Briga com massagista de rival marca vitória do Sport em partida do Pernambucano

Uma grande confusão em campo, aos 33 minutos do segundo tempo, marcou o triunfo do Sport por 1 a 0 sobre o Vitória-PE, na noite de quarta-feira, no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, pela primeira rodada do quadrangular contra o rebaixamento do Campeonato Pernambucano. Momentos antes do atacante Marquinhos marcar o gol do time rubro-negro, o massagista do clube visitante invadiu o gramado para atender um jogador da sua equipe e provocou uma briga.

Mesmo sem a autorização do árbitro Tiago Nascimento, o massagista do Vitória-PE entrou no gramado para atender um jogador dentro da área do Sport, justamente na hora que o time do Recife atacava. Saiu o gol de Marquinhos e membros da comissão técnica rubro-negra partiram para cima do profissional da equipe visitante, iniciando uma briga com troca de socos.

O massagista, atingido por trás pelo zagueiro rubro-negro Adryelson na confusão, foi expulso. E mesmo após o apito final o clima de animosidade continuou, já que pessoas ligadas à comissão técnica do Sport foram até o vestiário do Vitória-PE para tirar satisfações. Mas desta vez a confusão não teve consequências mais graves.

Nas redes sociais, com as imagens da transmissão da TV, torcedores também flagraram a agressão de Adryelson ao massagista. O defensor não punido nem com o cartão amarelo, que seria o segundo, já que ele levou a advertência no começo do jogo em outro lance.

Com o resultado positivo, o Sport soma três pontos e está na liderança do quadrangular contra o rebaixamento. Logo depois aparecem Decisão e Petrolina, com um ponto cada após empate por 1 a 1 também na quarta-feira, e o Vitória-PE está em último, sem pontuar.

A segunda rodada acontece neste sábado. O Sport visita o Decisão, enquanto que o Vitória-PE encara o Petrolina. Se vencer este, o time rubro-negro se garante na primeira divisão do Campeonato Pernambucano.