R7 - Esportes

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

30 de Outubro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Esportes/Mais Esportes/Notícias

Icone de Mais Esportes Mais Esportes

publicado em 15/05/2013 às 00h30:

“Colecionador de cinturões”, treinador de
Spider veta luta com Jacaré no UFC

Josuel Distak planeja transição sadia de título dos pesos médios entre seus pupilos

Diego Ribas, do R7


Publicidade

O profissionalismo e o valor do business envolvido torna cada vez mais rara a manutenção do “código de honra” entre atletas da mesma academia no MMA. Mesmo com a mudança de cenário, a X-Gym, academia onde Anderson Silva treina, segue fiel à “conduta samurai” e veta qualquer confronto entre colegas de treino.

Responsável pelos treinos específicos de MMA, Josuel Distak não faz segredo sobre o assunto e, ao receber a reportagem do R7 à beira do tatame, anunciou o veto do combate entre Anderson Silva, campeão dos pesos médios (84 kg) do UFC e Ronaldo Jacaré, estreante no evento e ex-campeão do Strikeforce.

- Essa luta é impossível, nós temos um código de honra e de lealdade. A única chance é se alguém quebrar, como aconteceu com o Vitor contra Anderson. Mas você vê, o Jones lutou com o Rashad, o Condit com o GSP e assim por diante. É o giro do UFC, da Copa do Mundo. Mas aqui ainda temos a filosofia da arte marcial.

Acompanhe na página de MMA do R7

Prestes a estrear no maior evento de artes marciais do mundo contra Chris Camozzi, Jacaré chega como top 5 de sua categoria e em franca rota de colisão com o parceiro de treino. Fato que não tira a calma do treinador.

- O Anderson já está no processo de aposentadoria. Ele é o Michael Jordan do MMA, não precisa provar mais nada. Jacaré está chegando, vai lutar pela cinta quando o “Negão” deixar em aberto. A ideia é não deixar com ninguém de fora, fazer o título ficar com a gente de novo assim que o Anderson soltar.

“Colecionador de cinturões”, como ele mesmo gosta de se chamar, Distak enumera rapidamente 15 importantes conquistas nos octógonos como as provas de seu trabalho como técnico antes mesmo de se juntar à X-Gym, em 2005.

Original de Belém, a “capital mundial do MMA”, o ex-treinador de boxe da seleção brasileira amadora conquistou notoriedade no cenário nacional ao se mudar para São Paulo, onde liderou uma equipe formada por nomes como Vitor Belfort e Demian Maia.

- Eu já tinha um currículo antes de vir para a X-Gym. Nosso trabalho é esse, colecionar cinturões, vivemos de resultados. Conquistei um com o Demian, dois com o Vitor – um deles no UFC -, Paulão, Erick Silva, a unificação Anderson no UFC, Jacaré, Feijão. São muitos, mas ainda é só o começo.

Veja as respostas do quiz


 


 

 
Veja Relacionados:  ufc,mma,pride,strikeforce,luta
ufc  mma  pride  strikeforce  luta 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping