R7 - Esportes

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

30 de Outubro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Esportes/Futebol/Notícias

Icone de Futebol Futebol

publicado em 16/10/2010 às 23h01:

Ronaldo critica protestos da torcida e
fala em ser presidente do Corinthians

Em entrevista pelo Twitter, atacante reclamou de "invasão" ao CT

Agência Estado

Publicidade

Criticado pela torcida, o atacante Ronaldo reclamou neste sábado (16) dos protestos promovidos pelos torcedores no CT do Parque Ecológico nos últimos dias. O jogador, que havia escapado das manifestações de sexta-feira (15), foi provocado por cerca de 300 membros de torcida organizada que visitaram a concentração do Corinthians na véspera da partida contra o Guarani, em Campinas.

"Ronaldo, vamos jogar. O Coringão não é o seu spa!", gritaram os torcedores, cobrando o retorno do atacante aos jogos. Na sexta, as vítimas do protesto foram o lateral Alessandro, o volante Moacir, o meia Danilo e o atacante Souza.

Insatisfeito com a situação, Ronaldo pediu a colaboração da torcida em uma transmissão de vídeo ao vivo pelo Twitter, neste sábado.
 
- Foram 200 caras lá protestar e isso não ajuda em nada o clube ou os jogadores nesse ambiente em que estamos no momento. O torcedor tem o direito de torcer na arquibancada. A partir do momento que ele vem ao nosso treino, perde a razão. Era a hora de ser um pouco mais civilizado.

Depois do desabafo, o atacante acompanhou pela televisão a notícia sobre os protestos da torcida, incluindo as críticas ao seu peso. Sem interromper a transmissão pelo Twitter, vista por cerca de 12 mil internautas, ele evitou fazer comentários sobre as provocações, mas não escondeu o incômodo.

Ronaldo aproveitou o momento para responder às perguntas dos internautas. Reiterou que pretendia se aposentar neste ano, mas adiará os seus planos para o final de 2011 para compensar a torcida pela ausência na maior parte do Brasileirão, por conta das seguidas lesões.

Em relação ao futuro técnico do Corinthians, o atacante foi diplomático e evitou apontar o seu favorito. 

- Não tenho preferência. Conheço bem o Parreira, liguei para ele para convencê-lo a aceitar, mas ele está mais para recusar. Esteve fora do país muitos anos e é muito compreensível a opinião dele.
 
Sobre seu futuro, Ronaldo afirmou que poderia pensar em se tornar presidente do Corinthians depois da aposentadoria. 

- É algo que poderia me dar prazer, estar ligado ao futebol, a um clube que amo, e pode ser algo a se pensar no futuro.

Veja Relacionados:  corinthians, ronaldo
corinthians  ronaldo 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping