Luxemburgo domou o ego de Felipe no Flamengo. Agora sim: é goleiro para sonhar com a Seleção Brasileira…

divulgacao93 Luxemburgo domou o ego de Felipe no Flamengo. Agora sim: é goleiro para sonhar com a Seleção Brasileira...
O Flamengo fez bem para Felipe.

Talvez a sombra de Bruno tenha sido fundamental.

Todos os erros do goleiro que acabou preso acusado de assassinato o influenciaram.

Pessoas que frequentam a Gávea todos os dias percebem que o ego diminuiu.

Perdeu peso em relação ao Corinthians.

E está treinando como nunca.

Tudo isso explica a atuação do principal personagem do Fla-Flu decisivo de hoje.

O time de Luxemburgo chegou à decisão da Taça Rio...

E está a apenas 90 minutos do título carioca graças a ele...

Teve uma atuação sensacional na decisão por pênaltis...

O seu terço bento parece que faz mesmo milagres...

Só que sua grande atuação se deve ao péssimo árbitro Péricles Bassols.

O jogo ainda estava 0 a 0 quando Rafael Moura surgiu livre, diante do goleiro.

Ele era o último homem da defesa flamenguista...

O atacante o estava driblando e se preparando para marcar o gol quando foi derrubado...

Lance limpo, claro...

Falta fora da área e cartão vermelho para Felipe.

Mas cadê coragem para Péricles?

Foi mais fácil 'acreditar' que Moura simulou a falta e o jogo continuou...

Sem Ronaldinho Gaúcho, que misteriosamente surgiu com uma dor no joelho e não atuou...

O Flamengo foi envolvido pelo Fluminense no primeiro tempo.

Marcou 1 a 0, gol de Rafael Moura impedido...

A tempestade que desabou no Rio acabou por ajudar o Flamengo...

O time de Fred cansou...

No segundo tempo não foi páreo físico para o time de Luxemburgo...

Thiago Neves assumiu o lugar que deveria ser de Ronaldinho Gaúcho...

E com técnica e raça, levou o time ao empate...

Aí vieram os pênaltis...

Como fez contra o Botafogo na Taça Guanabara, Felipe se impôs...

Incrível a sua personalidade nesta hora...

O falante Souza perdeu o duelo e cobrou sem confiança por cima...

Araújo tentou menosprezá-lo e o goleiro defendeu sem esforço a cobrança...

E Tartá tremeu e colocou a bola nas suas mãos, parecia uma criança batendo...

O goleiro está vivendo a sua melhor fase na carreira...

Diminuiu seu ego...

Está evitando dar saltos acrobáticos em defesas fáceis...

Parou de jogar para a torcida e para os fotógrafos...

Seus reflexos estão apurados...

Por incrível que pareça, foi o egocêntrico do futebol brasileiro quem o colocou no rumo...

Em conversas seguidas com Vanderlei Luxemburgo, o goleiro foi se conscientizando...

Precisava mostrar humildade, treinar e se calar mais...

Citou Marcos no Palmeiras...

Mesmo solteiro e aproveitando algumas noites com Ronaldinho Gaúcho, Felipe está mais discreto...

E focado...

Seu sonho é disputar a Copa de 2014...

Luxemburgo insiste que só depende dele...

E há de se reconhecer...

Felipe está mudando sua carreira...

Abrindo perspectivas até então impensadas...

Que tenha cabeça para seguir este caminho...

O Flamengo está a 90 minutos de ser campeão carioca graças a ele...

Quem diria...

Parabéns, Felipe...

(Depois desse destaque todo no Fla-Flu...

Felipe se envolveu em uma grande confusão no twitter.

Com direito a chamar o rival de Florminense....

E premiar com vários palavrões torcedores adversários...

Assustado com a repercussão, apontou seu primo com o autor das 'brincadeiras'...

Triste...)

Fla-Flu. Mais uma chance de Ronaldinho mostrar a que veio. E R$ 1,8 milhão por mês. A paciência da torcida com ele já está acabando…

r7.com11 Fla Flu. Mais uma chance de Ronaldinho mostrar a que veio. E R$ 1,8 milhão por mês. A paciência da torcida com ele já está acabando...
Depois de mais uma péssima partida, desta vez no empate contra o pobre Horizonte do Ceará, mais proteção...

Luxemburgo e os companheiros deram inúmeras desculpas para blindar Ronaldinho Gaúcho...

Foi bem marcado, o time não encaixou, a equipe estava cansada...

O repertório de desculpas está acabando.

São 15 partidas e cinco gols.

Há sete não marca pelo Flamengo.

Há sete jogos...

Luxemburgo não se faz de rogado e finge que está tudo bem...

Assim como toda a diretoria, torcida...

Está bem continuar pagando R$ 1,8 milhão para ter um jogador conhecido no mundo todo...

Alguém com moral para fazer a Academia Brasileira de Letras parar...

Ídolo que visita crianças que sobreviveram ao massacre no Realengo...

Enfim, como relações públicas é excepcional...

Se não tivesse de entrar em campo seria perfeito...

Mas Ronaldinho Gaúcho precisa atuar...

E é no gramado que ele mostra que o investimento, o sacrifício flamenguista não tem compensado...

Mas como o calendário brasileiro é pródigo em chances para quem está mal, hoje há uma nova chance...

Jogar o mítico Fla-Flu valendo a final da Taça Rio contra o Vasco.

A hora é esta.

Ser fundamental para derrotar o empolgado time tricolor que arrancou sua vaga a fórceps da Libertadores...

Jogadores heroicos que passaram por cima do Argentinos Júniors em Buenos Aires...

E ainda foram bafejados pela sorte do empate em Montevidéu entre Nacional e América do México...

Fred assumindo novamente a liderança da equipe...

O Flamengo está invicto durante o ano.

Enfrentou fracos adversários no Campeonato Carioca e no início da Copa do Brasil...

Mas está invicto...

Bastaria vencer o Fluminense e o Vasco e o time já seria campeão carioca...

Ganhou a Taça Guanabara...

Por tudo isso, este Fla-Flu de hoje é fundamental para Ronaldinho Gaúcho...

Seu crédito já acabou com os torcedores mais exigentes.

Foi vaiado depois do lamentável empate com o Horizonte do Ceará.

Como sempre faz quando é questionado, ele fingiu não ouvir as vaias...

Aprendeu com o irmão e empresário Assis que a melhor coisa é fugir do conflito...

Ainda mais ele que sempre teve quem o defendesse...

Outra vez o Rio de Janeiro está esperando por uma resposta heroica do jogador...

Todas as faltas perto da área, todos os pênaltis que aparecerem serão dele...

Já passou da hora de acordar, Ronaldinho...

Até porque essa situação está beirando o ridículo...

Vale lembrar que o clube enfrentará o Fluminense por causa dele.

Se não tivesse cobrado um pênalti como tiro de meta, por cima, contra o Macaé...

O rival nas semifinais seria o Olaria...

Por mais que Luxemburgo queira...

O Flamengo é grande demais para ficar de joelhos para um jogador...

Acorde Ronaldinho...

Ou durma de vez no banco de reservas...

Como estava fazendo no Milan...

(Uma misteriosa contusão no joelho o tirou do Fla-Flu.

O Flamengo ficou com a vaga para a decisão da Taça Rio.

Ele não fez falta alguma...)

Veja mais:
+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7

Tite manteve o emprego no jogo que foi mais um filme de terror para os corintianos…

AgenciaEstado89 Tite manteve o emprego no jogo que foi mais um filme de terror para os corintianos...
Sábado às 18h30, ótimo horário para um filme de terror.

Ainda mais visto por adolescentes

Ele acaba às 20h30 e há o restante da noite e do final de semana para esquecê-lo.

É isso que merece a partida do Corinthians.

A vitória diante do fraco Oeste de Itápolis reuniu as emoções de Jason, Dracula, Fred Kruger e Dado Dolabella...

Foi assustador o que aconteceu no Pacaembu.

Sem estratégia alguma, o time de Adenor era um amontoado de jogadores tentando vencer.

Tite nasceu montando equipes para contragolpear.

Quando tem de atacar é assim, triste, desordenado.

Não havia triangulações, atletas em bloco...

Só chutões e cruzamentos das laterais do campo...

E com o detalhe que o time interiorano dava todo espaço para os atacantes corintianos articularem suas jogadas...

Luís Carlos Martins deixava seus três zagueiros perto demais do seu gol.

Na intermediária, toda a libertade para tabelas, infiltrações, chutes...

Uma delícia para qualquer equipe articulada.

Mas não foi o caso do Corinthians...

Os mais de 31 mil torcedores que foram ao Pacaembu não entenderam a postura de Bruno César...

De Dentinho, de Jorge Henrique...

Liedson tinha de se virar para tentar tocar na bola...

Alguém precisa avisar para Paulinho e Ralf que eles não são Elias e Jucilei...

Mesmo assim, o adversário era fraco demais.

Sem coragem de ir para o ataque.

Sonhava com uma decisão por pênaltis desde os primeiros segundos de jogo...

E tome chutão de todos os lados...

A primeira e única vez que o Corinthians conseguiu trocar quatro passes em progressão, saiu o gol de Liedson...

Uma bênção para os pais e filhos que tinham ido ao Pacaembu...

O primeiro tempo estava acabando quando Júlio César falhou feio...

Recolocou a bola em jogo sem força...

O meio de campo corintiano bobeou e a bola foi rebatida e caiu nos pés de Fábio Santos...

O chute do atacante saiu cruzado e era plenamente defensável...

Júlio César espalmou a bola para as redes...

O gol saiu aos 46 minutos do primeiro tempo...

