Esqueceram o Kaká

Fechou a janela de transferências na Europa. Algumas surpresas aconteceram no último dia de negociações e o Paris Saint Germain se superou mais uma vez anunciando David Beckham. O inglês retorna para o futebol europeu após cinco temporadas no Los Angeles Galaxy dos Estados Unidos. E não terá salário! Vai doar o que receber de ordenado para uma instituição carente da França. Quem pode, pode...

Vale lembrar que o PSG foi comprado por um grupo de investidores do Qatar com muitos recursos para investir. Eles foram os responsáveis pela contratação mais cara desta última janela de transferências, comprando o passe do Lucas por 43 milhões de euros (mais de 120 milhões de reais) junto ao São Paulo. Ele já estava negociado desde o ano passado, mas ficou ainda seis meses no tricolor paulista antes de ir embora.

Os brasileiros estiveram em alta neste período. Das cinco transações mais caras, quatro envolveram brasileiros: além do Lucas, William, Taison e Alexandre Pato movimentaram bastante o mercado com grandes investimentos dos clubes envolvidos. O Corinthians, por exemplo, gastou 15 milhões de euros (cerca de 42 milhões de reais) para tirar o Pato do Milan.

Kaká AFP 450 Esqueceram o Kaká

E o Kaká hein? Ele já havia manifestado o interesse de sair do Real Madrid, por não aceitar a reserva e por divergências com o técnico José Mourinho. Mas acabou não acertando com ninguém e vai ter que se contentar em não ser titular na equipe espanhola. Muito ruim para ele em um ano de Copa das confederações e às vésperas de uma Copa do Mundo. Quanto mais agora que o Luiz Felipe Scolari o deixou de fora da primeira convocação como novo técnico. Sempre defendi o Kaká na seleção. Sinceramente, sou mais ele do que Ronaldinho Gaúcho. Acredito que na parte física ele leva vantagem, levando-se em consideração que a Copa é só daqui a um ano e meio. Mas, com essa condição de reserva, Ronaldinho está levando a vantagem de poder estar sempre jogando como titular do Atlético.

O Milan ficou muito interessado em ter de volta o jogador, e o Kaká mais ainda em ser negociado. Aceitava inclusive reduzir o seu salário para se transferir. Mesmo assim a negociação não evoluiu. A expectativa era grande de que no último dia alguma novidade acontecesse, mas o fato é que o Kaká foi deixado de lado. Uma pena para um jogador tão importante do nosso futebol.

+ Fique por dentro do que acontece no mundo do esporte com o R7 Livros 

Veja mais:

+ R7 BANDA LARGA: provedor grátis!
+ Curta o R7 no Facebook

+ Siga o R7 no Twitter

+ Veja os destaques do dia

+ Todos os blogs do R7