R7 - Esportes

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

31 de Outubro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Esportes/Esportes Olímpicos/Notícias

Icone de Esportes Olímpicos Esportes Olímpicos

publicado em 13/11/2012 às 02h30:

Volta do basquete às Olimpíadas anima jogadores do NBB

Seis jogadores que estiveram em Londres vão jogar a competição nacional

Do R7

Publicidade

Programada para começar no fim de novembro, a temporada 2012/2013 do Novo Basquete Brasil (NBB) terá um clima diferente dentro da quadra, depois da primeira participação da seleção brasileira masculina em uma edição dos Jogos Olímpicos desde Atlanta 1996. Ao todo, seis jogadores que estiveram sob o comando de Rubén Magnano em Londres 2012 estão em busca do título nacional: . Marcelinho, Marquinhos, Caio Torres (Flamengo), Alex e Guilherme Giovannoni (Uniceub/BRB/Brasília) e Larry Taylor (Paschoalotto/Bauru).

Além disto, o técnico do Flamengo, José Neto, e o treinador da Winner/Kabum/Limeira, Demétrius Ferracciú, auxiliaram Rubén Magnano na campanha que culminou com as quartas de final na Inglaterra. Para o ala Marcelinho, ter os jogadores dessa campanha em times do campeonato faz com que o novo campeonato tenha mais credibilidade:

- É um incentivo a mais para os atletas, patrocinadores e público. Espero que, depois de uma conquista importante como essa, poder comemorar o título. Seria perfeito

Depois de se naturalizar brasileiro, o armador americano Larry Taylor vestiu a camisa verde e amarela e enfrentou os melhores do mundo do basquete. Para o atleta, os jogadores do NBB estão nesse grupo seleto:

- O nível das Olimpíadas é muito alto, conta com as principais estrelas de todo mundo, e o fato de termos jogadores do NBB nessa competição prova que o campeonato aqui também é muito forte

Na opinião do técnico José Neto, o aumento da qualidade técnica dos atletas e a maior experiência internacional deles traz mais respeito e força a um campeonato como o NBB: 


- Hoje, a sensação é de que o Brasil é extremamente respeitado no basquete mundial. Nós sentimos muito isso aí durante os Jogos Olímpicos. E isso fortalece muito o basquete brasileiro. O fato de termos jogadores e comissão técnica que participaram de uma competição do nível das Olimpíadas agrega muitas coisas ao campeonato nacional. Isso engrandece demais a qualidade do NBB

Já de acordo com o treinador Demétrius Ferracciú, o momento é o ideal para fazer com que o basquete brasileiro cresça aos olhos de todos no país:

- Tudo isso fez com que o basquete crescesse no país. Os atletas que estiveram lá são vistos como modelos para os outros jogadores, para o público. Nós vemos hoje o NBB como um produto sólido no mercado. Espero que o basquete aproveite esse momento importante e que continue crescendo mais

 
Veja Relacionados:  NBB, basquete, Olimpíadas, Londres
NBB  basquete  Olimpíadas  Londres 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping