R7 - Esportes

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

19 de Abril de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Esportes/Esportes Olímpicos/Notícias

Icone de Esportes Olímpicos Esportes Olímpicos

publicado em 13/11/2012 às 10h15:

Pai atribui “tanquinho infantil” de Jade Barbosa a genética e treinos de ginástica

César Barbosa conta que ótima forma da filha sempre chamou a atenção

Carolina Canossa, do R7

Publicidade

Uma das principais ginastas do Brasil, Jade Barbosa chamou a atenção de seus seguidores no Twitter no início deste mês ao publicar uma foto antiga, na qual ostenta um “tanquinho” aos dez anos de idade. A boa forma dela era tamanha que houve até quem duvidasse da autenticidade da imagem, mas o pai e empresário da atleta, César Barbosa, confirmou que a foto é verdadeira e atribuiu o físico aos treinamentos normais dela à época, além de uma boa contribuição de fatores genéticos. 

- Naquela época, os ginastas não pegavam peso, só trabalhavam com o peso do próprio corpo, mas a Jade ganhava musculatura além da conta. Todas as crianças faziam o mesmo treino. As meninas da ginástica geralmente já são muitos fortes, só que a Jade tinha algo que fazia ela ficar mais. 

Jade Barbosa "humilha" com tanquinho desde a infância; confira

De acordo com César, o corpo sarado, mas infantil, de Jade já chamava a atenção de desconhecidos naquela época: 

- Eu andava com ela na rua, na praia, e as pessoas olhavam, meio que se assustavam, mas nunca tivemos problema de alguém achar que aquilo não era certo, pois era uma coisa feita naturalmente. Não era nada que ela tomava, ela não pegava peso... era treinamento, ela fazia muito abdominal e maromba [exercícios de preparação física da ginástica]. Aí, ficava muito forte... e a Jade ainda tem esse biotipo, o irmão dela também é assim, eles puxaram o lado da mãe 

Jade chegou a precisar diminuir a carga de exercícios para não ficar forte a ponto de prejudicar o seu desempenho no tablado: 

— Às vezes, ela ficava pesada, mas de tanta massa muscular, não pelo fato de ela ter uma porcentagem alta de gordura no corpo.  Então, de vez em quando diminuíam o treinamento para ela perder um pouco de peso 

Torcedor grita “vai, Corinthians” em final entre Djokovic e Federer

Jogadores de rúgbi se jogam ao chão desesperados após tiroteio ao lado do campo

Djokovic distribui bombons entre jornalistas em Londres

Volta à seleção 

Jade era uma das esperanças brasileiras nos Jogos Olímpicos de Londres, mas sequer viajou à Inglaterra porque foi cortada da seleção ao não chegar a um acordo de uso de patrocínios no uniforme e a cessão de sua imagem durante a competição.
Dias depois, a atleta chegou a voltar atrás em suas exigências e pediu para integrar novamente o time nacional, mas não foi aceita. À época, a CBG (Confederação Brasileira de Ginástica) alegou que Jade não havia participado de todas as etapas de treinamento com o restante do grupo. 

A polêmica, porém, está prestes a chegar ao fim, segundo César: 

- Janeiro tem nova convocação dos atletas e a gente está aguardando ela ser chamada. A Jade está treinando direitinho 


Apesar de dizer que a ginasta conseguiu lidar bem com o fato de só ver a Olimpíada pela TV, ele mostrou que ainda não engoliu totalmente a recusa da CBG em aceitar o pedido de Jade para ir aos Jogos: 

— Ela estava bem fisicamente, com os treinamentos em dia, então fez toda a parte dela. Mas teve toda a questão de contrato, que foi até resolvida, e a Jade acabou cedendo para poder participar e colocar o nome do País em uma situação mais legal na ginástica porque o Brasil teve resultado muito ruim [na ginástica feminina, o país não chegou sequer a uma final]

Questionado se conduziria a questão de outra maneira caso tivesse a chance de voltar no tempo, César voltou a alfinetar os dirigentes: 

— Eu acho que deveria ser feita alguma coisa por parte do pessoal que administra a ginástica porque foi falado que a Jade não tinha condições, não estava com seus treinos em dia, mas logo depois das Olimpíadas ela foi campeã brasileira em todos os aparelhos. Então, isso prova que ela estava em condições de brigar por uma medalha na Olimpíada. A Jade não tem que provar nada, ela já provou com aquele resultado. Ela estava muito bem para a Olimpíada, mas infelizmente essa parte burocrática atrapalhou tudo 

As notícias que você tem que ler estão aqui

Clique aqui para ver as respostas do quiz

 
Veja Relacionados:  Jade Barbosa, pai, tanquinho, César Barbosa, ginástica, sarada, boa forma
Jade Barbosa  pai  tanquinho  César Barbosa  ginástica  sarada  boa forma 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping