Posts com a tag: pacaembu

Abalado pela derrota contra o Santos, Palmeiras tem a sequência maldita. Se repetir resultados do primeiro turno, somará cinco pontos. E será rebaixado. Enquanto isso, briga entre organizadas mata mais um. Até quando?

1reproducao31 Abalado pela derrota contra o Santos, Palmeiras tem a sequência maldita. Se repetir resultados do primeiro turno, somará cinco pontos. E será rebaixado. Enquanto isso, briga entre organizadas mata mais um. Até quando?
"De novo, de novo, de novo, vai cair de novo." "Ei, você aí, time pequeno que parece o Guarani." Os coros da torcida santista dominavam o Pacaembu. E não perdoavam o rival vestido de verde. Depois de três vitórias seguidas, outra fracasso. O Palmeiras atingia a assustadora marca de 15 derrotas.

Dorival Júnior estava tenso, nervoso após a derrota para o Santos por. O 3 a 1 conseguido pelo time de Enderson Moreira, o deixou seriamente preocupado. Ele contava com mais esses três pontos, precisava deles. Por um motivo muito simples. O preocupante caminho até o final do Brasileiro.

Restam nove partidas para o clube de Paulo Nobre decidir sua vida. Cruzeiro no Mineirão, Corinthians, no Pacaembu, Bahia, na Fonte Nova, Atlético Mineiro, no Pacaembu, São Paulo, no Morumbi, Sport Recife no Pacaembu, Coritiba, no Couto Pereira, Internacional, no Beira-Rio. A última partida será contra o Atlético Paranaense, em São Paulo. Pode ser no Pacaembu ou na nova arena.

Contra esses mesmos adversários, os palmeirenses conseguiram só cinco pontos no primeiro turno. Foi a 'sequência maldita'. Se o time agora de Dorival Júnior repetir a mesma atuação, deverá ser rebaixado para a Segunda Divisão. Por isso da tensão, irritação do treinador.

"A nossa realidade é essa, por isso não podemos relaxar. O Palmeiras errou muito durante a competição e agora não pode mais se dar esse luxo. Não temos mais o direto de errar nesses jogos que temos pela frente. De jeito algum."

1ae12 Abalado pela derrota contra o Santos, Palmeiras tem a sequência maldita. Se repetir resultados do primeiro turno, somará cinco pontos. E será rebaixado. Enquanto isso, briga entre organizadas mata mais um. Até quando?

Dorival sabe o quanto o time será pressionado nestes últimos nove jogos. O treinador viu hoje no Pacaembu velhas falhas da fraca equipe montada por Brunoro. Não é por acaso que será dispensado em dezembro, sem contrato renovado. Dos 36 contratados, não há grandes jogadores de marcação. A zaga é pesada, lenta. Lúcio e Tobio não são páreo para atacantes velozes de posse da bola.

O Palmeiras não pode sair atrás do placar que é um desespero. O medo do rebaixamento domina a todos. E a equipe se abre, tentando conseguir o empate a fórceps. Fica exposta a contragolpes rápidos. O Santos marcou três, mas poderia tranquilamente marcar outros dois ou três gols. Bastaria ter um pouco mais de capricho. Não foi por acaso que o time chegou à sua 15ª derrota. Perdeu mais do que o Coritiba, lanterna do Brasileiro.

A diretoria já ofereceu ainda no primeiro turno uma premiação ao time não ser rebaixado. O bilionário Paulo Nobre pensa o que fazer. Talvez aumentar o dinheiro oferecido. Seria caótico o rebaixamento com, finalmente, a liberação do novo Palestra Itália em 2015.

3reproducao11 Abalado pela derrota contra o Santos, Palmeiras tem a sequência maldita. Se repetir resultados do primeiro turno, somará cinco pontos. E será rebaixado. Enquanto isso, briga entre organizadas mata mais um. Até quando?

"A confiança vinha sendo demonstrada em campo. Temos que reconhecer que erramos, mas isto não quebra o que estávamos buscando ao longo da competição. Se analisarmos friamente, tivemos uma partida nota 6, 7. Não foi brilhante. O 3 a 1 é penoso, mas acho que o Palmeiras também fez um bom jogo."

Para culminar o péssimo domingo para veio a provocação de David Braz. Ele não perdoou quando viu Valdivia irritado após a derrota. O zagueiro, que já atuou no Palmeiras, fez questão de esfregar os dois olhos, imitar o chororô, marca registrada do chileno após marcar gols ou comemorar vitórias importantes. O meia ficou irritado e quase acontece uma briga.

