O Corinthians foi covarde. Irreconhecível. Tomou um sufoco desnecessário do Al Ahly. Está na final do Mundial de Clubes. Se Tite repetir o medo, perde para o Chelsea. Ou até para o Monterrey…

reuters O Corinthians foi covarde. Irreconhecível. Tomou um sufoco desnecessário do Al Ahly. Está na final do Mundial de Clubes. Se Tite repetir o medo, perde para o Chelsea. Ou até para o Monterrey…

Foi desesperador.

E desnecessário.

O Corinthians venceu o Al Ahly.

Está na final do Mundial de Clubes.

Mas a vitória por 1 a 0 foi covarde.

Tite fez o time abrir mão de jogar no segundo tempo.

Mesmo tendo pela frente um adversário muito mais fraco.

E tomou um sufoco incrível.

Postou duas linhas de marcação.

Amarrou a equipe brasileira.

Os egípcios tocaram a bola à vontade.

Se tivessem o mínimo de talento, poderiam ter eliminado os brasileiros.

Foi decepcionante demais.

Tite conseguiu a façanha de calar cerca de 30 mil corintianos que estavam em Toyota.

Todos tensos, nervosos, desesperados.

Viam o time, que chamavam de 'todo-poderoso', covarde em campo.

Porque, se o recuo fosse para armar contragolpes, tudo bem.

Só que não era.

Quando o time retomava a bola, os jogadores não saíam.

A ordem de Tite era segurar a vantagem de 1 a 0 de qualquer maneira.

Ela nasceu no primeiro tempo, quando o Corinthians quis jogar.

O time desde o início estava preso.

Mas tocando a bola em direção ao gol de Ekramy.

Apenas Guerrero isolado na frente.

Por trás dele, o trio: Émerson, Danilo e Douglas.

Com Paulinho liberado para surgir no ataque.

O restante da equipe deveria marcar.

Fechar os setores.

Principalmente Alessandro e Fábio Santos.

Os egípcios entraram assustados em campo.

Teriam pela frente o campeão invicto da Libertadores.

O treinador Hossam El Badry estava preocupado.

E tratou de apelar para o esquema 4-5-1.

Era para esperar, marcar os 'mágicos' brasileiros.

Abrindo mão de jogar, o Al Ahly deu a posse de bola para Tite.

O Corinthians lembrava o Barcelona.

Chegou a ter 66% de posse de bola no primeiro tempo.

Mesmo assim, pouco criou.

O gol veio do rebote de um escanteio.

A bola voltou para Douglas que levantou na cabeça de Guerrero.

O peruano cabeceou com consciência, deslocando o goleiro.

Gol do Corinthians, aos 29 minutos...

A partir do 1 a 0, Tite recuou a equipe.

Queria os contragolpes, mas não liberava seus jogadores.

Quando o time retomava a bola, não tinha opções no ataque.

Os egípcios perceberam que não havia tanta magia assim.

E começaram a tocar a bola, sem medo.

No segundo tempo, Tite atraiu ainda mais o adversário para seu gol.

Era ele quem tinha duas linhas de marcação.

E Guerrero mais isolado do que José Dirceu.

O Al Ahly tinha todo o espaço para trocar passes na intermediária.

E foi empurrando o Corinthians para a sua área.

Aos dez minutos, entrou Aboutrika.

O veterano de 34 anos, jogador de mais consciência, talento do time.

O sufoco ficou pior, mais qualificado.

Enquanto isso, dava pena de Sheik, Douglas e Danilo.

Viraram volantes improvisados.

Correndo atrás de egípcios.

O Corinthians segurava de qualquer maneira a vantagem.

Abdicou de atacar, de jogar.

Tite queria chegar à final do Mundial de qualquer maneira.

Mas exagerou.

O Corinthians passou a ter uma postura covarde.

Abusou de chutões, não teve paciência para tocar a bola.

Tudo seria explicável não fosse o adversário tão fraco.

O campeão africano não esperava tanto medo.

O segundo tempo foi monótono, irritante e tenso.

O Al Ahly sem potencial técnico para aproveitar o espaço que tinha.

Os minutos se arrastavam.

Apesar do sufoco, Cássio não fez uma grande defesa.

Não precisou.

Nas arquibancadas do estádio de Toyota, os corintianos sofriam.

E foi assim até o final.

O Corinthians conseguiu segurar a vitória por 1 a 0.

Foi muito interessante reparar nos jogadores, no time.

Não houve a vibração esperada.

Eles pareciam envergonhados.

Esse não foi o Corinthians que encantou o Brasil.

Tite pode até dar cambalhotas pela chegada à decisão.

Mas ele montou seu time de maneira covarde.

Medo desnecessário diante de um adversário tão fraco.

Toda badalação envolvendo o Mundial de Clubes fez mal.

Afetou o comandante corintiano.

Tivesse um adversário minimamente melhor, o time perderia a vaga.

Se repetir a estratégia, o Corinthians perderá a decisão no domingo.

Seja o Chelsea ou até o Monterrey.

No Japão, o campeão da Libertadores decepcionou.

Foi um arremedo de time.

Covarde e que abriu mão de jogar futebol.

Tomara que tenha sido apenas um vacilo.

E que Tite volte à realidade.

Faça o que se espera dele e de seu time.

Veio a vitória, mas não motivo de comemoração, de alegria.

O time pode muito mais.

Hoje, o Corinthians não foi Corinthians...

(Tanto não foi que os números são assustadores.

O Al-Ahly chutou mais a gol do que a equipe de Tite.

Inaceitável.

Mesmo com a desculpa da mera sobrevivência...)

140 Comentários

"O Corinthians foi covarde. Irreconhecível. Tomou um sufoco desnecessário do Al Ahly. Está na final do Mundial de Clubes. Se Tite repetir o medo, perde para o Chelsea. Ou até para o Monterrey…"

12 de December de 2012 às 11:00 - Postado por Cosme Rímoli

* preenchimento obrigatório



Digite o texto da imagem ao lado: *

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Comentários
  • "Edna,2
    - 13 de dezembro de 2012 - 22:51

    "Mas RÍMOLI tudo no CORINTHIANS é sacrificado,caso contrário:não é o CORINTHIANS,é doideira so..." "No CORINTHIANS *todos* são um bando de doidos de pedra...tu queres o quê... Quem quiser coerência:procure outro time para torcer.

    Responder
  • carlos
    - 13 de dezembro de 2012 - 11:25

    Eu achei constrangedor mesmo, mas mais constragedor do que isso, foi o Jorge Henrique e o Romarinho piscando e sorrindo pra câmera no mundial aquilo sim, foi constrangedor kkkkk

    Responder
  • Joao Andrade
    - 13 de dezembro de 2012 - 04:29

    Talvez o pior segundo tempo da história do Corinthians, na era Tite. Uma vergonha! Tomar sufoco desse time, que não jogaria na série A2 de S.Paulo. Jogar assim, volta prá casa. Como corintiano, também NÃO comemorei, pois além da paixão, está a razaõ. Deprimente o segundo tempo. Porque não jogar como mais ou menos fez no primeiro tempo?

    Responder
  • Jon
    - 13 de dezembro de 2012 - 04:15

    Isso aih cosme. Corintianada tao se iludindo desde o vasqinho...eh pq nao pegaram um spfc reserva ou de maior nivel ainda. E nem venham ne falar de neymar e riquelme pq eles estavam em pessima fase na liberta. Mas o timinho eh isso aih msm, o tecnico eh o msm k... Marrento d sempre, cheio de papo furado e falsa confianca exagerada so pq sabe q a torcida eh burra, assim como o grande sheik faz. Os corintianos ainda caem no papinho de tite e emerson xeik pq nao conhecem metade do chelsea. Nao eh so oscar e ramires q vao pintar e bordar nesse timeco. Nego vai treme qd.conhecer eden hazard e juan mata. Aih nao tem mumia egipcia nem diego souza....kkkkkk

    Responder
  • Marciel
    - 13 de dezembro de 2012 - 01:31

    Não sei porque os corintianos estão revoltados, estão na final, maior patrocínio do brasil, palmeiras rebaixado, será que é Tensão Pré-vexame Mundial?

    Responder
  • Porco Sorridente
    - 12 de dezembro de 2012 - 22:51

    É claro que o Curintia tinha que se classificar.Perder na final é mais dolorido .Nós sabemos disso.E o finalista,seja qual for ,não é o Vasco .Nem é no Brasil...

    Responder
  • maninho
    - 12 de dezembro de 2012 - 22:24

    CONTRA TUDO E TODOS ... VAI CORINTHIANS.

    Responder
  • Robson
    - 12 de dezembro de 2012 - 22:05

    Péra!!... Que dia é hoje??? Será que é mesmo 12/12/12?? Porque: Tem torcedor do Guarani da Turiaçu chamando o Corinthians de "small"... Tem torcedor do San7os dizendo que a torcida deles é maior que a Fiel... Daqui a pouco, é capaz de aparecer algum 5a0-paulino chamando corinthiano de "pó de arroz" e "bambi"... Acho que hoje é 1° DE ABRIL!! Ou então o mundo acabou e eu não percebi!!!

    Responder
  • Leandro
    - 12 de dezembro de 2012 - 21:59

    preferia ter ido ver o filme do Pelé...

    Responder
  • Profeta
    - 12 de dezembro de 2012 - 21:44

    O jogo da final termina em 3 X 0 /+/

    Responder
1 2 3 4 5