• Twitter Created with Sketch.

Na Vila Belmiro, Santos encara um Inter cheio de reservas pela Copa do Brasil

Na Vila Belmiro, Santos encara um Inter cheio de reservas pela Copa do Brasil

Santos - Santos e Internacional começam nesta quarta-feira, às 19h30, no estádio da Vila Belmiro, em Santos, o confronto pelas quartas de final da Copa do Brasil. Para esta partida de ida, o momento das equipes é bem diferente e isso motiva uma situação pouco comum para um jogo de tamanha importância. O clube paulista está no G4 do Campeonato Brasileiro, mas o gaúcho vive uma enorme crise e hoje estaria rebaixado pela primeira vez na história à Série B. Assim, jogará com um time cheio de reservas na Baixada Santista.

Com três baixas importantes e um retorno, o técnico Dorival Júnior divulgou nesta terça-feira a lista de 23 jogadores relacionados do Santos. Os desfalques estão por conta do atacante Ricardo Oliveira, do zagueiro Gustavo Henrique e do meia Vitor Bueno, todos por problemas físicos. O primeiro se recupera de lesão muscular na coxa direita, enquanto que o segundo sofreu um rompimento num dos ligamentos do joelho esquerdo. E o defensor também se reabilita de contusão muscular na coxa esquerda.

Sem Ricardo Oliveira, Dorival Júnior voltou a relacionar Paulinho. Ele estava afastado da equipe há cerca de um mês por problemas físicos. Voltou a treinar com o restante do grupo somente na segunda-feira passada. O atacante não era relacionado desde a metade de agosto. Além de Paulinho, o treinador listou Joel, Jonathan Copete, Rodrigão e Walterson, do time B do Santos.

O zagueiro Luiz Felipe afirmou nesta terça-feira que o Santos não pode se considerar favorito por enfrentar o time reserva do Internacional. O defensor relembrou que neste ano o time da Vila Belmiro não conseguiu bater o adversário, que vai poupar os principais jogadores para priorizar a luta contra o rebaixamento no Brasileirão.

"Temos que encarar com seriedade, independente da situação do Inter. É um clube de muita qualidade e tradição, que está passando por um momento ruim. Jogamos duas vezes com eles neste ano e não conseguimos o resultado, então temos que entrar focados", afirmou o zagueiro em entrevista coletiva no CT Rei Pelé.

No Internacional, garantir a permanência na Série A para 2017 é mesmo a prioridade. O técnico Celso Roth armou uma equipe praticamente reserva para o confronto e mostrou que o foco está mesmo no Brasileirão. O comandante fez oito mudanças em relação à escalação que entrou em campo diante do Atlético Mineiro, na derrota por 3 a 1 do último domingo, que deixou o time na 18.ª colocação.

Boa parte destas novidades, no entanto, eram titulares do Internacional recentemente - casos de Artur, Fabinho, Seijas, Valdivia e Nico López. Os outros nomes que ganham uma chance são Rak, Eduardo e Eduardo Henrique.

Os únicos mantidos pelo treinador foram o goleiro Danilo Fernandes, o zagueiro Ernando e o volante Fernando Bob, que deu entrevista após o treino e prometeu um Internacional forte nesta quarta-feira, mesmo com uma escalação alternativa. "Vamos dar o nosso máximo. Quem entrar na Copa do Brasil vai dar conta do recado", disse.

  • Espalhe por aí:
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!
Access log
Access log