Com técnico Roger Machado ameaçado, Bahia busca recuperação na Sul-Americana

Tentando evitar a crise, o Bahia busca a recuperação em jogo diante do Nacional, do Paraguai, nesta quarta-feira, às 21h30, na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), pela primeira fase da Copa Sul-Americana.

O técnico Roger Machado chega com o cargo ameaçado após uma semana negativa, após a eliminação precoce na Copa do Brasil, diante do modesto Ríver-PI (1 a 0), na quarta, e a derrota para o eterno rival Vitória no Ba-Vi, pela Copa do Nordeste (2 a 0), no sábado passado.

"Em relação ao treinador, isso cabe à diretoria. Os jogadores têm total confiança nele e tenho certeza que a gente vai fazer de tudo para conquistar o resultado e dar mais estabilidade para ele e para todos nós", disse o atacante Élber.

Com pouco tempo de preparação para a estreia na Sul-Americana, Roger não deverá fazer grandes mudanças. Apenas o goleiro Douglas corre risco de ser sacado após falhar nas últimas partidas.

Em relação ao Nacional, o técnico Roberto Torres poderá contar com o volante Orzusa e o atacante Beltrán, ambos conhecidos dos torcedores brasileiros. O primeiro atuou na Chapecoense em 2018 e 2019 e Guillermo Beltrán esteve no Vitória em 2014.

O Nacional chega para o confronto na quarta colocação do Campeonato Paraguaio. São duas vitórias, um empate e uma derrota, além de sete gols a favor e três tomados.