O time de Tite desceu para os vestiários assustado...

Pior do que ele só os torcedores, incrédulos....

34 minutos de desespero...

Os 15 do intervalo...

E os 19 do segundo tempo...

Quando o acaso ajudou Adenor...

Dentinho teve um problema estomacal e teve de ser substituído...

Entrou o ágil William no seu lugar...

E aos 19 minutos, ele conseguiu ter muito sangue frio ao dar uma meia lua no marcador...

E bateu forte demais...

2 a 1 Corinthians...

O gol salvador não alivou o clima tenso no estádio...

Se o árbitro Salvio Spinola tivesse um pouco mais de coragem teria expulsado Bruno César...

O meia distribuiu covardes cotoveladas à vontade...

Adenor percebeu e o substituiu...

O jogo passou a ter a formação tática de um casado contra solteiro...

Com bolas nas duas áreas, Luís Carlos Martins terminou a partida com três atacantes...

Até o goleiro Fábio tentou usar os dois metros de altura para tentar empatar o jogo em uma cabeçada...

Foi um terror, mas o Corinthians conseguiu vencer...

Tite era o mais aliviado.

Sabia que seria demitido se não conseguisse chegar sequer às semifinais do Paulista...

Conseguiu...

Mas o terror terá continuação.

Na próxima semana, semifinal.

Provalmente contra o Palmeiras...

Ou seja: encontro marcado novamente com Jason, Dracula, Fred Kruger e Dado Dolabella...

Outro time da Ponte Preta é injustiçado. O Santos ganhou, mas não mereceu ser semifinalista do Paulista…

divulgacao9925 Outro time da Ponte Preta é injustiçado. O Santos ganhou, mas não mereceu ser semifinalista do Paulista...
O forte sistema de marcação de Gilson Kleina e o cansaço quase derrubaram o Santos.

Deveriam...

O time venceu a Ponte Preta por 1 a 0, gol de Neymar.

Mas não convenceu nem o pai de Neymar.

Muricy Ramalho colocou na Vila Belmiro o que tem de melhor.

Mesmo Arouca sentindo dores.

Experiente, o técnico sabia que seius atletas estavam cansados.

E ele esperava decidir o jogo no primeiro tempo, quando todos ainda tinham fôlego.

O calor senegalesco não fazia parte dos seus planos.

Jogadores rodados e fundamentais para o talento de Neymar brilhar estavam travados.

Elano e Léo foram se desmanchando em campo.

O ritmo de jogo de Ganso está muito, mas muito abaixo do mínimo necessário.

Bons toques e passes desconsertantes ainda aconteceram quando a bola chegava aos seus pés.

Mas a bola tinha de chegar até ele.

Arouca também estava muito abaixo.

Se percebia faltar confiança e decisão nas divididas.

Claro sintoma de quem ainda sente dores.

Zé Eduardo esforçado, dando trombadas até nas traves, mas muito abaixo tecnicamente dos seus companheiros.

Neymar ficou isolado e apelou à sua juventude para tentar criar, driblar, tabelar.

Mas sabia estar sozinho.

Para dar um contorno ainda mais dramático ao jogo, Gilson Kleina armou seu time com muita felicidade.

Marcou forte o Santos a partir das intermediárias.

Abriu mão de um atacante fixo na área.

E montou duas linhas.

Uma de cinco atletas para proteger sua área.

E outra, também com cinco, já a partir da intermediária no campo santista.

Ninguém no time de Muricy tinha tempo de respirar.

Na única escapada muito bem articulada, Neymar marcou aos 20 minutos.

O gol não mudou a postura treinada, milimetricamente organizada da Ponte.

A estratégia era marcar, tomar a bola e partir, com seus jogadores baixinhos para o ataque.

Foi isso durante o jogo inteiro.

A Ponte mostrou muita personalidade.

E foi envolvendo o desgastado Santos.

Cada vez mais.

A torcida santista se dividia em olhar para o gramado e para o relógio.

Foi uma tortura chinesa.

Cada vez mais ficava clara a injustiça no placar.

O time campineiro nos últimos 20 minutos fez o que quis com o Santos.

Ficou com a posse de bola como se fosse ela a equipe grande.

E atacou dos dois lados do gramado.

Chegou a acertar a trave de Rafael.

Mas não houve jeito, a estrela santista brilhou.

O time chegou à semifinal do Paulista.

Vale destacar que, desde que Muricy assumiu, venceu os três jogos em que a a vitória era obrigatória.

Agora tem a obrigação de descansar porque logo na quarta-feira terá o América do México pela Libertadores.

E no final de semana, o vencedor de São Paulo e Portuguesa.

Todos sabem na Vila Belmiro o quanto Muricy quer o time de Juvenal para mostrar que sabe se virar bem no mata-mata.

Mas agora o importante é descansar.

Amarrar os jogadores nas camas e os obrigarem a dormir o máximo que puder.

Caso contrário, a sorte pode acabar.