David Braz admitiu o erro ao provocar Valdivia. Mas não perdoou o time rival que segue ameaçado pelo rebaixamento. Viu algo estranho dos juízes no clássico de hoje. Diante de tantas desgraças que podem levar o clube de volta à Segunda Divisão, eles estariam com pena.

"A 'juizada' começou a querer ajudar o Palmeiras no final, foram várias faltas que só davam pra eles. Percebi que eles ficaram com dó. Com dó", repetiu, cruel.

Pior do que tudo só a selvageria que aconteceu na via Anchieta. Organizadas palmeirenses fizeram uma emboscada para a torcida santista. Motos e carros apedrejaram dois ônibus com santistas. Houve confusão, troca de tiros. Pauladas, chutes, socos. Tiros de morteiro. Em plena estrada que liga São Paulo ao litoral. Leonardo da Mata Santos, de apenas 21 anos, morreu atropelado. Ele pertencia às organizadas do Palmeiras. Outros dois torcedores foram atropelados e um outro tomou um tiro. Apenas cinco pessoas foram detidas.

Foi o troco. No primeiro turno, houve uma tocaia de santistas a palmeirenses. E já está prometido outro conflito por parte dos palmeirenses. Vingar a morte de Leonardo será a desculpa. Foi assustador o material recolhido na briga. Revólveres, madeiras, morteiros. Fora as pedras que ficaram na rodovia.

As autoridades brasileiras precisam tomar vergonha na cara e agir de verdade. Punindo esses vândalos, arruaçeiros. Caso contrário, muita gente ainda vai morrer. Precisa ser contido o bandido que usa o futebol para satisfazer seu caráter criminoso. Deixar fluir sua vontade de ferir, de matar. E os nossos omissos governantes assistem essa matança calados, desinteressados...
1reproducaogloboesporte Abalado pela derrota contra o Santos, Palmeiras tem a sequência maldita. Se repetir resultados do primeiro turno, somará cinco pontos. E será rebaixado. Enquanto isso, briga entre organizadas mata mais um. Até quando?

Torcidas organizadas deveriam ser proibidas nos estádios?

  • Sim
  • Não

Não sobrarão ingressos para a despedida de Ronaldo. Mesmo os de R$ 800,00. Andres Sanches ensinou: cobra que o corintiano paga…

AgenciaEstado02 Não sobrarão ingressos para a despedida de Ronaldo. Mesmo os de R$ 800,00. Andres Sanches ensinou: cobra que o corintiano paga...
Shows internacionais...

Nacionais....

Peças de teatro...

Jogos de futebol...

Cinema...

Os paulistas se acostumaram ao longo dos tempos a pagar mais do que o resto do País...

Para se reunir e assistir a qualquer atividade esportiva ou cultural que cobre ingresso...

É o paulista que tem de desembolsar muito a mais...

A desculpa está no fato de ser o estado mais rico do País...

Empresários de shows internacionais costumam cobrar o dobro no mínimo para trazer seus artistas por aqui...

Só São Paulo assegura a vinda, com lucro, para o País...

O que vier de outros estados, ótimo...

Foi assim com Madonna, Beyonce, U2 e tantos outros...

O mesmo show, preços diferenciados...

No futebol não poderia deixar der a mesma coisa...

O clube que mais cobra de sua torcida no imenso país chamado Brasil é...

O Corinthians...

A inflação nos últimos sete anos mostra que a inflação foi de 47,97%...

O ingresso para ver o time preto e branco que já era mais caro ficou absurdo...

Subiu 137%...

Tem a média de R$ 32,77...

O interessante levantamento foi feito pelo Estado de S. Paulo...

A chegada de Andres Sanches e Ronaldo ao clube foi fundamental para esse salto...

O presidente que se apresentou como um digno representante da torcida...

"Sou fundador da Pavilhão 9", diz, com o maior orgulho...

O nome desta torcida específica é em homenagem a uma ala do presídio do Carandiru...

Disse que defenderia o apaixonado pelo Corinthians...

E, com ele, os preços subiram absurdamente...

Na Libertadores de 2010, ele cobrou ingressos de R$ 250,00 no Pacaembu...

O torcedor pagou...

Então na Pré-Libertadores de 2011 ele foi premonitório....

Parecia que sabia que seu clube iria naufragar diante do Tolima...

E cobrou R$ 500,00 no setor mais caro...

Conseguiu vender também esses ingressos...

Inspirado na postura de Andres, a Klefer, organizadora da despedida de Ronaldo foi ao limite...

E está se dando muito bem...

Resolveu cobrar os ingressos para o jogo contra a Romênia no dia 7 no Pacaembu...

Entre modestos R$ 140,00...

E R$ 800,00...

Repito R$ 800,000...

É o ingresso mais já cobrado na história do Brasil...

Só como comparação, o salário mínimo no País é de R$ 545,00...

A elitização chegou ao futebol por um clube que se assumia como popular...

Mas deixou de ser...

O Pacaembu não sofreu uma profunda reforma...

Está longe de ter assentos confortáveis como os grandes estádios europeus...

Não há conforto que justifique um décimo do preço...

Nem alimentação oferecida...

Estacionamento...

Alguém já teve o desprazer de ir aos banheiros do Pacaembu?

Organização na chegada ou na saída dos jogos...

E até a segurança é precária...

Se cobra tanto e não oferece quase nada a mais...

Existem países da América Latina que os organizadores seriam presos, deportados...

Ou até mesmo fuzilados por cobrar esse preço por um espetáculo que deveria ser popular...

Ronaldo é um ídolo brasileiro...

Mas nos últimos anos entrelaçou sua imagem com o Corinthians...

A sua despedida da Seleção será no dia 7 de junho, no Pacaembu...

Casa de um clube sem casa...

E logo no primeiro dia de vendas de ingressos...

Cerca de 13% já foram vendidos...

Não há dúvida para os organizadores de que não sobrarão entradas...

A filosofia cruel está certa criada por Andres Sanches...

Cobre o que quiser que os paulistas pagam...

Principalmente aqueles que amam o Corinthians...

Dá agora para entender porque o presidente quer renovar contrato com Ronaldo até 2012?

E fazer vários amistosos de despedida com ele pelo país com a camisa corintiana?

É esfolar que o torcedor paga...

Afinal, Andres sabe o que faz...

Ele mesmo saiu da torcida organizada e assumiu o Corinthians...

E nunca um presidente cobrou tanto dos torcedores de um clube brasileiro...

Cobrou porque sabem que eles pagam...

E pagam mesmo...

Cruzeiro mostrou a Muricy como não jogar contra o Once Caldas…Euforia, ingenuidade e time aberto é tudo o que os colombianos querem…

ap Cruzeiro mostrou a Muricy como não jogar contra o Once Caldas...Euforia, ingenuidade e time aberto é tudo o que os colombianos querem...
O Cruzeiro virou o espelho do Santos.

Ainda com a faixa de bicampeão paulista no peito, Muricy Ramalho viu e reviu o jogo em Sete Lagoas.

Analisou como o Cruzeiro, time mais técnico e talentoso, foi eliminado pelo Once Caldas...

Viu que a armadilha que derrubou os mineiros: a empolgação...

Foi preparada uma festa para a equipe que tinha a melhor campanha na primeira fase da Libertadores...

Com a badalada presença de Deborah Secco, a primeira dama do time...

A torcida empolgada, sonhando em transformar o estádio em caldeirão...

Cuca montou sua equipe muito aberta, esperando os colombianos medrosos, presos na defesa...

Só que o Once Caldas tem como característica tocar a bola em velocidade, comprar a briga...

Buscar o gol mesmo fora de casa...

Tanto que ainda não perdeu na Libertadores atuando longe de Manizales...

O Cruzeiro se irritou com a personalidade, as tabelas, os dribles conscientes dos adversários.

E rapidamente se descontrolou....

A expulsão de Roger ainda no primeiro tempo foi chave, fundamental para a derrocada mineira...

A partir daí, o Once Caldas se tornou cada vez mais confiante e se impôs com personalidade...

O caminho dos erros já está traçado...

E custou caro demais ao Cruzeiro na Arena do Jacaré...

Cabe ao Santos ir pelo outro lado...

Ainda mais depois da conquista do título paulista...

E a garantia do Pacaembu lotado...

Muricy tem uma equipe mais jovem do que a de Cuca...

Sua providência obrigatória foi cortar as asas do time...

Ele quer o mesmo comportamento contra o Corinthians...

Tanto que, apesar de Danilo estar recuperado, vai manter Alan Patrick no time...

Gostou do sentido tático, do espírito de sacrifício na marcação...

Só que ele vai além, graças ao seu talento ofensivo...

O Santos vai atacar, mas com consciência...

O time está cansado...

Não pode entrar na euforia da torcida para tentar decidir a partida a qualquer custo...

A vitória a busca da vitória é atraente, mas pode ser o canto da sereia...

Isso na definição de Muricy...

Ele não esquece que o empate basta para o Santos chegar à semifinal...

E existem poucos treinadores de ponta no País que valorizem tanto o empate na hora certa como Muricy...

"É uma grande vantagem, sim", diz, sem ter vergonha...

Se o Cruzeiro tivesse empatado em Sete Lagoas estaria vivo na Libertadores...

