Olá galera,

O estádio que já foi palco de final de Copa do Mundo, em 1950, começa a se preparar de maneira mais intensa para o mundial de 2014. O Maraca será o local da decisão novamente. Para isto, terá de ser fechado e deixará milhões de apaixonados órfãos por pelo menos dois anos. O desencontro nas informações em relação as obras, surpreendeu a Fluminense e Flamengo, que pensavam em utilizá-lo até o final do campeonato brasileiro, mesmo que parcialmente. Os clubes deverão mandar seus jogos no Engenhão, caso o fechamento se confirme.

Pergunte a qualquer adulto que tenha ido pela primeira vez ao estádio Mario Filho ainda na infância ou na adolescência se ele esqueceu do primeiro olhar emocionado para o campo ou para a arquibancada?
Eu tinha dez anos e fui com a escola para conhecer o maior estádio do Mundo, que eu só tinha visto pela TV. Conheci primeiro o vestiário dos jogadores, depois o campinho de aquecimento de grama sintética, que eu nem imaginava que existia. Logo veio a grande emoção, a cada degrau que subia meu coração batia mais forte. Era ele, o famoso Maracanã. É simplesmente inesquecível.

Hoje em muitos estados os clássicos locais perderam um pouco do seu brilho, pois existe a divisão de ingressos e o visitante leva apenas dez por cento do total. A criança que mora em São Paulo, por exemplo, não terá a emoção de um Morumbi dividido, como era antigamente, como deveria ser até hoje. Com todo respeito à Vila Belmiro, por exemplo, mas ver o Santos enfrentar seus principais rivais lá, não é o ideal. O melhor Santos, o de Pelé, não enchia só o Pacaembu ou o Morumbi, encheu muitas vezes o próprio Maracanã. Muitos talvez não saibam, mas o Peixe levantou os troféus de campeão mundial em 1962 e 1963 no Maraca. Na primeira decisão mais de 73 mil pessoas apoiaram aquele timaço, no bi, mais de 132 mil estiveram presentes.

maraca CARLO WREDE AP O grande Maracanã!

Foto: AP

EstádioMaracanã hg 20091105 O grande Maracanã!

Foto: Reprodução

Ao longo dos anos muitas mudanças aconteceram para melhoria do estádio, o túnel de acesso à arquibancada aumentou sua largura, era muito difícil entrar e sair em jogos muito cheios. Mas é na capacidade a maior mudança do antes maior do mundo.

Tivemos recentemente um grande clássico entre Vasco e Fluminense, partida que marcou a despedida do setor das cadeiras do anel inferior. Com casa cheia, mais de 80 mil estiveram presentes e fizeram uma belíssima festa. As imagens não mentem, estava completamente lotado, com “apenas” 80 mil pessoas. Você consegue imaginar mais 80 mil pessoas lá dentro? Pois é, isso já aconteceu várias vezes. Claro que essas modificações visaram muito a questão de segurança e que talvez fosse mesmo necessário uma redução, mas ela foi muito grande e agora com as obras para a Copa do Mundo, o número máximo de torcedores presentes será ainda menor, algo em torno de 76 mil.

Já se ouve de muitos cariocas que era melhor fazer um estádio para o mundial e deixar o velho e bom Maracanã do jeito que ele é. A Fifa tem normas de segurança que não levam muito em conta a cultura local. Em recente entrevista o craque Deco disse que jogou várias vezes para mais de 90 mil torcedores no Camp Nou, pelo Barcelona, e que o clima era como se estivesse em um teatro. Ele mesmo disse que ficou extremamente emocionado ao ser recepcionado pela torcida do Fluminense. Aqui é diferente, tudo bem que sentar praticamente no chão não era tão confortável, mas quem disse que o torcedor que freqüenta a arquibancada do Maraca fica sentado. Não se pode, por exemplo, pensar em colocar poltronas como em um cinema. As normas da entidade máxima do futebol devem sempre ser rígidas na questão de segurança e conforto, mas será que não deveriam levar em consideração os costumes locais e tentar adaptar a cultura de um país sede? Será que uma competição de um mês, mesmo que seja a mais importante, deveria mudar a rotina daqueles que freqüentam o estádio toda semana?

Você concorda com todas as mudanças que serão realizadas no Maracanã? Deixe sua opinião.

Beijim

Mylena

Veja mais:

+ Acompanhe as notícias de futebol
+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7

http://r7.com/KmxQ