Hoje, o Santos não mostrou o seu potencial.

A Ponte Preta foi injustiçada.

Se impôs diante da equipe mais talentosa do Brasil e jogando no caldeirão da Vila Belmiro.

Mas o destino não quis se dobrar e a vaga ficou com o Santos.

Gilson Kleina e seu exército sabem que cumpriram bem demais seu papel.

Que coisa ingrata esse tal de futebol...

Veja mais:
+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Conheça todos os blogs do R7


Tite: não vá traumatizar as crianças que forem ao Pacaembu…Nem Andrés o salvará se o Corinthians não derrotar o pobre Oeste…

divulgacao337 Tite: não vá traumatizar as crianças que forem ao Pacaembu...Nem Andrés o salvará se o Corinthians não derrotar o pobre Oeste...
A cena de Kia Joorabchian gritando com Tite no vestiário do Morumbi nunca saiu da mente de Andrés Sanchez.

Na frente de todos os jogadores, o iraniano dono da MSI gritou, humilhou o treinador.

Tudo porque ele mandou Coelho cobrar um pênalti contra o São Paulo.

E não Carlitos Tevez.

Coelho errou o pênalti.

Tite foi embora do Parque São Jorge pela porta dos fundos..

Andrés era o homem de confiança de Kia no futebol corintiano.

Nada fez.

Pediu perdão a Tite na sua despedida e prometeu a ele que o traria de volta um dia...

Andrés virou presidente e, mesmo depois de campanhas pífias, entrou o Corinthians em suas mãos...

Por coincidência ou não, o clube perdeu o Campeonato Brasileiro que estava nas suas mãos...

Foi eliminado na pré-Libertadores do Tolima...

Fosse qualquer outro treinador e não o amigo íntimo de Andrés, ele teria sido mandado embora...

Dirigentes, conselheiros e amigos imploraram ao dirigente para que isso acontecesse...

E nada...

Valeu mais a amizade, a palavra que ele ficaria até o final do seu mandato, em dezembro...

Do que o próprio sucesso do Corinthians...

Por isso o time chega aos trancos e barrancos nas quartas-de-final do Campeonato Paulista...

Hoje enfrenta o Oeste de Itápolis no Pacaembu...

Típico jogo para o pai corintiano levar o filho e amarrar de vez a paixão pelo seu clube...

O DNA não basta.

É preciso uma partida marcante em um sábado de Aleluia...

De preferência uma goleada...

Esperar que seu filho saia do Pacaembu com vontade de tatuar os nomes de Liedson e Bruno César nos ombros...

E um grande gavião nas costas...

Essa é a esperança de meu amigo Hélio...

Fazer com que Thales largue a guitarra toda vez que o Corinthians jogar...

Mas cuidado, Hélio...

Com Tite comandando o Corinthians nunca se sabe...

Como um treinador que desprezou tanto Bruno César a ponto de recomendar sua venda ao Benfica...

Agora diz que o título depende do seu desempenho?

Dentinho, mais preocupado com possibilidade de ir para a Europa no meio do ano...

E com samambaias, mais do que com a partida...

Jorge Henrique, louco para jogar em uma equipe que o valorize mais, como o Atlético Mineiro...

Leandro Castan e Fábio Santos são a garantia de emoção constante cada vez que o Oeste retomar a bola...

Luís Carlos Martins é um treinador veterano que brilhou principalmente evitando rebaixamentos de times pequenos...

Sabe que tem uma equipe com muito menos potencial que a do Corinthians...

Vai tentar a façanha que o Tolima conseguiu...

E no time colombiano que baseia sua estratégia...

Na última vez que os dois times se enfrentaram foi um passeio...

3 a 0 para o Corinthians, em março...

Um mês depois, se reencontram valendo uma vaga na semifinal do Paulista...

Se Tite conseguir perder também esse jogo, nem Andrés, nem a cavalaria dos Estados Unidos o salva...

Seria preciso muito esforço...

Mas com Adenor nada é impossível...

Basta lembrar o que fez nos centenários do Grêmio, do Internacional e do próprio Corinthians...

Cuidado, Hélio, meu irmão...

O talentoso Thales pode a partir desta noite nunca mais largar o Guitar Hero...

E nem cortar seu cabelo...

Quem apostou nos times de Tite já passou por grandes traumas na vida...

Veja mais:
+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7

Não há como apostar sequer uma moeda na Ponte Preta. O Santos já é o primeiro semifinalista do Campeonato Paulista…

divulgacao4441 Não há como apostar sequer uma moeda na Ponte Preta. O Santos já é o primeiro semifinalista do Campeonato Paulista...

Por que Santos tem obrigação de vencer a Ponte Preta?

A palavra é esta: obrigação...

A questão hoje na Vila Belmiro é simples: superioridade desproporcional.

Neymar, Ganso, Elano, Arouca, o subestimado Danilo, Maikon Leite no banco...

Um técnico de verdade: Muricy Ramalho...

E a ascensão psicológica do time, depois das duas vitórias seguidas na Libertadores...

Saltar de eventual eliminado para favorito novamente...

Jogo na sua casa, no seu caldeirão...

Tudo isso pesa muito a favor dos santistas.

Por mais que a Ponte Preta tenha, sim, um time equilibrado, forte nos contragolpes...

Armado para marcar forte, como gosta Gilson Kleina...

O clube com problemas financeiros não teve como montar um grande plantel...

Suficiente apenas para disputar com dignidade o Campeonato Paulista...

Ficar entre os oito classificados nesta fórmula ridícula de turno único com 19 jogos...

Lógico que o time campineiro tentará ganhar...

Não quer ser o 'Judas' malhado neste sábado de Aleluia...

Mas a comparação entre um time e outro chega a ser desonesta...

Sim, a Ponte ganhou do Corinthians, do São Paulo e do Palmeiras...

Empatou com o Santos...

Mas o espírito dessas partidas era outro.

Não era decidido quem iria continuar no campeonato, foram jogos corriqueiros para os grandes...

Onde os jogadores da Ponte Preta se mataram tentando mostrar merecer clubes melhores...

Hoje, não.

Vale a vida no torneio, o direito de chegar à semifinal contra o São Paulo...

Neymar sabe usar os holofotes todos apontados para ele...

Sua fase é sensacional...

Ganso começa a se recuperar do longo período afastado dos campos...

Arouca, Elano e Danilo ganhando entrosamento e ditando o ritmo santista...

A vontade de Muricy ter pela frente o São Paulo em um mata-mata...

A premiação encorpada para o time ser bicampeão...

Por tudo isso, não há como apostar uma moeda na Ponte Preta...

Eu não aposto...

O Santos será o primeiro semifinalista do Paulista...

Sem drama...

Veja mais:
+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Conheça todos os blogs do R7


São Paulo imita o Corinthians na reestreia de Luís Fabiano. Marketing escala o jogador para Carpegiani. Assim como aconteceu com Mano Menezes e Ronaldo…

divulgacao13 São Paulo imita o Corinthians na reestreia de Luís Fabiano. Marketing escala o jogador para Carpegiani. Assim como aconteceu com Mano Menezes e Ronaldo...
O departamento de marketing do São Paulo escalou Luís Fabiano contra o Goiás.

Sua reestreia no Morumbi será quarta-feira (27), contra o Goiás, no Morumbi.

Está decidido.

Tanto que foi criado até o 'Passaporte Fabuloso'.

É um pacote que convoca o torcedor são-paulino.

Nas agências de viagem usa como atrativo ao jogo, a garantia da volta de Luís Fabiano.

Está decidido.

Não pelo técnico.

Mas pelos marqueteiros que acreditaram ser uma ótima chance de fazer dinheiro...

E ainda mostrar a força da torcida...

Em um 'jogo 'morto'...

O atual time do Goiás é sinônimo de festança garantida...

Carpegiani que engula...

Faça a sua obrigação e escale o jogador...

Ele tem companhia importante nesta situação.

Mano Menezes foi pressionado absurdamente para que a primeira partida de Ronaldo em São Paulo fosse contra o Palmeiras...

Não houve jeito...

Ele teve de jogar o clássico em Presidente Prudente...

Não interessava que ele estivesse gordo.

O marketing já havia 'vendido' a estreia as televisões, para os patrocinadores.

Mano não teve como dizer não.

Seria linchado se fizesse o que o bom senso indicava: esperar o atleta emagrecer.

Ainda bem que não seguiu esse caminho.

Talvez estivesse esperando até hoje por Ronaldo.

Na época, o marketing corintiano foi criticado.

Muito se falou pela interferência absurda.

Falta de respeito ao técnico.

Mano mostrou sua característica importantíssima para chegar à seleção: ser muito político.

Isentou os dirigentes, assumiu a escalação como sua.

Ganhou o amor eterno de Andrés Sanchez.

E ainda teve a colaboração de Marcão, zagueiro do Palmeiras...

Ele conseguiu a façanha de perder a disputa pelo alto como o pesado Ronaldo...

E veio o gol do atacante, o primeiro com a camisa corintiana...

O que derrubou o alambrado de Presidente Prudente...

O departamento de marketing corintiano deitou e rolou, garantindo ter escolhido o jogo certo para São Paulo ver Ronaldo corintiano...

Ninguém levou em conta que Mano havia colocado Ronaldo de birra contra o Itumbiara, em Goiás...

Sua intenção era mostrar o quanto estava fora de forma contra o time de Túlio Maravilha e Denílson...

Ninguém quis nem saber...

E a sua 'estreia' de verdade ficou para Presidente Prudente...

Cidade do Pops Drinks..

De março de 2009 a abril de 2011 nada mudou...

Quando chegam grandes jogadores nos clubes de futebol quem os escala não é treinador...

Mas o diretor de marketing...

Quem sabe Paulo César Carpegiani não ganhe o seu Passaporte Fabuloso para o jogo da próxima quarta-feira?

E tenha o privilégio de ver a volta de Luís Fabiano, já garantida...

(Não vai ganhar porque o departamento médico do São Paulo vetou hoje, sábado, o jogador.

O bom senso teve de partir dos médicos.

Ele sentiu dor no joelho direito e está fora.

Não foi Carpegiani, repito, foi a contusão que adiou a reestreia.

Mas o departamento de marketing já está estudando quando o jogador atuará.

E fará valer o passaporte Fabuloso...)

Veja mais:
+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Conheça todos os blogs do R7


Palmeiras e Coritiba. A melhor marcação da Copa do Brasil com o melhor ataque…O duelo dos diferentes…

divulgacao20 Palmeiras e Coritiba. A melhor marcação da Copa do Brasil com o melhor ataque...O duelo dos diferentes...
Irônico o futebol brasileiro...

A Copa do Brasil colocará pela frente a time mais organizado e de melhor preparo físico...

Com o de futebol mais entusiasmante...

Com a nova vitória contra o Santo André de hoje, o Palmeiras se classificou para as quartas-de-final...

E terá pela frente o Coritiba...

Não vale argumentar que ainda falta o confronto definitivo com o Caxias...

Depois da vitória de 4 a 0 na primeira partida, o jogo só acontecerá por obrigação...

As perguntas dos leitores são muitas.

A principal delas é se o Palmeiras conseguirá conter o Coritiba, equipe que disparou a ganhar de todos em 2011...

Está em estado de graça sob o comando de Marcelo Oliveira.

Invicto neste ano e com 20 vitórias seguidas...

Falta só mais uma para igualar o recorde que pertence ao próprio Palmeiras, com 21 vitórias em 1996...

Time inesquecível de Vanderlei Luxemburgo, que não ganhou tudo que podia por soberba...

Mas a equipe de Marcelo Oliveira é também de encher os olhos...

Joga para frente, em bloco.

E marca forte na intermediária para contragolpear em velocidade.

Marcelo Oliveira aproveitou a estrutura, a base deixada por Ney Franco.

Mas foi além.

Por característica como treinador, Oliveira é mais ofensivo do que Ney.

Além do entrosamento, já que não saiu nenhum jogador importante do final de 2010, há a força física da equipe...

Leo Gago, Marco Aurélio, Rafinha, Davi, Lucas Mendes, Bill...

Estão passando por grande fase individualmente...

O que é muito raro...

Atletas que nunca despertaram a cobiça dos grandes empresários..

Na verdade, são prejudicados pela fraca luz dos holofotes do eixo Rio-São Paulo...

Ela não chega até Curitiba como deveria, por puro preconceito, preguiça...

Mas o time paranaense a puxo para si....

Impossível desprezar o Coritiba...

Assim como aceitar a ridícula situação de que se, o time de Marcelo Oliveira vencer o rival Atlético Paranaense, não comemorá o título estadual como deveria no domingo...

A taça não será levada para o jogo...

Muitas desculpas, mas na verdade é para que a festa do Coritiba não aconteça na casa do rival Atlético...

Voltando à Copa do Brasil vale destacar a campanha do Palmeiras...

Elenco que a própria torcida sabe ser limitado...

Scolari faz dessa economia de jogadores talentosos no elenco, a sua arma...

A vibração do time, a força física que faz a equpe acabar todas as partidas dominar o adversário...

Tudo isso é dedicação de uma equipe que conhece muito bem o seu potencial...

O irônico é que um time tão sério tenha Valdívia.

O chileno e sua necessidade de autoafirmação eterna, o prazer em humilhar os adversários, sempre traz confusão ao time...

Hoje deu certo porque o veterano Anderson resolveu dar um pontapé no meia e foi expulso...

Mas o ego de Valdivia é um ponto fraco palmeirense...

Assim como seu miolo de zaga, que sempre oferece oportunidades ao adversário...

Mas na frente tem um esforçado e imprevisível Kléber...

Capaz de abrir a defesa adversária com chutes e tabelas surpreendentes....

A marcação forte desenvolvida por Scolari é a base do sucesso do time que toma pouquíssimos gols...

As jogadas ensaidas também....

O gol de cabeça de Danilo contra o Santo André é um grande exemplo...

Por tudo isso, Palmeiras e Coritiba disputarão dois jogos completamente imprevisíveis...

E sem favoritos...

Ou dá para apostar em alguém?

Veja mais:
+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Conheça todos os blogs do R7


Loco Abreu cansou de sofrer no Botafogo. E quer outro clube para jogar… O que aconteceu ontem em Santa Catarina foi a gota d’água…

r7.com10 Loco Abreu cansou de sofrer no Botafogo. E quer outro clube para jogar... O que aconteceu ontem em Santa Catarina foi a gota dágua...

