R7 - Esportes

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

31 de Outubro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Esportes/Mais Esportes/Notícias

Icone de Mais Esportes Mais Esportes

publicado em 12/07/2013 às 11h28:

Para Werdum, Spider estava estressado e
pareceu “querer se livrar” do cinturão do UFC

Gaúcho afastou qualquer possibilidade de “marmelada” no combate realizado no sábado

Diego Ribas, do R7


Publicidade

Fabrício Werdum conhece Anderson Silva de longa data. Por também ter passado pela academia curitibana Chute Boxe e por treinar até hoje com o mestre Rafael Cordeiro, nos EUA, o peso-pesado já encontrou com o Spider em tatames, onde pode dividir conhecimentos e até mesmo trocar informações durante sessões de sparrings.

E, justamente por conhecer o ex-campeão dos pesos médios (84 kg) fora dos octógonos, Werdum pode analisar com mais precisão a inusitada derrota por nocaute do curitibano frente ao azarão Chris Weidman, em evento realizado no último sábado (6), em Las Vegas.

Com exclusividade ao R7, o gaúcho afirmou que Anderson, embora seja muito melhor do que o rival, não rendeu o esperado e, possivelmente, isso se deve ao estress acumulado ao longo dos últimos anos com viagens, treinos e defesas de cinturão.

— As pessoas não sabem mas, de repente, ele estava estressado, e, em ultima hipótese, ele pode ter dado uma surtada pois parecia não estar concentrado. A verdade é que o Anderson não pareceu o Anderson, parecia querer livrar-se do cinturão.

Acompanhe a página de MMA do R7

Werdum também afirmou que não enxergou nas brincadeiras do brasileiro uma forma de desrespeito ao adversário ou arrogância do próprio Spider mas, sim, um reflexo do momento do próprio lutador.

— Acho que ele está cansado da rotina, cheio de tudo. Claro que ele não programava esse nocaute, não existe marmelada, mas ele não estava com aquela vontade de sempre.

Em alta no UFC após acumular três vitórias seguidas no octógono – a última delas por finalização sobre o lendário Rodrigo “Minotauro” –, o peso-pesado gaúcho, que está em rota de colisão para disputar o cinturão da categoria, apontou o compatriota Júnior “Cigano”, único atleta a nocauteá-lo, como favorito para recuperar o cinturão diante de Cain Velasquez.

— Acho que, se o Cigano impuser o ritmo dele, não tiver receio de cair no chão, ele nocauteia o Cain de novo. O bom do Cigano é o ataque. Na última luta entre eles, o Cigano se preocupou muito em não cair e o Velasquez foi muito inteligente. Se o Cigano entrar no jogo dele vai ficar difícil, até porque, defendendo ou não, ele vai cair igual, atacando ele tem muito mais chance do que se ficar defendendo as quedas.

Veja as respostas do quiz


 


 

 
Veja Relacionados:  ufc,mma,pride,strikeforce,luta
ufc  mma  pride  strikeforce  luta 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping