- Blog do Cosme Rímoli - http://esportes.r7.com/blogs/cosme-rimoli -

O respeitado Wall Street Journal reverencia o Corinthians, clube que representa a ascensão da classe média brasileira. Só se esquece de valorizar o responsável por esse crescimento econômico fulminante: o nobre ex-presidente Lula…

Postado por Cosme Rímoli em 13 de fevereiro de 2013 às 15:01 em Sem categoria | 143 Comments

a28 O respeitado Wall Street Journal reverencia o Corinthians, clube que representa a ascensão da classe média brasileira. Só se esquece de valorizar o responsável por esse crescimento econômico fulminante: o nobre ex presidente Lula... [1]
Em agosto de 2011, a CNN entrou para a história.

Provocou revolta no Parque São Jorge.

Em seu site oficial o Corinthians.

O classificou como 'small club'.

Um 'clube pequeno' de São Paulo, que tinha coragem de tentar Tevez.

Nada como um dia após o outro.

Hoje o Wall Street Journal faz uma matéria especial sobre o Corinthians.

E com todo respeito.

O classifica como a personificação da ascensão da classe média brasileira.

Mostra o potencial do clube que há cinco anos estava na Segunda Divisão.

E hoje é campeão não só da Libertadores, como do mundo.

"Há cinco anos, o clube fundado há 102 anos estava quebrado e relegado à segunda divisão.

Atualmente, o Corinthians tem 35 milhões de torcedores, patrocínio da Nike.

E é o time brasileiro mais rico, avaliado em cerca US$ 500 milhões.

Ele está entre os dez times mais valiosos do mundo, de acordo com a consultoria BDO, de Nova York."

Esse é só um trecho da matéria que se desmancha em elogios.

Trata o Corinthians com reverência poucas vezes vista no Wall Street Journal.

"O orgulho de Itaquera é o gigante estádio de futebol [2] em construção.

E que se será a primeira sede em mais de uma década do Corinthians.

Nos últimos anos, o time passou da pobreza à riqueza.

Símbolo do crescimento da classe média baixa brasileira:

Os milhões de brasileiros que estão redesenhando o país com o seu novo poder aquisitivo."

Houve até espaço para uma frase do vice Luiz Paulo Rosenberg.

O novo estádio corintiano será "o que é Israel para os judeus".

A postura submissa mostra que os norte-americanos estão chocados.

Eles vivem uma profunda crise econômica.

Tanto que no site oficial do jornal está assim estampado:

"Assine três meses pelo preço de um."

A falta de dinheiro nos Estados Unidos é imensa.

Em todas as áreas.

Principalmente, o futebol.

Sua liga de futebol está pagando cada vez menos.

Com jogadores sem representatividade.

A própria CNN já havia pedido desculpas ao Corinthians por chamá-lo de pequeno.

E se viu obrigada a fazer matérias especiais.

Tanto pela conquista do Mundial como pela compra milionária de Pato.

A matéria do Wall Street Journal chega em excelente hora.

Quando os dirigentes estão buscando patrocínio para o Itaquerão.

Havia uma negociação a todo vapor com a Petrobrás.

Mas a crise que a empresa vive tornou inviável a transação.

Seria uma desmoralização.

Em 2012, houve uma enorme queda de lucro da empresa.

Chegou a mais de 36%.

Seria absurdo anunciar disponibilizar R$ 400 milhões para batizar o estádio.

Isso não impede de os dirigentes corintianos seguirem negociando com estatais.

O clube tem uma imensa força política.

O próprio Itaquerão, estádio de R$ 1 bilhão, e o patrocínio da Caixa, não negam.

A matéria do Wall Street Journal louva a reviravolta corintiana.

Dá o mérito para quem estava arrasado há cinco anos.

Porém peca ao se esquecer que o clube teve um grande auxílio governamental.

Mas isso não chamaria a atenção do público norte-americano.

Fica então uma vitória da classe média.

E não se fala mais nisso.

Mas a cada elogio do Exterior ao Corinthians há de se lembrar de uma pessoa.

E reconhecer que, sem ela, essa ascensão não existiria.

Luiz Inácio da Silva, apelido Lula.

Homem que Barack Obama conhece tão bem...

a62 O respeitado Wall Street Journal reverencia o Corinthians, clube que representa a ascensão da classe média brasileira. Só se esquece de valorizar o responsável por esse crescimento econômico fulminante: o nobre ex presidente Lula... [3]


Artigo impresso de Blog do Cosme Rímoli: http://esportes.r7.com/blogs/cosme-rimoli

Endereço do artigo: http://esportes.r7.com/blogs/cosme-rimoli/o-respeitado-wall-street-journal-reverencia-o-corinthians-clube-que-representa-a-ascensao-da-classe-media-brasileira-so-se-esquece-de-valorizar-o-responsavel-por-esse-crescimento-economico-fulminant-13022013/

Endereços neste artigo:

[1] Imagem: http://esportes.r7.com/blogs/cosme-rimoli/files/2013/02/a28.jpg

[2] futebol: http://esportes.r7.com/blogs/cosme-rimoli http://esportes.r7.com/futebol/

[3] Imagem: http://esportes.r7.com/blogs/cosme-rimoli/files/2013/02/a62.jpg

© 2011 Nicolau Marmo. Todos direitos reservados.