Alguns já pensam em 2014, já outros…

marcelooo Alguns já pensam em 2014, já outros...

Olá galera.

Para muitos clubes de futebol, o ano de 2013 já é passado. A grande vantagem de estar com a vida resolvida, é poder começar a planejar o elenco para a próxima temporada mais cedo. Está chegando a época de contratações e dispensas, mas ainda há algumas agremiações encarando as partidas finais do Brasileirão com objetivos bem importantes.

Os campeões nacionais, Cruzeiro e Flamengo, já estão quase de férias. Se classificaram para a próxima Libertadores e estão de olho no mercado, para se reforçarem. A Raposa ainda tem preocupações a mais em relação ao Fla. Por contar com mais jogadores de qualidade, deve sofrer investidas para contratarem seus atletas. Caso de Éverton Ribeiro, que já tem sondagens da Europa.

Grêmio, Atlético Paranaense, Goiás, Botafogo e Vitória, ainda brigam para se classificarem para a Liberta, o que geralmente aumenta a receita e o interesse de atletas em aturem por estas equipes. Os concorrentes ao G-4 já possuem bons elencos, mas sabem que precisam ficar atentos a boas oportunidades que possam pintar. O Atlético Mineiro só pensa no Mundial!

Para o trio Santos, São Paulo e Corinthians, a temporada já não tem mais nada a se ganhar. Pelo menos não estão preocupados com rebaixamento e já devem estar fazendo planos para 2014. Destes quem mais tem se movimentado é o Peixe. Nomes como Diego, Vargas e Jucilei, ex-coritiano que também interessa ao Triclor do Morumbi, são alguns dos desejos da equipe da Vila Belmiro.

Inter, Bahia, Portuguesa, Criciúma, Fluminense, Coritiba e Vasco, ainda não podem pensar em futuro. Pois se manter na elite do futebol nacional, faz muita diferença na hora de realizar o planejamento. O Flu contratou um grande reforço, Conca. Mas o argentino tem fortes laços com o clube e jogaria a Série B, sem problemas. Mas isso não é comum. A próxima rodada já pode decidir alguns rebaixados.

O Náutico, que já caiu, não está conseguindo pensar no próximo ano. Seus jogadores ameaçaram entrar em greve, em razão do atraso de salários. Talvez isto explique a passividade com que perderam para o Atlético Paranaense. A situação mais inusitada é a da Ponte Preta, virtualmente na Segundona e finalista da Sul-Americana. Se for campeã continental, poderá ousar, mesmo que não permaneça na Série A.

beijim

Mylena

Parabéns, Flamengo!!! Tricampeão!!!

 Parabéns, Flamengo!!! Tricampeão!!!

Olá, galera.

O Maracanã foi palco de uma grande decisão. O estádio estava lindo e lotado. O Flamengo fez dois a zero e conquistou seu terceiro título da Copa do Brasil. A torcida que já havia passado por algumas decepções em partidas decisivas, ontem fez a festa no Maraca. Desde que assumiu, Jayme de Almeida conseguiu fazer os jogadores se entregarem em campo. Agora, com a permanência na Série A garantida, e mais um importante troféu, o Rubro-Negro já pode começar a planejar um time mais forte para 2014, pois terá a Libertadores pela frente.

O Flamengo foi superior ao Atlético Paranaense nos dois jogos e, por isso, mereceu ser o campeão. O jogo de ontem começou amarrado, como costumam ser as decisões. Duas equipes se respeitando e errando muitos passes. Mas, mesmo assim, o Fla chegou com perigo. Na principal oportunidade, Luiz Antônio, o melhor em campo, cobrou muito bem uma falta, mas a bola foi caprichosamente na trave.

A segunda etapa começou do mesmo jeito que os primeiros quarenta e cinco minutos se encerraram, com bastante nervosismo de ambos os lados. Mas, aos poucos, o Flamengo foi dando espaços e quase complicou um jogo que, até então, estava tranquilo. O Atlético Paranaense não estava em um bom dia e, mesmo com os erros dos cariocas, não conseguiu assustar a meta de Felipe.

 

Já perto do fim, Elias, aproveitando um rápido contra-ataque, abriu o placar. Nessa hora, a torcida que já começava a festa, não parou mais. Quando o apito final já estava se aproximando, Hernane, o artilheiro do novo Maracanã, deixou o seu para sacramentar o título. A comemoração na arquibancada foi belíssima. O torcedor, que pagou preços fora da realidade, pelo menos saiu do estádio feliz com o tricampeonato.

 Parabéns, Flamengo!!! Tricampeão!!!

Mas em um dia que era pra ser muito feliz para o futebol carioca, que pelo quinto ano consecutivo conquista um campeonato nacional, uma notícia muito triste. Nilton Santos, um dos maiores jogadores da história, e que durante toda a sua carreira só vestiu a camisa do Botafogo, nos deixou. Que descanse em paz o maior lateral esquerdo que o mundo já viu.

Mylena

Quem fará a festa Rubro-Negra no Maracanã?

 Quem fará a festa Rubro Negra no Maracanã?

Olá galera.

Hoje conheceremos o campeão da Copa do Brasil de 2013. Além do importante título, o vencedor do duelo entre Flamengo e Atlético Paranaense garantirá uma vaga na próxima Libertadores. Como os dois times têm as mesmas cores, a única certeza que já temos é que a festa será em vermelho e preto.

O Atlético Paranaense faz uma excelente temporada. Largou o estadual de lado e estendeu a preparação de seus titulares. Na época houve muitas críticas, mas os frutos estão sendo colhidos. Além de estar na decisão da Copa do Brasil, o Furacão é o vice-líder do Brasileirão. O técnico Vagner Mancini conta com a experiência de Paulo Baier e a velocidade do seu ataque com Éderson e Marcelo, para dar a volta olímpica.

O Flamengo não teve uma temporada tão boa. Ficou muito tempo namorando a zona de rebaixamento no Brasileirão e passou em branco no estadual. Mas a Copa do Brasil é disputada em sistema mata-mata, o que permite algumas surpresas. O Fla eliminou Cruzeiro, Botafogo e Goiás, equipes que brigam por uma vaga no G-4 do campeonato brasileiro. Jayme de Almeida está conseguindo extrair o melhor de seus comandados. Juntando isto com a força da Nação Rubro-Negra, crescem as chances de mais um título nacional para a equipe da Gávea.

O placar de um a um em Curitiba, deixou a decisão totalmente em aberto. Se o Flamengo ganhou o direito de decidir em casa com o apoio de sua imensa torcida, o Atlético Paranaense estará com seu time completo. Um outro atrativo será o duelo de Hernane (artilheiro do novo Maracanã) e Éderson (artilheiro do Brasileirão). Que vença o melhor, e que o futebol brasileiro tenha mais uma noite de gala.

beijim

Mylena

Lugar de torcedor é na arquibancada

dede Lugar de torcedor é na arquibancada

Olá galera.

O jogo disputado entre Vasco e Cruzeiro no Maracanã, ainda vai render muito pano pra manga. A polêmica frase dita por Julio Batista, para o zagueiro Cris, ainda vai deixar muita gente tentando entender todo o contexto da conversa. Julio sempre foi um atleta exemplar, por onde passou. Mas o que ocorreu dentro de campo no último sábado, foi no mínimo estranho.

O Vasco decidirá seu futuro para 2014 nas duas rodadas finais. Tem um jogo teoricamente fácil diante do já rebaixado Náutico e na última partida terá uma parada duríssima, o Atlético Paranaense, em Curitiba. Bahia, Portuguesa, Criciúma, Fluminense e Coritiba, também vão fazer de tudo para não acabarem o Brasileirão na zona de rebaixamento.

