O Fluminense promete troco. Diretoria não engoliu a ‘traição’ da Adidas. A empresa ofereceu o maior contrato do futebol brasileiro ao Flamengo. E vai pagar mais de três vezes ao grande rival do Tricolor, seu parceiro há 12 anos. E campeão do Brasil…

ae13 O Fluminense promete troco. Diretoria não engoliu a ‘traição’ da Adidas. A empresa ofereceu o maior contrato do futebol brasileiro ao Flamengo. E vai pagar mais de três vezes ao grande rival do Tricolor, seu parceiro há 12 anos. E campeão do Brasil…

A direção do Fluminense está revoltada.

O time foi campeão brasileiro de 2012.

Fez uma campanha histórica.

Teve três jogadores chamados para a última convocação da seleção.

Mesmo assim foi totalmente desprezada pela Adidas.

O clube tem contrato com a empresa esportiva há 12 anos.

E recebe R$ 9,1 milhões anuais.

A Adidas não levou nada disso em consideração.

Tratou de oferecer ao Flamengo o maior contrato do futebol brasileiro.

Uma fortuna para os moldes brasileiros.

Nada menos do que R$ 350 milhões em dez anos.

R$ 35 milhões anuais.

Fora o fato de transformar o time da Gávea em um dos seus cinco classes A.

Entrou para um clube exclusivo.

Formado por Real Madrid, Chelsea, Milan e Bayern de Munique.

O Flamengo entrou no lugar do Liverpool, que fechou com a Warrior Sport.

A Adidas terá nas suas lojas oficiais de todo o mundo camisas dessas cinco equipes.

Os dirigentes do Fluminense ficaram profundamente decepcionados.

Tinham convicção que deveria ocupar essa vaga pelo longo casamento.

Mas os executivos não quiseram nem saber.

Desejavam de toda a maneira o clube mais popular do Brasil.

Despejaram a Olimpikus.

O Flamengo tinha contrato até o final de 2014.

E recebia R$ 18 milhões por ano.

A Nike começou o namoro, mas a Adidas atropelou tudo e todos.

Bancou R$ 6 milhões da rescisão da Olimpikus.

E tratou de oferecer os R$ 350 milhões e mais o ingresso no clube A.

O time da Gávea vai receber R$ 270 milhões para usar como desejar.

E mais R$ 80 milhões em material esportivo.

A revolta tricolor é imensa.

Com contrato até 2014, já começou contatos.

Com a Nike, a grande corrente da Adidas.

Os dirigentes não aceitam receber menos de um terço do Flamengo.

As ameaças não incomodam os executivos.

A Adidas queria de qualquer maneira o Rubro-Negro para substituir o Liverpool.

Resgatar a parceria que foi até campeã do mundo.

E teve como garoto-propaganda Zico.

O contrato é o maior do Brasil.

Passou o do Corinthians com a Nike.

O clube paulista acertou por R$ 300 milhões.

R$ 30  por ano.

A nova direção do Flamengo está mais do que animada.

Ganhou um fôlego inesperado.

Já a do campeão do Brasil promete se mexer.

Não engolirá essa desfeita calada.

E quer dar o troco à altura.

Busca também um contrato de dez anos.

Quem pagar mais, leva.

Inclusive a cláusula de rescisão com a Adidas.

Acabou o amor...

http://r7.com/0uKB

129 Comentários

"O Fluminense promete troco. Diretoria não engoliu a ‘traição’ da Adidas. A empresa ofereceu o maior contrato do futebol brasileiro ao Flamengo. E vai pagar mais de três vezes ao grande rival do Tricolor, seu parceiro há 12 anos. E campeão do Brasil…"

5 de January de 2013 às 14:16 - Postado por Cosme Rímoli

* preenchimento obrigatório



Digite o texto da imagem ao lado: *

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Comentários
  • Franklim Alves
    - 5 de janeiro de 2013 - 14:37

    Eu fico impressionado com a inveja desse time de 3ª Divisão! Ficam sondando nossos jogadores, atravessam negociações e agora reclamam do contrato de material esportivo. Antes de reclamar sobre isso, enxerguem o óbvio: a torcida tricolor é nada comparada a do Flamengo, 9 milhões é até muito! Só digo uma coisa: a nova diretoria já está mostrando o bom trabalho, não se envolvendo em leilões, preocupada com reestruturação e acerto das dívidas. É certo que o tempo vai fazer as coisas se ajeitarem e teremos um Flamengo forte e organizado. Enquanto isso, aproveitem bem a mamata da Unimed, que uma hora vai acabar, restando apenas um clube endividado, sem torcida e rumo à falência!

