O Tite agradece

Que o técnico Tite continua fazendo um ótimo trabalho à frente da seleção brasileira, ninguém tem dúvida.

Ele é o líder de uma equipe que vem crescendo na hora certa e ainda conta com o vento soprando à favor.

Escrevo isso porque algumas peças-chave do time estão ganhando popularidade e valor de mercado no futebol mundial. Isso é sempre positivo faltando menos de um ano pro início de uma Copa do Mundo.

O goleiro Alisson, por exemplo, que é cotado pra ser o titular do Tite, finalmente vai ter oportunidade de ganhar mais ritmo de jogo.

Ele vinha sendo por mais de um ano, o reserva do polonês Szczesny no Roma.

Evidentemente que isso atrapalhava a preparação dele para o mundial. Goleiro tem que jogar. De preferência partidas importantes e decisivas para entrar num ritmo forte de competição.

Sem falar no fator status. Como ser o goleiro titular de uma seleção brasileira na Copa, se nem titular do seu clube ele é?

Que bom para ele e pro Tite, que pode ver o seu goleiro favorito em campo. Até porque ele vai ter mais margem de comparação com o Cássio ou outros goleiros, com todos eles atuando.

O meia Paulinho, que estava há um bom tempo tendo que se contentar com o futebol chinês, vai dar uma guinada na carreira.

Ele acabou de fechar com nada mais nada menos que o Barcelona, numa das transações mais caras já feitas pelo clube espanhol.

O passe dele foi comprado por 40 milhões de euros, cerca de 150 milhões de reais. Somente Neymar, Luis Suárez e Ibrahimovic, custaram mais para os cofres do Barcelona.

Paulinho 681x499 O Tite agradece

Paulinho estava no Guangzhou Evergrande desde 2015

Certamente uma mudança que vai ser muito boa para o jogador.

Primeiro porque vai passar a morar numa cidade maravilhosa de um país europeu que tem costumes muito mais parecidos com o nosso do que a China.

Segundo porque vai ter com quem "conversar" em campo. Jogadores como Mascherano, Iniesta, Messi e companhia, vão fazer o futebol do Paulinho crescer muito. É sempre melhor jogar ao lado de quem sabe.

Claro que a pressão vai ser maior e os jogos importantes serão cada vez mais cotidianos na carreira do Paulinho. Bom pra ele e pra nossa seleção, que ele tenha esta nova missão em um clube como o Barça.

A transferência do Neymar pro PSG também vai ajudá-lo neste momento pré-Copa. O atacante vai ter muito mais liberdade no time francês, exatamente como o Tite quer que ele jogue na seleção.

Pela primeira partida que ele jogou, fazendo gol e dando uma assistência fantástica pro Cavani, já deu pra perceber que ele vai se sentir muito bem com essa nova camisa e se deslocando mais no ataque.

Quero aqui lembrar também do Phillippe Coutinho, que tem boas chances de se transferir para o Barcelona.

Apesar dos dirigentes do Liverpool negarem, a imagem do jogador já foi até retirada da loja oficial do clube, o que só aumenta a suspeita de que o negócio realmente vai sair.

Que outros titulares da nossa seleção possam crescer profissionalmente, nessa reta final de preparação para A Copa do Mundo.

Até a próxima.