Dedé, zagueiro revelado pelo Vasco, mas que hoje joga pelo Cruzeiro, deixou bem claro na semana que antecedeu o confronto no Maraca, que não gostaria de ter que enfrentar seu ex-clube. Futebol profissional não deveria ter espaço para essas atitudes. Claro que todo mundo torce por um clube, mas um jogador remunerado, não deveria colocar a paixão acima da profissão.

O Cruzeiro pagou muita grana e dá ao zagueiro um bom salário, para que ele entre em campo e dê seu melhor, sempre. Com certeza não há cláusula no seu contrato que permita que ele não queira representar seu clube profissional, contra a equipe do coração. Em um próximo confronto, o torcedor cruzeirense já vai ficar desconfiado. Já pensou se ele falha, logo contra seu ex-clube?

Dedé é um excelente zagueiro e briga com Henrique, Réver e Marquinho, pela quarta vaga na zaga da Seleção Brasileira, que vai disputar a Copa do Mundo. O defensor sempre foi um bom profissional, mas não deveria ter tido essa atitude. Lugar de torcedor é na arquibancada.

beijim

Mylena

Mata-mata ou pontos corridos, o que é mais justo?

santos2002 Mata mata ou pontos corridos, o que é mais justo?

Olá galera.

O Campeonato Brasileiro foi disputado durante muito tempo no sistema de mata-mata. Nas últimas edições, se classificavam oito equipes, que se enfrentavam entre si, em jogos de ida e volta. Muito se discutiu sobre se fazer justiça. De fato, no modelo atual o campeão acaba sendo o time mais regular, como foi com o Cruzeiro neste ano. Mas e com os que tentam se classificar à Libertadores, ou para os que brigam pra fugir da Segundona?

Em 2009, o Flamengo disputava a taça com o Internacional na última rodada. Mas logo quem era o adversário rubro-negro no jogo final? O Grêmio, arquirrival do Colorado. Os gremistas chegaram a abrir o placar, mas sofreram a virada em um Maracanã lotado. Não adiantou o Inter vencer seu jogo, pois com o resultado no Rio de Janeiro, o Fla conquistou mais um Brasileirão.

Em 2010, o Fluminense tinha como principal adversário na briga pela taça, o Corinthians. Nas últimas rodadas, o Flu venceu Palmeiras e São Paulo, rivais do Timão. Com as vitórias, o Tricolor chegou ao último jogo dependendo somente de um resultado positivo diante do Guarani, pra garantir o troféu de campeão. Emerson Sheik balançou a rede do Bugre e a festa foi de Fred e cia.

Até hoje se discute que tanto Flamengo quanto Fluminense, tiveram suas vidas facilitadas, por enfrentarem rivais das equipes que estavam brigando pelo título. Mas em um campeonato de 38 rodadas, não pode se tirar o mérito desses campeões, mesmo que tenham enfrentado times demonstrando desmotivação em campo.

No sábado, o Vasco precisava vencer o Cruzeiro de qualquer maneira. Um empate já deixaria a situação do Cruzmaltino, que continua bem difícil, dramática. No meio da semana, Dedé, zagueiro que tem fortes laços com a equipe de São Januário, falou que não queria enfrentar seu ex-time. A Raposa jogou até bem na primeira etapa, chegou a diminuir o placar, mas nos últimos minutos não conseguiu atacar mais.

O Vasco mereceu a vitória. Se empenhou mais, fez dois gols e continua vivo na briga pra fugir do rebaixamento. Mas o que dizer da polêmica declaração de Julio Batista? Quando a competição era disputada no sistema mata-mata, a única injustiça que acontecia era a possibilidade de um time que se classificava em oitavo, por exemplo, ser campeão, eliminando quem havia realizado a melhor campanha. Como em 2002, com o Santos de Robinho e Diego. Em pontos corridos, há muita briga por classificação à Libertadores e pra fugir do descenso até a última rodada, o problema é que sempre haverá a chance de alguns não estarem mais interessados por nada, como o Cruzeiro, campeão de forma antecipada.

Então o que acaba sendo mais justo, mata-mata ou pontos corridos? Dê seu palpite!!!

beijim

Mylena

Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com