Copa 2018 Neymar cai no choro após marcar gol na vitória contra a Costa Rica

Neymar cai no choro após marcar gol na vitória contra a Costa Rica

Nervoso durante a vitória contra a Costa Rica, o camisa 10 perdeu um gol, teve pênalti anulado pelo VAR e levou um cartão amarelo

Neymar, Choro

Neymar chorou ao final da partida contra a Costa Rica

Neymar chorou ao final da partida contra a Costa Rica

Max Rossi/Reuters - 22.06.2018

O atacante Neymar caiu no choro ao final da segunda partida da seleção brasileira na Copa do Mundo da Rússia. Autor do segundo gol da vitória por 2 x 0, o craque já havia perdido um gol, sofrido um pênalti anulado pelo VAR e tomado um cartão amarelo.

No duelo desta sexta-feira (22), o camisa 10 da seleção estava visivelmente nervoso nas jogadas e discutiu diversas vezes com o árbitro.

Aos 33 minutos, o craque recebeu a bola de Firmino na entrada da área, limpou a marcação e, no momento do chute, caiu dentro da área. O juiz assinalou pênalti, mas quando foi consultar o sistema de vídeo, anulou a marcação.

Cidade fantasma: ruas de SP ficam desertas durante jogo da seleção

Poucos minutos após a anulação do pênalti, Neymar tentou um lance pela esquerda e se irritou com a marcação do juiz, jogou a bola no chão e foi advertido com o cartão amarelo.

Alvo de críticas

Principal nome da seleção canarinha, Neymar foi alvo de críticas desde o início da Copa pelas diversas quedas no duelo de estreia em que o Brasil empatou em 1 x 1 com a Suíça.

Fora de campo, o atacante também foi muito questionado pelos três cortes de cabelo diferentes desde a chegada da seleção à Rússia. 

Também no extracampo, pesa o fato de Neymar ter atravessado uma lesão há menos de três meses antes do Mundial. Com gols nos amistosos contra a Áustria e Croácia, o gol marcado nesta sexta-feira foi o primeiro em jogo oficial após a contusão. 

Agora, Neymar volta a campo junto com a seleção na próxima quarta-feira (27) no duelo contra a Sérvia. O duelo acontece no estádio do Spartak, em Moscou, e vai definir a colocação do Brasil no grupo E.

    Access log