  • Cleverson
    - 5 de janeiro de 2013 - 14:38

    A Adidas não é besta, oferece dinheiro a quem tem mais torcida para consumir os produtos, o Flamengo tem torcedores por toda parte do país, e o Flu? Só uma coisa sobre o contrato com a Adidas, li num artigo de um especialista em marketing várias cláusulas deste contrato, uma me chamou a atenção, somente a Adidas pode confeccionar qualquer peça de roupa para as lojas do Flamengo. Na rede Poderoso Timão (mais de 100 lojas)além das roupas oficiais há inúmeras camisetas, camisas, bonés, bermudas, calças e até cuecas que não são fabricadas pela Nike, pois ela permite, desta forma se negocia com empresas têxteis locais e se aumenta o lucro, pois as multinacionais são bem limitadas para oferecer diversidades de produtos, ficam mais nas coisas oficiais, como camisas, agasalhos e roupas de treino. Quem já entrou numa Poderoso Timão sabe do que to falando, é muito melhor receber 5 milhões a menos por ano e poder abastecer mais de 100 lojas com o fornecedor que quiser além da Nike, são detalhes que fazem muita diferença. De todo modo, parabéns ao Flamengo, um grande patrocínio.

  • Gustavo Bregunci
    - 5 de janeiro de 2013 - 14:40

    A Adidas está cumprindo o contrato que fez com o Fluminense. Se é pouco, que seja renegociado em 2014. A incompetência dos cartolas não pode ser encoberta culpando as fornecedoras de material esportivo.

  • Robson
    - 5 de janeiro de 2013 - 14:41

    Cosme, vi você citar que passou o patrocínio do Corinthians com a Nike mas não citou o do São Paulo com a penalty, você acha que é mentira esses 35 milhões? Robson, não é mentira. Mas o contrato vai até 2015. Os do Flamengo e do Corinthians vão até 2022. É muito mais dinheiro já garantido. Grande abraço. Cosme Rímoli...

  • Vanderleav
    - 5 de janeiro de 2013 - 14:42

    O que dizer de um time que nem na primeira liderança consegue levar torcedores ao estádio, ganhar é muito bom e ter torcedores para acompanhar essa caminhada também!A Adidas está certa os tricolores que fiquem com os jogadores que pensam que estão nos roubando jogadores quem nem são lá essas coisas! Fazer como os outros é fácil mas quando é com eles...

  • Fred Cabral
    - 5 de janeiro de 2013 - 14:59

    Foram três anos de incríveis decepções com a Patrícia... esperava-se uma nova forma de gestão... onde o Flamengo iria crescer....porém , foi tão uma gestão onde até os dirigentes "old school" brasileiros ficariam com invejas.... nepotismo... contas que não batem... etc .. etc... Mesmo assim, há o maior patrocínio do Brasil em uma época em que o Corinthians vive a melhor fase da sua história..... CRF é um clube diferente.... iremos nos recuperar... chegaremos ao topo novamente...!!!

  • Davi
    - 5 de janeiro de 2013 - 15:01

    A Unimed pode estar vivendo um bom momento nos últimos anos, mas querer se comparar com Flamengo e Corinthians já é demais... Antes dos títulos era raríssimo ver alguém com a camisa da Unimed fora do RJ.

  • Davi
    - 5 de janeiro de 2013 - 15:04

    Ps.: Cosme, ainda espero um post seu sobre a troca das diretorias do Fla... A saída da irresponsável Patricia, que não deixará saudades, e a chegada dessa nova chapa que promete bastante.

  • Subpop
    - 5 de janeiro de 2013 - 15:05

    Cosme os tricolores podem berrar e tripudiar mas as empresas como a Adidas trabalham em cima de estátisticas. Na última pesquisa do Datafolha o Fluminense tem uma torcida superior a do Bahia em comparação aos times do clube dos 13, perdendo inclusive para o Botafogo e Atlético Mineiro clubes que a tempo não ganham um título de expressão. Acho justo eles correrem atrás para melhorar seus ganhos com a camisa mas frente a está situação o Fluminense ganhar 3 vezes menos que o Flamengo da mesma empresa é algo proporcionalmente adequado.

  • Saulo
    - 5 de janeiro de 2013 - 15:11

    Sou atleticano, mas estou com o Flu! Uma sacanagem! Bem, espero que este timeco, o Flamengo, ajudado pela ... TV Globo, caia, e a Adidas leve ferro!

1 2 3 4 5
6234