R7 - Esportes

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Esportes/Futebol/São Paulo/Notícias

Icone de São Paulo São Paulo

publicado em 15/04/2011 às 13h16:

Juvenal Juvêncio e Édson Lapolla confirmam
candidaturas à presidência do São Paulo

Atual presidente tentará a reeleição, mas terá de vencer oposição no clube

Da Gazeta Press

Publicidade

As eleições presidenciais do São Paulo serão realizadas na próxima quarta-feira (20), no mesmo dia do confronto com o Goiás, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Nesta sexta (15), Juvenal Juvêncio, atual mandatário, e o oposicionista Édson Lapolla confirmaram suas respectivas candidaturas.

Em cumprimento a um artigo do estatuto do São Paulo, os dois candidatos publicaram suas plataformas de gestão em jornais da capital paulista. No entanto, o desfecho do pleito deve se arrastar, já que a oposição contesta na Justiça a tentativa de Juvenal Juvêncio de permanecer no comando.

O atual mandatário assumiu o poder em 2006 e foi reeleito em 2008. O estatuto anterior do clube permitia apenas uma reeleição. Juvenal Juvêncio, no entanto, alega que tentará sua primeira reeleição com base no novo estatuto. Por isso, a oposição contesta a candidatura, segundo plataforma publicada por Lapolla.

- Esta plataforma está sendo publicada para atendimento do Artigo 85º do Estatuto Social, salientamos que em nosso entendimento este pleito é ilegal, sendo claro que seu resultado ficará sub judice. A apresentação de nossa candidatura com as propostas acima é resultado de nosso respeito à história do São Paulo Futebol Clube, seus associados e sua enorme torcida.

Juvenal Juvêncio, de 75 anos, é favorito absoluto para as eleições. Além de presidir o clube desde 2006, ele também exerceu a função entre 1988 e 1990. Já Édson Lapolla, de 62 anos, ocupou alguns cargos de menor expressão ao longo de sua trajetória, entre eles o de diretor adjunto de futebol. Atualmente, ele é conselheiro.

Veja as principais propostas de Juvenal Juvêncio:

- Priorizar a base do São Paulo no elenco profissional e complementar o elenco com contratações de alto nível
- Concluir reformas no estádio do Morumbi nos setores intermediário e arquibancada
- Criação de camarotes, aumentando a geração de receitas e o superávit financeiro
- Construção da cobertura para todos os assentos do estádio
- Criação de uma arena de shows para 25 mil lugares na área interna, visando possibilitar a realização de shows sem autorização do gramado
- Conclusão do hotel do CT de Cotia para receber delegações nacionais e internacionais
- Construção do estádio em Cotia para jogos da base
- Melhorias na parte social

Veja as principais propostas de Édson Lapolla:

- Publicação de atas, deliberações do Conselho Deliberativo e balancetes mensais no site oficial do clube
- Apresentação dos contratos ao Conselho Deliberativo
- Criação do cargo de manager para gerenciar os CCT da Barra Funda e o CFA Laudo Natel
- Novos parâmetros na relação clube/atleta, minimizando a influência dos empresários
- Auxilio nas demandas públicas e privadas para as melhorias no entorno do estádio
- Estudo de viabilização do voto de sócio-torcedores na Assembleia Geral do clube
- Desenvolvimento de uma rede de escolinhas nas áreas públicas, objetivando colaborar efetivamente com a inclusão social através do esporte, podendo revelar valores para as categorias de base, ao mesmo tempo dando a contrapartida exigida pela Prefeitura pela cessão do terreno do CCT da Barra Funda
- Reinício das obras da sede social

Veja Relacionados:  juvenal, edson lapolla
juvenal  edson lapolla 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping