Djokovic elimina Federer, e buscará 8º título no Aberto da Austrália

Tenista venceu suíço e espera confronto entre Dominic Thiem e Alexander Zverev para saber adversário da final, que acontece no próximo domingo

maior campeão do Grand Slam da Austrália, Djokovic pode virar 1º do Ranking

maior campeão do Grand Slam da Austrália, Djokovic pode virar 1º do Ranking

Lukas Coch/EFE/EPA

No 50º duelo entre Novak Djokovic e Roger Federer, o sérvio levou a melhor nesta quinta-feira (30), vencendo o rival por 3 sets a 0, e se classificou para a final do Aberto da Austrália, na qual buscará o oitavo título no torneio.

Veja mais: Atletas fazem doações para o combate às queimadas na Austrália

Djokovic, o maior vencedor do Grand Slam australiano, com sete títulos conquistados, eliminou o suíço com parciais de 7-6 (1), 6-4 e 6-3, em duas horas e 18 minutos de partida.

A nova vitória aumentou a vantagem do sérvio no retrospecto do confronto. Em 50 partidas entre ambos, desde 2006, Djokovic venceu 27 vezes, contra 23 triunfos de Federer.

No próximo domingo, o adversário de Novak Djokovic na final será o ganhador do duelo entre o austríaco Dominic Thiem e o alemão Alexander Zverev, que se enfrentam nesta quinta-feira.

Caso seja campeão, o sérvio, atual número 2 no ranking mundial da ATP, ultrapassará o espanhol Rafael Nadal, que ocupa a ponta da tabela neste momento e foi eliminado do torneio por Thiem nas quartas de final.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

Casa dos Dolphins e estádio da Copa 2026: conheça sede do Super Bowl 54