R7 - Esportes

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Esportes/Mais Esportes/Notícias

Icone de Mais Esportes Mais Esportes

publicado em 10/06/2011 às 18h24:

Americano prega respeito por rival brasileiro, mas
já pensa em duelo com o campeão Zé Aldo no UFC

Kenny Florian encara o carioca Diego Nunes no UFC 131, neste sábado, no Canadá

Do R7

Publicidade

Aos 35 anos, o americano Kenny Florian cansou de lutar entre os pesos-leves (70 kg) - categoria onde se destacou e sempre figurou entre os tops, embora nunca tenha disputado o cinturão do UFC – e desceu de peso para encarar o brasileiro Diego Nunes neste sábado (11), pela 131ª edição do evento americano. 

Acompanhe a página de MMA do R7

Sabendo que uma vitória sobre Nunes pode alçá-lo a uma disputa de cinturão contra José Aldo, campeão peso-pena (65 kg), Florian, em entrevista ao site Sherdog, tratou de enaltecer as qualidades do oponente, mas deixou claro que se considera apto para disputar o título na sequência.

- Se você olhar o que eu fiz entre os leves e o que fiz na minha carreira, acho que se eu bater um top-5 do mundo terei minha chance de disputar o título agora. Vamos ver, mas eu realmente acredito que isso pode acontecer.

Parceiro de treinos de Zé Aldo, o carioca Nunes estreou com sucesso na organização ao bater por pontos o ex-campeão do extinto evento WEC, no UFC 125, anotando a 16ª vitória em um cartel que só conta com uma derrota.

- O Nunes é um cara rápido, forte, com chutes muito potentes, é definitivamente um dos melhores do mundo. Quero me colocar numa posição para lutar pelo cinturão e isso não vai acontecer se eu lutar contra um cara qualquer. Quer forma melhor de provar que pode estar no topo do que enfrentando um parceiro de treinos de Jose Aldo?

A confiança de Florian é tanta, que o lutador afirmou que a mudança de categoria não trará dificuldades de adaptação, e que, talvez, esse deveria ter sido o peso ideal em toda sua carreira.

- Tenho seguido a programação com disciplina e me sinto muito bem, esse camp foi o melhor de todos da minha vida. Quem sabe eu não deveria ter lutado nesta categoria desde sempre?

Veja o card completo do UFC 131

Shane Carwin x Junior dos Santos
Kenny Florian x Diego Nunes
Jon Olav Einemo x Dave Herman
Demian Maia x Mark Munoz
Donald Cerrone x Vagner Rocha
Chris Weidman x Jesse Bongfeldt
Yves Edwards x Sam Stout
Dustin Poirier x Jason Young
Nick Ring x James Head
Darren Elkins x Michihiro Omigawa
Krzysztof Soszynski x Mike Massenzio
Aaron Rosa x Joey Beltran

 


 

Veja Relacionados:  ufc, mma
ufc  mma 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping