Corinthians ou Grêmio, o dilema

Despencar ou não despencar, eis a questão. Nessa dúvida dramática se circunscreve a situação que antepõe, nesta 23ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2017, Renato Portaluppi, o treinador do Grêmio, autor da provocação, e Fábio Carille, o treinador do Corinthians. Curiosidade: os dois clubes têm um “Mosqueteiro” como mascote.

 gremio corinthians Corinthians ou Grêmio, o dilema

Atuam em viagem o sulino e o bandeirante, Primeiro, o Grêmio (2º colocado, 43 pontos ganhos, 40 gols anotados e 19 sofridos), às 19h00 do sábado, dia 9 de Setembro, no Rio de Janeiro, contra o Vasco da Gama (12º, 28 – 23/34) que tenta se recuperar, ironicamente, sob o comando de Zé Ricardo, recém-demitido do inimigo Flamengo.

 zericardo Corinthians ou Grêmio, o dilema

Renato Gaúcho se depara com um impasse paralelo: não poderá utilizar os seus melhores craques na temporada, o lesionado Luan e o negociado Pedro Rocha; além disso, mais preocupado com o Botafogo, o seu rival na próxima quarta pela Copa Libertadores, pretende desafiar o Vasco com um elenco basicamente de reservas.

 renato gaucho Corinthians ou Grêmio, o dilema

No domingo, dia 10, às 16h00, no alçapão praiano da Vila Belmiro, Carille não se defrontará, apenas, com uma torcida agressiva e com um Santos (3º lugar, 38 pontos, 23 gols a favor e 14 concedidos) desejoso de se manter em um ritmo ascendente na classificação e, assim, encostar no patamar do Grêmio.

  Corinthians ou Grêmio, o dilema

Embora permaneça na liderança (50 pontos – 33/11), o “Timão” não suplanta o “Peixe” na Vila desde um triunfo por 1 X 0 em 10 de Agosto de 2014. De lá para cá, esteve na Baixada em quatro ocasiões – quatro fracassos, 7 gols tomados e um único marcado, por Marlone, numa derrota de 1 X 2, pelo Brasileiro, em 11 de Setembro de 2016, então sob a direção do frustrado Cristóvão Borges, um antecessor de Carille.

 jo comemora gol do corinthians sobre a chapecoense 1494716268167 956x500 Corinthians ou Grêmio, o dilema

Detalhe: nas suas três últimas contendas, o Corinthians caiu pateticamente em duas, resultados iguais de 0 X 1, na sua Arena ainda-sem-nome de Itaquera, abatido por Vitória/BA e por Atlético/GO, clubes que se arriscam ao rebaixamento na Série B. E só venceu a Chapecoense, outra agremiação dos porões do campeonato, 1 X 0, graças ao oportunismo do artilheiro Jô, no chamado apagar das luzes da peleja. os seus 89’.

 

Gostou? Clique em “Compartilhar”, em “Tuitar”, ou deixe a sua importante opinião em “Comentários”. Obrigado. E um abração!

http://r7.com/_Fpm