1reproducaofacebook 768x1024 Paulinho mostrou não só falta de profissionalismo e desrespeito ao torcedor. Tentou forçar uma situação. E acabou desprezado tanto pelo Flamengo como pelo Corinthians...
Paulinho é um jogador que tem tudo que desagrada Tite. É individualista, inconstante, não tem visão tática do jogo, não recompõe, não se sacrifica pelo time.

Fora de campo já se envolveu em confusões, como a constrangedora participação no Bonde da Stella, o Flamengo despencando no Brasileiro e ele participando de farras e posando com a cerveja nas redes sociais. Aos 27 anos, reserva na Gávea. Nunca fez parte de seus pedidos para a Libertadores de 2016.

Paulinho também não fazia parte dos interesses de Muricy Ramalho para o próximo ano. Seria negociado. Mas sem alarde, nunca nem chegou perto de ser uma estrela.

Diante desse quadro, o jogador tomou uma atitude que foi contra todos os princípios do profissionalismo. Postou uma foto com a camisa do Corinthians. Uma clara tentativa de mostrar seu sonho, para onde gostaria de seguir.

35 Paulinho mostrou não só falta de profissionalismo e desrespeito ao torcedor. Tentou forçar uma situação. E acabou desprezado tanto pelo Flamengo como pelo Corinthians...

A atitude foi muito mais do que desprezar o clube atual que lhe paga, com quem tem contrato. Atingiu em cheio a obrigação com os patrocinadores do Flamengo. Ele promoveu de graça as empresas que bancam a camisa corintiana. Algo absurdo nos tempos modernos.

Paulinho e as pessoas que cuidam de sua carreira deveriam saber os laços íntimos entre as diretorias do Flamengo e do Corinthians.

Desde que as duas sabotaram, implodiram o Clube dos 13, viraram aliados de todas as horas. Por serem os mais populares do Brasil, perceberam que se lutassem juntos, conseguiriam mais. Até porque seus territórios são diferentes, São Paulo e Rio.

Não recebem a desproporcional cota da Globo por acaso. Têm o maior número de partidas transmitidas.Também desfrutam do patrocínio da Caixa Econômica Federal. Têm mais representantes na Bancada da Bola, em Brasília.

Paulinho não faz ideia o quanto as diretorias são unidas.

Deveria ter pensando na negociação envolvendo Guerrero...

4ae22 Paulinho mostrou não só falta de profissionalismo e desrespeito ao torcedor. Tentou forçar uma situação. E acabou desprezado tanto pelo Flamengo como pelo Corinthians...

Fora o fato de haver desrespeitado profundamente a torcida flamenguista. Desprezo inconcebível para um jogador profissional. Porque seu salário continua sendo pago pelo clube da Gávea.

Andrés Sanchez, homem que manda no Parque São Jorge há dez anos, tratou logo de avisar o presidente Eduardo Bandeira de Mello, que nunca houve negociação alguma. E ainda ironizou a postura do jogador.

"Ele é mais um louco do bando. Todo jogador tem seu time do coração. Ele estava na folga dele e quis tirar uma foto com a camisa do Corinthians. Parabéns. Nós agradecemos", disse à Fox Sports.

Mas nos bastidores, houve a necessidade de uma consulta da diretoria flamenguista à corintiana para saber se havia algo além da postura irresponsável do jogador. A negativa foi firme. Tite nunca quis esse atleta.

2ae12 Paulinho mostrou não só falta de profissionalismo e desrespeito ao torcedor. Tentou forçar uma situação. E acabou desprezado tanto pelo Flamengo como pelo Corinthians...

Diante desse quadro, os dirigentes resolveram multar e tentar se livrar definitivamente de Paulinho. Flamenguistas insistem nas redes sociais. Não querem que ele vista nunca mais a camisa rubro negra.

Tudo indica que o mais próximo que Paulinho chegou do Corinthians foi em 2009. Ele saía do Flamengo de Guarulhos, como destaque do Time. E passou por um período de testes no Parque São Jorge. Foi reprovado.

"Não espero contar com ele, isso já é uma coisa definida. O Paulinho é um jogador que está à disposição do mercado. Ele é um jogador valorizado tem contrato com o Flamengo. Então tem que se acertar com o Flamengo, tem que ter um pouco de calma. Não é assim que faz as coisas. Ele tem contrato com o Flamengo e deve responder por isso", avisou Muricy à rádio Bandeirantes.

Danilo, do Corinthians, teve uma atitude digna. Ele foi campeão mundial com o São Paulo. Foi convidado para a despedida de Rogério Ceni. Sua resposta foi não. Em respeito não só ao clube que o paga. Como aos torcedores, aos patrocinadores corintianos. Rogério Ceni entendeu e ainda elogiou a postura do meia, que é seu amigo.

Desde que postou sua foto, Paulinho resolveu se calar. Está claro que atingiu seus objetivos. Se tornou comentado no mercado. Mas talvez não como sonhava. O Corinthians travou de vez sua porta ao atacante.

Qualquer outra diretoria que resolver pagar para ter o seu futebol deve pensar dez vezes. Porque se ele tomou essa atitude com o Flamengo, pode fazer com qualquer equipe.

Vale lembrar o que fez em 2013.

Ainda no XV de Piracicaba, havia dois clubes interessados nele.

A sua resposta.

"Colocaram as duas propostas em cima da mesa, se eu queria ir para o Flamengo ou para o Palmeiras. Falei: "está de sacanagem, ainda querem que eu escolha?"

Ou seja, classificou como 'sacanagem' a chance de jogar no Palmeiras...

Paulinho mexeu com dois princípios fundamentais do futebol. O primeiro é o lado empresarial, financeiro. Pisou nos patrocinadores flamenguistas, que lhe pagam, e valorizou os corintianos que não gastam um centavo com ele.

E muito pior.

Desprezou o amor dos flamenguistas que cansaram de gritar seu nome, o apoiar, mesmo sendo um mero reserva.

Foi muito além do Bonde da Stella.

Fica a deplorável lição.

Como conseguir se queimar no clube que paga seus salários.

E também no mercado.

Qualquer dúvida.

Pergunte a Rodrigo Caetano.

A Paulinho.

Ou melhor...

Fale com Danilo...
3ae17 Paulinho mostrou não só falta de profissionalismo e desrespeito ao torcedor. Tentou forçar uma situação. E acabou desprezado tanto pelo Flamengo como pelo Corinthians...

http://r7.com/ASTO