Depois de dez partidas decisivas e com vitórias santistas...

O elenco tem uma grande compensação se passar hoje pelo Once Caldas...

A certeza do descanso...

Nas primeiras rodadas do Brasileiro, o time será poupado caso se classifique...

Os jogos da Libertadores passarão a ter um espaço de uma semana de preparação...

Acabou a pressão da fase decisiva do inútil Campeonato Paulista....

Torneio que só serviu para desgastar o elenco...

A alegria pelo bicampeonato serve apenas para o ego...

É a Libertadores que leva à disputa do Mundial, da valorização internacional dos jogadores...

O Paulista serviu para tirar Ganso da fase decisiva do torneio mais importante do ano...

Mas isso não importa, sempre será assim enquanto os clubes se ajoelharem para federações...

O que vale hoje para Muricy é não imitar o Cruzeiro de Sete Lagoas contra o Once Caldas...

Não cair nos elogios fáceis de Juan Carlos Osorio, treinador adversário...

Ele coloca os jogadores santistas como melhores do mundo...

Todos sem exceção...

Quem o ouve falar parece que seu time ficará travado, morrendo de medo de ser goleado...

Foi o que o Cruzeiro acreditou...

Muricy mostra que não vai cair no truque...

Até porque ele também quer chegar onde nunca chegou...

Ao título da Libertadores...

Por isso foi demitido do São Paulo, apesar de tricampeão brasileiro...

Para isso, promete colocar um Santos equilibrado no Pacaembu...

Se puder ganhar o jogo, golear, Neymar dar dribles históricos...perfeito...

Mas se vier um 0 a 0 e a vaga...também será muito bem aceito...

E o mais importante...

Sem cotoveladas em Renteria ou quem quer que seja...

Até porque Muricy não tem mais físico para o UFC...

Outra vez o Palmeiras foi eliminado de uma competição. Outra vez a torcida aplaudiu. Essas palmas só estimulam a incompetência…

divulgacao939 Outra vez o Palmeiras foi eliminado de uma competição. Outra vez a torcida aplaudiu. Essas palmas só estimulam a incompetência...
Ônibus apedrejado pela própria torcida.

Chefes das organizadas fazendo campanha na frente do Pacaembu para palmeirense não ir apoiar o time.

Diretoria avisando a Felipão que não há dinheiro para grandes contratações.

E derrota na partida de ida por 6 a 0.

Felipão conseguiu usar todos esses fatores negativos.

Sua maior qualidade como treinador é motivar jogadores dizendo que todos estão contra eles.

Foi assim quando ganhou a Copa do Brasil com o Criciuma...

No Grêmio...

No Palmeiras da Libertadores de 1999...

Na Seleção Brasileira campeã do mundo de 2002...

Usando como ninguém a síndrome de perseguição, ele incendiou o limitado Palmeiras...

Fez com que seus jogadores se desdobrassem em campo...

Não para fazer sete gols nos paranaense...

Ele tem bom senso...

Mas para ganhar o jogo...

Da maneira que o Palmeiras pode...

Com muita marcação...

Três volantes...

Por ironia ou falta de noção da força do adversário, Felipão foi muito mais ofensivo...

E tomou de 6 a 0...

Já o time de Marcelo Oliveira entrou em campo relaxado...

Com alterações no time, não teve o mesmo ímpeto...

O toque de bola no meio de campo foi travado pelos volantes palmeirenses...

Era transparente que a vontade de ganhar a partida era bem menor...

Não havia mais o ímpeto com as declarações dos adversários de que o Campeonato Paranaense era fácil...

O que explicaria a longa sequência de vitórias...

Eram 24 seguidas até ontem...

O Coritiba parecia saciado, confortável em garantir a classificação para as semifinais da Copa do Brasil...

Segurou o 0 a 0 no primeiro tempo...

Tomou o gol aos 20 segundos do segundo...

Foi contra do zagueiro Emerson, depois de furada absurda de Adriano Michael Jackson...

O gol animou o Palmeiras...

O time passou a marcar com mais ímpeto a saída de bola paranaense...

Tudo ficou facilitado quando Bill tentou uma bicicleta imprudente, acertou Thiago Heleno e foi expulso...

Cinco minutos depois, Marcos Assunção cobrou falto e marcou 2 a 0...

Não comemorou porque está muito magoado com a história de queria o espião de Felipão no elenco...

Ele ainda não renovou seu contrato...

E está muito disposto a sair do clube...

Tem proposta do Corinthians...

Mesmo com o placar de 2 a 0, o Palmeiras buscou mais...

