Jogador de futebol americano faz comentário machista e irrita fãs

Cam Newton, do Carolina Panthers, riu de pergunta de jornalista mulher

Cam Newton durante jogo pelo Carolina Panthers
Cam Newton durante jogo pelo Carolina Panthers Jeremy Brevard/Reuters

Após os protestos de jogadores da NFL contra o presidente Donald Trump, a Liga de Futebol Americano voltou a ter seu nome ligada a outra polêmica. Em entrevista coletiva, o quaterback do Carolina Panthers, Cam Newton, ironizou e deu risada da pergunta da jornalista Jourdan Rodrigue.

EsportesR7 no YouTube. Inscreva-se

O atleta foi perguntado sobre alguns aspectos técnicos do jogo, como as rotas do Wide Receiver, Devin Funchess, e respondeu: "Engraçado ouvir uma mulher falar sobre rotas. É engraçado", disse o jogador em tom irônico.

O ato causou repercussões negativas tanto para o ex-MVP quanto para a franquia, e a própria liga. Horas depois do ocorrido, a assessoria de imprensa do Carolina Panthers emitiu uma nota dizendo que o atleta procurou a jornalista logo depois da entrevista para pedir desculpas, mas não foi bem assim que ocorreram os fatos.

Segundo a coluna de Scott Fowler, colega de trabalho de Jourdan que estava na sala de entrevistas no momento da polêmica, a comentarista do The Charlotte Observer foi até Newton exigindo explicações. Ouve uma conversa entre os dois em que Cam Newton tentou não polemizar o assunto.

A jornalista teria perguntado ao quarterback se ele realmente não achava que uma mulher pudesse entender as rotas. Newton teria respondido que talvez ele deveria ter dito que era divertido ouvir "repórteres" falando sobre rotas e, se ela realmente soubesse sobre elas, então ela sabia mais do que a maioria dos repórteres.

Jourdan Rodrigue ainda reforçou na coluna de Fowler que o jogador não pediu desculpas pelo seu comentário: "Estava consternada com a resposta dele, que não só me desprezou, mas outras mulheres que estavam diante de mim e que trabalham em empregos similares também. Procurei o Sr. Newton quando ele saiu do vestiário alguns minutos depois e ele não se desculpou por seus comentários", contou a profissional.

A NFL, através de seu porta-voz se mostrou contrária a posição de Newton e disse que as palavras do jogador foram desrespeitosas perante as jornalistas mulheres e a todos que cobrem o esporte.

O fato vem de encontro ao momento em que a NFL tenta evidenciar as mulheres dentro da Liga. Neste ano, pela primeira vez na história uma mulher narrou um jogo de Futebol Americano.