Lógico que há motivos de sobras para criticar o Argentino Juniors e a Conmebol.

Em Buenos Aires aconteceu um espetáculo vergonhoso, lamentável, horripilante.

Mas e em Santa Catarina?

Avaí e Botafogo foram grotescos.

A briga após o jogo não tem cabimento.

As imagens já circulam pelo mundo.

O Brasil é mais uma vez ridicularizado.

E merece.

Não se justifica o que os jogadores fizeram no gramado de Florianópolis.

A CBF não terá moral para cobrar suspensão de ninguém se não punir gravemente catarinenses e cariocas.

Por mais que Ricardo Marques Ribeiro tenha sido um árbitro confuso, incoerente.

Não tenha marcado um pênalti claro e dado outro mais do que duvidoso para o Avaí...

Marquinhos deveria ter feito a festa da classificação com seu time, seu técnico, seus torcedores.

Menosprezar Loco Abreu só acendeu o rastilho de pólvora...

E o uruguaio deveria ter reagido durante a partida, feito dois, três gols...

Socos, pontapés e um agarrão ridículo em Marquinhos não vão compensar o final do semestre ao Botafogo...

O vexame no Campeonato Carioca ficou pior com a participação vergonhosa na Copa do Brasil...

O Botafogo já deve cerca de R$ 300 milhões...

Ficará até o dia 22 de maio sem disputar uma partida oficial...

Terá de assistir aos jogos finais do Carioca...

Da Copa do Brasil...

Treinar, remodelar a equipe...

Sem dinheiro, com a moral baixa demais...

Caio Júnior precisa juntar os cacos.

E ter a coragem de afastar quem não tem condição técnica de jogar por um time tão importante.

Não foi por acaso que Marcelo Mattos pediu reforços.

Todos sabem da fragilidade da equipe.

E do sério risco de rebaixamento no Brasileiro.

O blog antecipa aqui o que empresários importantes do Brasil estão garantindo...

Loco Abreu está disposto a trocar de clube.

Mesmo antes da briga estúpida de ontem, ele já estava disposto a deixar o Botafogo.

Vai completar 35 anos.

Acredita que precisa buscar um clube onde sofra menos.

Com maior potencial técnico.

Onde a bola chegue mais ao ataque.

O Botafogo já é a sua 17ª equipe, mudar não é problema para ele.

Quando não está tendo mais prazer onde está, é o que faz...

E se cansou de sofrer no Botafogo...

Embora veterano, sabe que há times interessados de toda América do Sul.

No Brasil, seu nome é muito comentado no Corinthians.

O presidente Maurício Assumpção vai tentar segurar o uruguaio e buscar reforços baratos.

Mas ele sabe que não será fácil.

O desgaste do Botafogo em 2011 já é enorme.

A vida financeira do clube só piora.

As desclassificações antecipadas do Campeonato Carioca e da Copa do Brasil fizeram com que o clube deixe de arrecadar milhões de reais...

E aumentar o descrédito de seus atletas, cada vez mais desvalorizados...

A enorme briga de ontem não teria acontecido, por exemplo, se o potencial botafoguense fosse maior do que o do Avaí...

Os dois times se equivalem.

Por isso cada lance será discutido até a eternidade.

Sim, o Botafogo foi prejudicado...

Mas se tivesse um time melhor, teria vencido o confronto pela vaga na Copa do Brasil...

Não teria empatado em 2 a 2 no Rio...

A situação é mais triste do que vergonhosa...

Protestar pela arbitragem não vai esconder a própria incompetência...

O Botafogo precisa se reinventar...

Sem dinheiro, apostar tudo o que tem e o que não tem nas categorias de base...

Deixar de depender de veteranos fracos tecnicamente que jogam em General Severiano por falta de opções...

A hora de reagir é agora...

Ou, então, esperar passivamente chegar a Segunda Divisão do Brasileiro em 2012...

Veja mais:
+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Conheça todos os blogs do R7


O time de guerreiros do Fluminense orgulhou o Brasil. Essa classificação é dedicada aos trogloditas do Argentinos Juniors. E a Muricy Ramalho…

divulgacao999 O time de guerreiros do Fluminense orgulhou o Brasil. Essa classificação é dedicada aos trogloditas do Argentinos Juniors. E a Muricy Ramalho...
O raio caiu duas vezes na Laranjeiras.

O coração, a matemática e Fred se juntaram ontem novamente.

Em 2009, eles salvaram o Fluminense do garantido rebaixamento para a Segunda Divisão do Brasileiro.

E há pouco conseguiram evitar a desclassificação da Libertadores.

Com matemáticos garantindo que havia apenas 8% de possibilidade de a situação ser revertida...

O campeão brasileiro foi ao minúsculo e vergonhoso estádio Diego Armando Maradona em Buenos Aires...

Vergonhoso de tão ultrapassado, acanhado, usado para assustar os adversários...

Mas o time brasileiro não se intimidou e arrancou uma vitória a fórceps por 4 a 2.

Tomou socos e pontapés, diante da omissa polícia argentina...

E foi bafejado pela sorte, pelo incompetência do Nacional em ganhar do América do México...

Foi uma façanha...

O time foi abandonado por Muricy Ramalho depois de dois empates em casa e derrota para o América...

Restavam duas partidas fora e uma em casa.

O time venceu o América no Rio...

Perdeu para o Nacional em Montevidéu...

Tinha a obrigação de ganhar do Argentinos Juniors...

E foi para a guerra...

Com uma baixa de última hora...

Emerson.

O jogador já havia cometido inúmeras indisciplinas no clube...

Fez a mais infantil delas...

Voltando do último treinamento, antes do jogo, teria cantado o Bonde do Mengão Sem Freio...

Mais do que uma traição, uma bobagem, uma molecagem...

Só que mostrou total falta de consideração pelo clube que o paga...

E com seus companheiros de time...

Lamentável...

Foi desligado da delegação em Bueno Aires...

Com a promessa da diretoria de nunca mais jogar no Fluminense...

A ausência do atacante 'traidor' só fortaleceu o time....

No estádio o que se viu foi mesmo uma batalha épica.

De passar para a história do Fluminense.

Escudero, péssimo jogador que passou pelo Corinthians, parecia chefe de gangue...

Xingava, provocava, tentava intimidar a todos...

Seus companheiros seguiam na mesma batida...

O Argentino Juniors não tinha técnica, só truculência...

O Fluminense saiu na frente em uma jogada ensaiada.

Júnior César recebeu de Marquinho e, livre, marcou 1 a 0.

Depois, o péssimo árbitro colombiano Wilmar Roldán marcou ingênuo pênalti de Gum.

O zagueiro segurou sem bola Salcedo.

Polêmico, mas pênalti de verdade.

Salcedo mesmo empatou o jogo.

Roldán se mostrou fraquíssimo permitindo os pontapés do fraco time argentino.

Não tinha coragem para dar cartões, punir os jogadores.

Foi um omisso.

O Fluminense tinha a determinação de Enderson Moreira de chutar de longe.

A aposta era na fragilidade de Navarro, goleiro do Argentinos Juniors.

E deu certo.

Fred cobrou uma falta do início da intermediária.

Navarro falhou e o time brasileiro fez 2 a 1....

No segundo tempo, o Argentino Juniors partiu todo para o ataque.

Passou a marcar a saída de bola do Fluminense.

A ordem era para não deixar ninguém respirar.

O empate veio em um chute forte de Oberman.

A bola desviou em Valencia: 2 a 2.

Aí foi a vez do Fluminense partir para tudo ou nada.

E Rafael Moura, que jogou no lugar de Emerson, pegou um rebote de Navarro e fez 3 a 2.

Não havia tática de lado a lado.

Só correria e luta dos times.

O Fluminense precisava desesperadamente de mais um gol para se classificar.

E o Argentinos Júniors só do empate.

Foi quando Araújo lançou Edinho.

Sim...ele mesmo...

Improvisado no ataque, o pesado jogador dividiu bola com Navarro...

E o árbitro colombiano viu pênalti.

A falta não aconteceu...

Eram 43 minutos do segundo tempo quando Fred correu para a bola...

Era um teste para cardíacos...

Com raiva, o atacante cobrou e marcou: 4 a 2...

A partir daí até os 49 minutos, só desespero do truculento Argentino Júniors...

O Fluminense conseguiu segurar o resultado...

Escudero não se conteve com a desclassificação...

E provocou uma estúpida briga...

O time argentino, com ajuda de seguranças, partiu para cima dos brasileiros...

Houve troca de socos, pontapés e muita correria do time do Fluminense, em menor número...

Mas depois de passada a briga, no vestiário a equipe brasileira entendeu a façanha que havia conseguido...

E os jogadores choraram, comemoraram, cantaram juntos...

Enquanto isso, 800 torcedores do Fluminense não paravam de cantar o hino do clube nas arquibancadas do estádio Diego Armando Maradona...

Uma noite épica, inesquecível,

Heróica...

O Fluminense orgulhou o futebol brasileiro...

A vitória deu a adrenalina necessária para o clássico contra o Flamengo no domingo...

E para enfrentar o Libertad pelas oitavas-de-final da Libertadores...

O Fluminense renasceu...

Com 8% de chances...

E 100% de coração...

Essa classificação foi dedicada a alguém em especial....

A Muricy Ramalho, que abandonou o time à própria sorte...

Mostrou sua indignação em relação a uma diretoria prepotente...

Mas virou as costas aos seus jogadores...

E eles tiveram forças para, sozinhos, darem a volta por cima...

Para orgulho do futebol brasileiro...

Veja mais:
+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Conheça todos os blogs do R7