Técnico Tite explica rodizio de convocados e destaca alto nível dos jogadores

Entre os 24 chamados, nove atletas foram titulares em conquistas de seus clubes em 2017

Do R7

Tite não poupou elogios para o lateral direito Rafinha e o zagueiro Jemerson, surpresas na lista de convocados WALLACE TEIXEIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Em fase final de temporada europeia, o técnico Tite realizou a convocação para os amistosos contra Argentina e Austrália poupando alguns de seus principais jogadores e atletas que disputarão a final da Liga dos Campeões da Europa. Entre as novidades na lista estão Diego Alves, Jemerson, Alex Sandro, Rodriguinho e o retorno de David Luiz.

Rodriguinho é a principal novidade da convocação de Tite para amistosos na Austrália

Convocação de Tite deixa de lado 7 titulares, inclusive Neymar: "Quisemos preservar a equipe"

“Novela Sampaoli” está perto do fim e treinador revela sonho de treinar seleção argentina

Explicando o motivo de algumas mudanças com relação aos atletas chamados para nas goleadas contra Uruguai e Paraguai nas Eliminatórias para a Copa do Mundo, o técnico Tite destacou o potencial do lateral Rafinha e do zagueiro Jemerson e pontuou as características semelhantes entre o meia Diego do Flamengo e Rodriguinho do Corinthians, que foi convocado.

“O Rafinha tem 135 jogos, campeão alemão. Jemerson foi campeão francês e semifinalista da Champions, e acompanhamos in loco seu desempenho. Tem todas as credenciais neste aspecto. O Rodriguinho foi um dos destaques do Campeonato Paulista, ele concorria com o Diego. Eu procuro colocar e deixo claro que os atletas precisam concorrer com lealdade. Que os atletas produzam mais e elevem o nível técnico. Poderia ser o Diego, mas neste momento é Rodriguinho", declarou.

Com a final da Liga dos Campeões marcada para o próximo dia 3 junho, entre Real Madrid e Juventus, o comandante deu folga aos titulares Daniel Alves e Marcelo, mas apostou em Alex Sandro, um dos destaques do time italiano. O treinador também revelou que também está analisando jovens talentos como o lateral Jorge, hoje no Mônaco, e Gabriel, do Atlético Mineiro.

"Alex Sandro é da defesa menos vazada, está na final. Mas não deixo de pensar no Jorge, porque daqui a pouco pode estar aqui. Ou o Gabriel, do Atlético-MG. Temos um acompanhamento máximo possível, em cima dessas condições", acrescentou.

Expandindo o leque de opções e analisando possíveis nomes para as últimas rodadas das Eliminatórias e com o foco na Copa do Mundo de 2018, Tite afirmou que esta mudança faz parte de mais uma etapa na construção do time e que todos os jogadores chamados estão atuando em alto nível.

"São etapas de construção da equipe. Qualquer preparativo a gente pode direcionar para um lado ou outro. O alto nível é assim. Todos os outros que não foram convocados têm que olhar para o lado e dizer: ‘O Jemerson tá jogando muito, Rafinha foi campeão’. Essa é a oportunidade de criar uma equipe forte, não uma individualidade. É ter atletas de alto nível, preservando alguns", completou.

Assista 24 horas à programação da Record TV

Líder das Eliminatórias e garantido na Copa do Mundo, a seleção brasileira enfrenta a Argentina no dia 9 de junho e Austrália no dia 13, ambas as partidas serão realizadas na cidade de Melburne, no estádio Melbourne Cricket Ground-AUS.

  • Espalhe por aí:

Twitter

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!