundamental. Temos jogadores experientes e irreverentes, essa mistura que faz de nós a equipe que somos – finalizou.

O Palmeiras segue concentrado em Doha, capital do Qatar, onde disputará o Mundial de Clubes. Em duelo válido pela semifinal, o Verdão terá pela frente o Tigres-MEX, neste domingo (7), às 15h (de Brasília), no Estádio Education City.

Últimas