O Coritiba conseguiu segurar a derrota...

Aceitou perder porque sabia estar classificado...

Os mais de 6.500 palmeirenses que foram ao Pacaembu comemoraram...

A alegria estava em haver interrompido a incrível série de vitórias do Coritiba...

A superação do time de Felipão...

Só que as palmas, a felicidade na prática eram vazias...

Outra vez o Palmeiras é eliminado de um campeonato importante...

Perde porque tem um time inferior ao do Coritiba...

A direção já avisou: reforços só se forem baratos...

O que incomoda de verdade é Felipão na coletiva prevendo a participação no Brasileiro.

"Podemos brigar pelas primeiras colocações."

Ele sabe que se não vierem pelo menos de quatro a cinco reforços de talento, o time não ficará entre os primeiros.

Melhor do que ninguém, o treinador tem certeza disso.

Mas ele precisa falar o contrário para animar, iludir o torcedor...

Não pode desestimulá-lo...

E mais uma vez o palmeirense quer acreditar...

Mesmo seu bom senso indicando que novos desgostos virão...

Mas essa é a sua rotina há anos...

Ver o time eliminado e ainda aplaudir...

O Campeonato Paulista acabou para o Palmeiras e vieram as palmas...

A Copa do Brasil terminou para o Palmeiras e mais palmas...

Até quando as frustrações serão aplaudidas?

Com três volantes, Palmeiras entra para não ser humilhado de novo pelo Coritiba. É o mínimo que os seus sofridos torcedores pedem…

AgenciaEstado930 Com três volantes, Palmeiras entra para não ser humilhado de novo pelo Coritiba. É o mínimo que os seus sofridos torcedores pedem...
500 palmeirenses já compraram ingresso para o jogo contra o Coritiba.

Enfrentaram a campanha "Público Zero" criada pelos chefes das torcidas organizadas.

Vão ao Pacaembu para reencontrar o time.

Equipe de Scolari...

Que, em cinco dias, deixou de ser semifinalista do Paulista...

Para virar a piada nacional...

Não há quem não tenha ironizado a goleada por 6 a 0 que o time sofreu no Paraná...

E procurado justificativas para a humilhação.

Jornais resgataram uma forte discussão entre Kléber e Deola nos vestiários...

Acusaram Marcos Assunção de ser o espião de Felipão....

O volante que acompanharia tudo o que os jogadores falam para depois delatar ao treinador...

Marcos confessou que ficaria na dúvida se iria no estádio depois do 6 a 0..

Mesmo precisando de uma enxurrada de gols, Felipão resolveu montar seu time com três volantes...

Abriu mão de vez do milagre da classificação para a semifinal da Copa do Brasil...

Só não quer ser goleado de novo, diante dos palmeirenses...

Justo ele que disse ao presidente Tirone que está muito motivado a continuar no clube...

Tem seus 700 motivos para isso...

O medo do rebaixamento é enorme no Brasileiro e os dirigentes buscam reforços...

A diretoria continua otimista em trazer de volta Henrique por empréstimo...

Juvenal Juvêncio desmentiu a falta de interesse em Fernandão...

No sábado, dois dias depois da goleada para o Coritiba, o Palmeiras fez uma oferta para o atacante...

Busca o lateral esquerdo Fernandinho, do Oeste de Itápolis...

O comportamento de Valdivia será muito observado...

Se ele cometer alguma indisciplina, deverá sair...

O chileno é caro demais para o que vem produzindo...

Mas tudo isso é futuro...

O que vale hoje são os 500 bravos palmeirenses que vão ao Pacaembu...

Esses estão garantidos...

Deverão a companhia de mais mil, no máximo...

O Pacaembu de 37.900 pessoas será desses palmeirenses...

O Palmeiras tem uma obrigação com eles...

Com sua história...

Com sua dignidade...

Limitado ou não, quem entrar em campo se desdobre...

Não pela vaga impossível...

Pelo desespero da torcida...

Que o Coritiba até consiga mais uma vitória...

Mas que sue sangue pelo resultado...

E não brinque de golear como fez na última quinta-feira...

É tudo o que o sofrido torcedor palmeirense pode desejar...

Não ser humilhado de novo...

Não tem o direito de sonhar com algo maior...

Já que o time não vence a Libertadores, o Corinthians quer jogar contra o Barcelona no Pacaembu. Quem será que venceria essa partida?

divulgacao100 Já que o time não vence a Libertadores, o Corinthians quer jogar contra o Barcelona no Pacaembu. Quem será que venceria essa partida?
O diário espanhol Mundo Deportivo publica hoje nota interessante.

A direção do Corinthians teria oferecido dois milhões de euros, R$ 4,6 milhões ao Barcelona.

Não foi uma tentativa de contratar Messi ou Iniesta...

Quer o time catalão para um amistoso.

Com todos os seus titulares.

No início de junho, no Pacaembu.

Esse jogo sempre foi o sonho de Andres Sanches.

Como não houve jeito de o seu clube ganhar a Libertadores nos seus mandatos...

A idéia do amistoso...

Oportuna para a mída parar de noticiar os atrasos no início das obras na Arena Itaquera...

Talvez com a presença de Ronaldo para se despedir do clube paulista.

Já que a última vez que usou a camisa corintiana foi em Ibagué, na eliminação para o Tolima.

Dirigentes corintianos não querem confirmar a notícia.

Nem a desmentem.

Gostam de ter o nome do clube brasileiro vinculado ao Barça pela imprensa européia.

Se for realmente verdade o que o Mundo Deportivo coloca, três perguntas do blog.

Quanto o presidente Andres Sanches cobraria o ingresso mais caro para o jogo?

Lembrando que o dirigente que saiu da torcida cobrou R$ 500,00 na Libertadores...

E R$ 250,00 na primeira partida da decisão do Paulista...

A segunda pergunta.

Qual seria o placar do jogo, desde que fosse jogado a sério?

E a terceira...

O que Tite aprontaria para travar Messi?

Para o presidente, Felipão e jogadores perder por 6 a 0 para o Coritiba foi normal, um acidente. O Palmeiras, sem títulos, se acostumou a ser humilhado…

divulgacao3 Para o presidente, Felipão e jogadores perder por 6 a 0 para o Coritiba foi normal, um acidente. O Palmeiras, sem títulos, se acostumou a ser humilhado...
Até os chefes das principais torcidas do Palmeiras desistiram.

Ficaram tão desolados com a goleada por 6 a 0 para o Coritiba que não organizaram protestos.

A estratégia da diretoria de trazer o time de ônibus e fugir da imprensa e dos torcedores no aeroporto...

E cancelar o treinamento de sábado e domingo deu certo.

Apenas uma dúzia de torcedores se arriscaram a ir à entrada do CT da Barra Funda.

Mas seguranças e soldados da PM já esperavam por eles.

E eles foram embora sem 'enquadrar' ninguém, como queriam.

Por medo dos próprios torcedores, o time que perdeu por 6 a 0 ficou três dias sem treinar.

Enquanto isso, o Coritiba trabalhou forte para confirmar a vaga na quarta-feira.

A Copa do Brasil não faz mais parte dos planos do Palmeiras.

Ninguém sonha com uma reviravolta.

Não há estratégia suicida.

Muito pelo contrário.

Felipão tentará montar uma equipe mais sólida na marcação.

Para não ser novamente goleado pelos paranaenses.

O maior assunto entre os conselheiros é dar ou não aval para a W/Torre construir a arena.

O time, o futebol passaram para segundo plano.

O presidente Tirone não cobrou Felipão por um dos maiores vexames da história do clube.

Pelo contrário.

Passou o final de semana dizendo a conselheiros que ele é o melhor treinador do país.

E não há quem contratar do seu nível no mercado.

Classificou a derrota como acidente de trabalho.

E vamos mudar de assunto...

Não há planos mirabolantes para grandes contratações.

Muito pelo contrário.

Tirone tenta apenas a volta do zagueiro Henrique.

Empresários estão orientados para buscar no mercado jogadores jovens e baratos...

O Palmeiras se coloca como vitrine.

Os dirigentes acreditam que o elenco merece crédito.

A vitória sobre o Santos no Paulista é o maior escudo dos jogadores.

Danilo só sairá porque está negociado com a Itália.

Não há caça às bruxas.

Não haverá grandes dispensas.

O clima de conformismo na direção palmeirense é impressionante.

Kléber e Valdivia foram orientados a não reclamar publicamente da equipe.

Devem jogar, embolsar seus ótimos salários e se calar.

Assim como Marcos.

Suas declarações após os 6 a 0 não foram bem interpretadas pelo restante do grupo.

Ficou a impressão a vários jogadores que ele só quis se proteger.

Preservar a sua imagem...

O trio prometeu se calar...

Ou se conter nas declarações.

Felipão também não se mostra disposto a abandonar o grande contrato que fechou com Belluzzo.

E quer continuar seu trabalho.

Na internet, torcedores defendem sua permanência no Palmeiras.

Ou seja: perder por 6 a 0 não mudou a rotina do clube.

Parece que nada demais aconteceu.

A não ser a falta de procura por ingressos para o jogo de quarta-feira...

Desde o Paulista de 2008, o Palmeiras não consegue chegar a uma final de campeonato...

As conquistas importantes vão ficando cada vez mais distantes.

A Libertadores em 1999.

A Copa do Brasil em 1998.

O último Brasileiro foi em 1994.

Rio-São Paulo em 2000.

Os dirigentes nem disfarçam mais...

O que poderia ser um escândalo, uma tragédia anos atrás...

O treinador e metade do time já estariam proibidos de pisar no Palestra Itália...

Mas as derrotas e as fracas equipes montadas em seguida viciaram os dirigentes...

Tornou-se uma triste rotina perder...

Ser eliminado das competições...

O Palmeiras se acostumou a viver com as derrotas...

Em ver a festa alheia...

Isso explica o protesto de apenas 12 torcedores após o time perder por 6 a 0 para o Coritiba...

E os ingressos encalhados para a partida de quarta-feira...

Veja mais:
+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7

0 a 0 para o Santos no Pacaembu. O bicampeonato paulista está muito mais perto. Pior para o Corinthians…

AgenciaEstado29 0 a 0 para o Santos no Pacaembu. O bicampeonato paulista está muito mais perto. Pior para o Corinthians...
O Santos arrancou um ótimo resultado no Pacaembu.

Em plena maratona que mistura a Libertadores e o Campeonato Paulista...

O time de Muricy levou a decisão para a Vila Belmiro...

Só precisa de uma vitória simples na busca do bicampeonato...

Sofreu uma baixa importantíssima: Paulo Henrique Ganso...

A coxa direita não suportou os jogos seguidas, as pancadas, as divididas...

O estiramento leve desperta a esperança que possa atuar no próximo domingo...

A sua contusão não surpreende, já que o meia vinha de operação e tem de se submeter a esse calendário estúpido...

O Corinthians, no entanto, não tem do que se queixar...

Foi muito melhor no primeiro tempo...

Se impôs com bom toque de bola e criou várias chances para marcar...

Mesmo jogando com dores, Liedson fez muito bem o papel de pivô...

Infelizmente, Dentinho Samambaia não conseguiu ser um parceiro à altura...

O erro de Tite foi tirar Bruno César no segundo tempo...

O seu potencial de conclusão não poderia ter sido desperdiçado...

O Santos entrou para jogar apenas no contragolpe no primeiro tempo...

No segundo tempo se aproveitou do que deveria ser um trauma...

Com a saída de Ganso e a entrade de Allan Patrick, a marcação corintiana afrouxou...

O time se adiantou e sobrou mais espaço justo para Neymar...

Wallace, a surpresa na escalação corintiana, lutou muito...

Só que cansou...

O cartão amarelo que tomou o intimidou...

Era nítido que ele não queria ser expulso e evitou divididas fortes...

E o atacante santista se aproveitou disso...

Acertou duas vezes a trave de Júlio César...

Assim como Liedson, se ressentiu de um companheiro no ataque com talento...

Zé Eduardo está muito abaixo do nível do Santos...

E Keirrison perdeu toda a confiança como jogador de futebol...

Por isso, o Santos busca repatriar André, conversa com Ricardo Oliveira...

Quer um artilheiro de verdade...

Mas o grande jogador da partida foi Leandro Castan...

Mostrou muita confiança e um tempo de bola impressionante...

Se antecipou e desarmou vários e vários ataques santistas...

Os próprios companheiros se empolgaram com sua atuação...

Apesar do 0 a 0, a partida foi emocionante...

Com chances reais para os dois times...

Deixou a decisão do Paulista ainda indefinido...

Os corintianos sentiram que podem ganhar do Santos...

E os santistas terão o privilégio de tentar o bicampeonato em casa...

A partida de quarta-feira, na Colômbia, contra o Once Caldas terá um peso importante...

Se o time de Muricy Ramalho conseguir um bom resultado virá para a decisão mais confiante...

Se perder o jogo de uma maneira preocupante poderá vir perturbado, com a obrigação de se reabilitar...

Esta é a maior chance corintiana...

O time de Tite foi ao seu limite hoje...

Enquanto o adversário foi ao México, suou sangue contra o América...

Os corintianos ficaram em São Paulo só treinando...

Nem assim conseguiram se impor...

Mas tudo está nos pés dos jogadores do Santos e na cabeça de Muricy Ramalho...

Este 0 a 0 foi santista...

Liedson disputará a final com dores no joelho. Corinthians de Tite não pode abrir mão do atacante contra a lenta zaga santista…

AgenciaEstado83 Liedson disputará a final com dores no joelho. Corinthians de Tite não pode abrir mão do atacante contra a lenta zaga santista...
Como virou moda no futebol brasileiro, Liedson jogará com dores amanhã.

O seu joelho esquerdo não está plenamente recuperado da pancada que sofreu no joelho esquerdo.

Mas não teve como dizer não a Tite e ficar de fora da primeira partida da decisão do Campeonato Paulista.

Ele é fundamental ao técnico no jogo contra o Santos.

Treinou hoje, mas poupou a perna esquerda.

A usou muito mais como apoio e não para chutar a gol.

Deixou para amanhã...

Ele é a maior arma contra a lenta zaga formada por Edu Dracena e Durval.

Levezinho, como é chamado em Portugal, se tornou referência para o time.

Tite não queria colocar de maneira alguma Dentinho e William como dupla de atacantes.

Liedson conversou muito com Tite.

Se dependesse dele, seria poupado para o jogo final no próximo domingo.

Mas nem pensar.

Liedson entendeu a sua importãncia para o time.

Foram várias conversas com o técnico.

E com companheiros.

Se tornou peça chave.

O desafogo do time.

Veio e se impôs diante dos zagueiros que encontrou no Campeonato Paulista, com seus times fracos.

São 11 gols em 14 partidas.

O próprio jogador acreditava que encontraria mais dificuldade no retorno ao futebol brasileiro.

Mas o baixo nível técnico o ajudou muito.

Com o abandono da carreira de Ronaldo, o time ganhou força ofensiva com a sua entrada.

Tite o considera indispensável para a luta pelo sonhado título paulista.

O treinador sabe que só terá paz para trabalhar no Brasileiro vencendo o Paulista.

E para aproveitar ao máximo o cansaço santista, a velocidade do Levezinho.

A esperança do treinador é que a adrenalina da final faça as dores no joelho passarem.

A grande dúvida ainda está em relação ao companheiro de Liedson.

Dentinho Samambaia não consegue render.

Passa por uma péssima fase e se julga perseguido por namorar a ex-Paniquete...

William está treinando e jogando bem melhor do que ele...

Tite está dividido, mas é gritante o rendimento melhor do ex-jogador do Figueirense...

O treinador ficou feliz ao saber que Arouca e Léo não vão estar em campo amanhã.

E acredita que o Santos terá só Neymar no ataque.

Aposta que Muricy Ramalho reforçará o meio de campo com cinco jogadores.

E Zé Eduardo ficará de fora, na reserva.

Para acabar com o sonho do Santos de levar um empate do Pacaembu...

A solução está na ponta da lingua de Tite...

Liedson...

Se a contusão piorar para o segundo jogo, tudo bem...

Para o treinador corintiano a chance do título está mesmo no Pacaembu...

Por isso vai correr todos os riscos...

Até com o joelho esquerdo de Liedson...

Palmeiras proíbe jogadores e Felipão de criticar escolha do Pacaembu. Ninguém queria a ‘casa do Corinthians’, mas eles vão se calar…

divulgacao349 Palmeiras proíbe jogadores e Felipão de criticar escolha do Pacaembu. Ninguém queria a casa do Corinthians, mas eles vão se calar...
Para evitar uma crise interna, a ordem no Palmeiras será evitar críticas à semifinal acontecer no Pacaembu.

A diretoria sabe que jogadores e Felipão não queriam de jeito nenhum a partida no estádio municipal.

O treinador já havia levado essa opinião aos dirigentes.

Mas eles tiveram de dobrar à pressão da FPF e da TV Globo.

A emissora não queria deslocar seus equipamentos para o Interior do Estado, como queria Scolari.

Mas Arnaldo Tirone não quer nenhum dos seus funcionários o questionando publicamente.

A ordem é disfarçar.

Ou então fazer como Valdivia.

Uma hora afirmar que o "Pacaembu é a casa deles" e que a vantagem é corintiana.

E na outra, mudar completamente de opinião.

"Para mim tanto faz onde será o jogo."

O discurso a partir desta terça-feira será orquestrado no Palestra Itália.

Mas Felipão ficou profundamente decepcionado com os dirigentes.

Não é problema dele se o Palmeiras já adiantou cotas do Campeonato Paulista de 2014...

E não tem como brigar com a TV Globo...

Os jogadores e o técnico não estão se importando com o fato de o clube ter 95% dos torcedores no domingo...

Eles queriam a partida em qualquer lugar....

Não na casa do Corinthians...

Mas a direção do Palmeiras não teve como tirar de lá...

Mas não aceitará ninguém criticando a sua falta de força...

O maior medo está nas entrevistas de Marcos e Kléber...

Os mais sinceros do grupo...

Página 1 de 3123