Faixas e instrumentos musicais de organizadas vão voltar aos estádios paulistas

Clássicos no Estado de São Paulo continuarão tendo torcida única

Torcedores do Palmeiras em frente ao CT do clube
Torcedores do Palmeiras em frente ao CT do clube Newton Menezes/Futura Press/Folhapress

As bandeiras, instrumentos musicais e faixas voltarão a aparecer nos estádios paulistas nos próximos dias. Uma reunião na Secretaria da Segurança Pública, em São Paulo, serviu para flexibilizar limitações impostas às torcidas organizadas. Dentre elas, acertar o retorno dos adereços para as arenas do Estado de São Paulo.

A reunião contou com a presença de membros do Poder Judiciário, Ministério Público, Polícia Civil e Militar, Federação Paulista de Futebol (FPF) e dos quatro principais clubes de São Paulo - o Corinthians foi o único que se fez presente por seu presidente, Roberto de Andrade.

Um novo encontro, com a presença das torcidas organizadas, deve acontecer na semana que vem para apresentar as medidas de flexibilização e as condições que elas precisam adotar para que as mudanças sejam aprovadas. A ideia é que no segundo turno do Campeonato Brasileiro as novidades já estejam em vigor.

Algo que já foi definido é que os clássicos continuarão tendo torcida única. Segundo a SSP, a adoção da torcida única propiciou aumento de 23% de público nos 27 clássicos paulistas realizados desde então, em comparação com os 27 clássicos realizados anteriormente. Também diminuiu em 50% os confrontos entre organizadas. Durante o período, não foram registradas brigas entre torcidas nas estações de trem e metrô da capital.

EsportesR7 no YouTube. Inscreva-se