R7 - Esportes

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

18 de Setembro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Esportes/Futebol/Notícias

Icone de Futebol Futebol

publicado em 13/12/2012 às 08h38:

PM nega uso de arma em vestiário do Tigre

São Paulo relatou que os jogadores argentinos tentaram invadir o espaço do Tricolor

Estadão Conteúdo


Publicidade

A Polícia Militar negou que seguranças do São Paulo estavam portando armas de fogo no Estádio do Morumbi na noite de quarta-feira (12), durante a decisão da Copa Sul-Americana contra o Tigre, da Argentina. O major Gonzaga confirmou que a polícia foi convocada para separar uma briga generalizada entre seguranças do clube brasileiro e jogadores e membros da comissão técnica do time argentino, mas garantiu que ninguém estava armado durante o tumulto.

— Nós fomos chamados para separar uma briga generalizada entre comissão técnica, jogadores do Tigre e seguranças do São Paulo. O policiamento chegou lá, a briga estava generalizada. A Polícia Militar só separou a briga e não constatou que ninguém estivesse armado. Se isso fosse constatado, o segurança seria preso.

A diretoria do São Paulo apresentou a sua versão para o início da confusão que provocou o abandono da final da Copa Sul-Americana pelo Tigre na noite de quarta-feira (12). Vice-presidente de futebol do clube, João Paulo de Jesus Lopes declarou que os jogadores do time argentino tentaram invadir o vestiário da equipe paulista.

— Eles tentaram invadir nosso vestiário e temos seguranças nossos machucados. Pediremos também providências sérias contra eles na Conmebol. Eles têm que ser punidos.

Lucas, a despedida ideal com a camisa do São Paulo

Presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio debochou do comportamento do Tigre e declarou que a conquista do título da Copa Sul-Americana foi mais saborosa com o abandono da equipe argentina.

— Foram 67 mil torcedores. O Tigre estava com a língua de fora. Eles iriam tomar uma goleada e fizeram um papel feio. A fuga dos argentinos é a nossa vitória maiúscula.

Veja o vestiário do Tigre após jogo com o São Paulo na Copa Sul-Americana

Na noite de quarta-feira (12), o São Paulo abriu vantagem de 2 a 0 no primeiro tempo da decisão da Copa Sul-Americana. Na saída para o intervalo, jogadores e membros das comissões técnicas das duas equipes se desentenderam. Em seguida, o time argentino entrou em conflito com os seguranças do time paulista no vestiário do Morumbi.

Após a confusão, os jogadores do Tigre alegaram falta de segurança para retomar o jogo, por conta de supostas agressões de seguranças do São Paulo e de policiais dentro do vestiário. E até apontaram marcas de sangue nas paredes dos vestiários.. Com o abandono do time argentino, o árbitro chileno Enrique Osses encerrou a decisão da Copa Sul-Americana, garantindo a conquista do título continental pelo clube brasileiro.

Veja as respostas do quiz

 

 
Veja Relacionados:  são paulo, tigre, pm, briga, vestiário
são paulo  tigre  pm  briga  vestiário 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping