R7 - Esportes

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

22 de Julho de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Esportes/Esportes Olímpicos/Notícias

Icone de Esportes Olímpicos Esportes Olímpicos

publicado em 06/12/2012 às 09h59:

Messi confirma lesão, mas não descarta jogar domingo

Estadão ConteúdoEstadão Conteúdo

Publicidade
Depois de sofrer uma lesão no joelho esquerdo em um choque com o goleiro Artur, do Benfica, aos 34 minutos do segundo tempo da partida que terminou empatada por 0 a 0, na última quarta-feira, pela Liga dos Campeões, Messi virou motivo de preocupação no Barcelona. Porém, horas mais tarde, o próprio jogador se manifestou para tranquilizar os torcedores do clube e preferiu não descartar a sua participação na partida deste domingo, contra o Betis, fora de casa, pelo Campeonato Espanhol.

O astro argentino usou a sua página no Facebook para confirmar que realmente sofreu uma lesão no joelho, mas tem esperança de evoluir a ponto de poder estar em campo no final de semana, quando poderia ter uma nova chance de alcançar ou bater o recorde de gols marcados em um só ano por um jogador. Ele já fez 84 em 2012 e está a um de igualar a marca de 85 obtida pelo alemão Gerd Müller em 1972.

"Agradeço a todos pela preocupação e pelas mensagens de ânimo. Passo a vocês o comunicado dos médicos do Barcelona: 'Os exames realizados nesta noite (de quarta) confirmaram que o jogador Leo Messi sofreu uma contusão óssea no joelho esquerdo. A evolução médica marcará sua disponibilidade para a próxima partida, no domingo, contra o Betis'", afirmou o atacante, que estava em campo há apenas 20 minutos quando se lesionou, depois de o técnico Tito Vilanova ter optado por colocar o atleta em campo apenas no segundo tempo.

Como o Barcelona já havia assegurado por antecipação a classificação para as oitavas de final da Liga dos Campeões, o treinador preferiu preservar Messi, mas foi surpreendido com a lesão sofrida pelo argentino e agora espera pelo resultado de novos exames para saber quando poderá voltar a contar com o craque.

"Parece que foi apenas uma pancada, mas serão feitos novos exames para descartar outra coisa (mais grave)", disse o treinador, que não mostrou arrependimento por escalar Messi, mesmo que tenha sido apenas no segundo tempo.

"Havíamos conversado sobre a possibilidade de jogar meia hora. É um jogador que gosta de jogar. Se fosse pelo recorde, ele teria entrado contra o Alavés (no último dia 28, pela Copa do Rei) e disputado a partida inteira hoje (quarta). Não faria nada diferente do que fiz. Se acontecesse de novo, tomaria a mesma decisão. Um jogador pode se machucar em um treino ou em qualquer outro momento", enfatizou Tito Vila Nova.

O Barcelona ainda tem quatro partidas para disputar neste ano. Após pegar o Bétis neste domingo, a equipe enfrentará o Córdoba, novamente fora de casa, na próxima quarta, pela Copa do Rei. Em seguida, o time catalão medirá forças com o Atlético de Madrid, no Camp Nou, no dia 16, e voltará a atuar longe de seus domínios no dia 22, contra o Valladolid. Desta forma, Messi espera poder atuar pelo menos em um ou dois destes jogos para ter maiores chances de quebrar o recorde de Gerd Müller.

Após submeter Messi a novos exames, o Barcelona deverá anunciar nesta quinta-feira se o jogador terá chances de voltar a atuar já neste final de semana ou precisará de um tempo maior de recuperação da lesão no joelho.

 
Veja Relacionados: 
 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping