112 Para angústia de Dunga, Barcelona tira Neymar da Copa América. Será a primeira competição oficial que o Brasil disputa sem sua estrela, desde 2010. Para a Olimpíada, descansado, ele virá. Com a obrigação de conquistar o ouro, lógico...
Cresce a chance de o Brasil ganhar a inédita medalha de ouro. A imprensa catalã já vinha avisando há muito tempo. A direção do Barcelona fez o que havia combinado com Dunga. Entre a Copa América dos Estados Unidos e a Olimpíada, liberou Neymar apenas para os Jogos do Rio.

Dunga sofre do mesmo mal que assolou Mano Menezes e Felipão. A dependência extrema, absoluta e confessa de Neymar. Sabe que ele é o único jogador diferenciado em uma geração formada por coadjuvantes. O treinador sabe que seu cargo corre risco. A sombra de Tite é cada vez maior.

Com a inédita e incômoda situação da Seleção, fora da zona de classificação para a Copa da Rússia, depois de seis rodadas, tudo está complicado. Marco Polo del Nero foi claro a Gilmar Rinaldi e ao próprio treinador. Precisa de resposta positiva e imediata do time. Já na Copa Centenária dos Estados Unidos, entre 3 e 26 de junho.

Se tudo correr como o esperado, o Barcelona estará na final da Champions League, no dia 28 de maio, em Milão. O Campeonato Espanhol termina no dia 15 de maio. A decisão da Copa do Rey será 30 de maio. O time catalão enfrentará o Sevilla. Ou seja, não haverá tempo para Neymar, Messi e Suárez respirarem.

O Barcelona pediu e Messi não fez questão da Olimpíada do Rio. Já foi campeão em 2008. Suárez nem precisou do pedido. O Uruguai está fora. Já Neymar não teria de optar. Olimpíada ou nada. Nem pensar na Copa América.

O bom senso da equipe catalão prevaleceu. Neymar ficará de férias durante a Copa América dos Estados Unidos. E jogará a Olimpíada do Rio, entre 4 e 20 de agosto.

O atacante queria disputar as duas competições. Chegou a pensar em descansar um pouco e entrar na fase decisiva da Copa América, nos mata-matas. O grupo do Brasil na primeira fase tem Equador, Peru e Haiti. Se classificam duas equipes. Seria uma façanha, Dunga conseguir não se classificar.

216 1024x574 Para angústia de Dunga, Barcelona tira Neymar da Copa América. Será a primeira competição oficial que o Brasil disputa sem sua estrela, desde 2010. Para a Olimpíada, descansado, ele virá. Com a obrigação de conquistar o ouro, lógico...

Mas o clube catalão já se decidiu.

Gilmar Rinaldi sabia que isso deveria acontecer. Para frio na espinha de Dunga, o Brasil disputará a primeira competição oficial, desde a Copa do Mundo de 2010, sem Neymar. Não havia saída.

Marco Polo del Nero ainda tem obsessão pelo vexatório 7 a 1 para a Alemanha. Na cabeça do presidente da CBF, a inédita medalha de ouro será a resposta. A prova que o futebol brasileiro está recuperado.

Por isso, Dunga terá de mudar toda sua filosofia. Investir em uma equipe sem jogador privilegiado. No conjunto do time. Com atletas respeitando o esquema. Mas perderá o talento individual de Neymar, capaz de desequilibrar qualquer partida. Quando joga sério, lógico.

É um baque para o técnico da Seleção, que tanto acalentou a esperança de ter seu capitão nas duas competições. Mas ele terá de segurar a raiva. Para tudo não ficar ainda pior. O Barcelona não é obrigado a liberar seu jogador para a disputa da Olimpíada. Esse é um acordo que a Fifa fez para não esvaziar a Copa do Mundo. Nela sim, todos os clubes são impedidos de negar a participação dos seus atletas.

Marco Polo Del Nero tem a certeza que a medalha de ouro está garantida. Mas não é bem assim. Argentina, México, Honduras, Portugal, Alemanha, Dinamarca, Suécia, Argélia, Nigéria, África do Sul, Iraque, Japão, Coreia do Sul, Colômbia e Fiji são os países classificados para a competição.

O sorteio dos grupos será na próxima quinta-feira, no Maracanã.

310 1024x576 Para angústia de Dunga, Barcelona tira Neymar da Copa América. Será a primeira competição oficial que o Brasil disputa sem sua estrela, desde 2010. Para a Olimpíada, descansado, ele virá. Com a obrigação de conquistar o ouro, lógico...

Valerá conferir se a trajetória do Brasil.

E analisar se será tão tranquila e favorável quanto Del Nero espera.

Com a camisa 10 e capitão da Seleção estará Neymar.

Descansado, sem o menor stress.

Pronto para ser o líder dos garotos brasileiros.

Quem será o líder do Brasil na Copa América dos Estados Unidos?

Não é problema dele.

É de Dunga.

O presidente não quer vexame na Copa América.

Exige a medalha de ouro.

Mesmo se ela vier, a avaliação de Dunga será um pouco depois.

Após a Seleção enfrentar o Equador em Quito.

E a Colômbia, no território nacional, dia 6 de setembro.

Uma nova análise sobre o trabalho de Dunga está marcada.

Para o dia 7 de setembro.

Data mais do que sugestiva...
49 Para angústia de Dunga, Barcelona tira Neymar da Copa América. Será a primeira competição oficial que o Brasil disputa sem sua estrela, desde 2010. Para a Olimpíada, descansado, ele virá. Com a obrigação de conquistar o ouro, lógico...

http://r7.com/eOSC