R7 - Esportes

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Esportes/Mais Esportes/Notícias

Icone de Mais Esportes Mais Esportes

publicado em 27/04/2011 às 15h15:

Zé Aldo avisa que sua luta não chega ao fim no UFC 129: "Quem estiver com a cabeça mais longe vai cair"

Brasileiro encara Mark Hominick na segunda luta principal do evento deste sábado

Do R7

Publicidade

Três dias antes do maior evento da história do UFC, que contará com mais de 50 mil torcedores no ginásio em Toronto, os promotores da organização promoveram a coletiva de imprensa com os envolvidos nos três combates principais. 

Acompanhe a página de MMA do R7

Com o patrão Dana White ao centro, os atletas do corner vermelho, Georges St. Pierre, José Aldo e Randy Couture, se posicionaram do lado esquerdo, enquanto seus adversários, Jake Shields, Mark Hominick e Lyoto Machida, se posicionaram do direito para serem sabatinados pelos jornalistas.

Com o início da sessão, os brasileiros foram pouco acionados, sempre contando com a ajuda do empresário Ed Soares, que traduzia as perguntas para os lutadores e as respostas para os jornalistas.

Coadjuvante no main event, o desafiante ao cinturão dos meio-médios (77 kg) Jeka Shields foi o mais requisitado, e arrancou diferentes manifestações dos fãs ao responder sobre o fato de ser o azarão nas bolsas de apostas.

- Estou acostumado a ser o azarão. Já lutei dessa forma algumas vezes e sempre me sai bem e venci. Estou pronto para chocar mais uma vez.

Confira os principais momentos dos brasileiros na coletiva de imprensa do UFC 129, que acontece neste sábado (30) com cobertura minuto a minuto do R7:

Zé Aldo 

Essa será sua estréia no UFC, e você não está sendo muito badalado com este card repleto de lutadores renomados. Você se incomoda com isso?
Aldo -
Não vejo problema se estou sendo visto ou não. Eu vou estar lá dentro, e isso é o que importa. Lá dentro vou mostrar quem sou. 

O Mark Hominick é um lutador com estilo agressivo, e que parte para cima. Você acha que isso vai ditar o ritmo da luta?
Aldo -
São dois lutadores que atacam. Ele vai procurar fazer o jogo dele ,e eu o meu, mas na hora vamos mostrar quem é quem. Quem estiver com a cabeça mais longe vai cair.

Lyoto Machida

Quando você foi campeão, o assédio no Brasil era enorme, e agora ele diminui. Como você vê isso, acha melhor?
Machida -
Quando você é o campeão, parece que tem um alvo em suas costas, todos miram em você. A mídia sempre fica em cima, e é mais difícil fazer as atividades. Hoje tenho um assédio que não é tão grande, consigo treinar melhor, render melhor, mas a minha busca vai ser sempre em voltar a ser campeão.

Você foi campeão invicto e sem perdeu nenhum round no UFC. Como era essa pressão, te atrapalhou?
Machida -
Acho que a pressão sempre vai existir independentemente de qual situação você esteja. Mas estou muito concentrado no que eu fiz, no meu treinamento para esta luta. Vou dar o meu melhor.

Veja Relacionados:  ufc, mma
ufc  mma 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping