divulgação00043 Não quero férias de seis meses, nada. Já estou no mercado. Se algum clube me quiser, me procure. Exclusiva com Carlinhos Neves. Preparador físico da Seleção. Dispensado pelo São Paulo...
O que está acontecendo com o São Paulo?

Está dissolvendo a melhor Comissão Técnica fixa do País.

Primeiro dispensou sem maiores explicações o fisiologista Turibio Leite.

E hoje houve o anúncio oficial que não renovaráo contrato do preparador físico Carlinhos Neves.

Ele é simplesmente o preparador da Seleção Brasileira.

Tem 20 campeonatos importantes na carreira.

Entre eles, cinco Brasileiros conquistados.

Dois pelo Palmeiras e três pelo São Paulo.

Em entrevista exclusiva, Carlinhos mostrou sua surpresa com a dispensa.

Mesmo provocado, se manteve leal aos dirigentes são-paulinos.

Mas deixou claro que deseja continuar trabalhando em algum clube brasileiro.

E já.

Não deseja férias de seis meses, não.

"Lamento deixar o São Paulo.

Mas estou no mercado.

Dá para trabalhar em um clube de ponta e na Seleção.

Não quero e não serei exclusivo da CBF."

Carlinhos, o que aconteceu?

Qual seu problema com a direção do São Paulo?

Nenhum. A diretoria tomou a decisão e eu respeito.

Não tenho nada a reclamar do São Paulo.

Consegui ótimos resultados trabalhando com toda a dedicação ao clube.

Foi esse trabalho que me levou para a Seleção Brasileira.

Se os dirigentes não querem mais, não há problema algum.

Sou um trabalhador e vou seguir a minha vida.

Estou no mercado.

Se algum clube quiser contar com os meus serviços basta me procurar.

Mas você não disse na coletiva que não deseja trabalhar por seis meses?

Fui mal interpretado.

Se tiver a oportunidade de conhecer novos métodos de trabalho eu aproveitarei.

Agora, se aparecer um clube e me oferecer um plano sério com infraestrutura, não vou dizer não.

A desculpa dos dirigentes para liberá-lo é que não dá para conciliar a Seleção Brasileira e o São Paulo...

Lógico que dá a Seleção Brasileira tem poucos jogos.

Eu sou uma pessoa muito responsável.

E organizada.

Sei que é possível manter o trabalho em altíssimo nível tanto na Seleção quanto em uma equipe.

Eu não fui nem consultado sobre essa possibilidade.

Mas eu sou um funcionário que tem muito respeito pelo São Paulo.

Se os dirigentes decidiram, tudo bem.

Eles querem o melhor para o clube.

E eu também.

Mas não vou esconder que dá para trabalhar e muito bem em um clube e na Seleção.

Eu me conheço.

Sei o quanto sou responsável.

Por que a direção do São Paulo está desmontando a melhor Comissão Técnica fixa do País?

Cosme, não sei.

Essa resposta não me pertence.

Repito que a direção do São Paulo é muito competente, conseguiu títulos por anos seguidos.

Sabe o que faz.

Sou muito grato mas sei também que fiz o meu melhor.

Realmente, o futebol do São Paulo pode e deve ser questionado nos últimos dois anos.

Mas o preparo físico, não.

O Carpegiani teve algum peso na decisão de sua saída?

De jeito nenhum!

Ele falou várias vezes (imitando o sotaque gaúcho). 'Carlos, conto contigo no próximo ano.

Não vai me abandonar.'

O Paulo ficou surpreso também com a decisão.

Mas, sinceramente, estou tranqüilo.

A decisão foi da diretoria.

Vou seguir a minha carreira em outro lugar.

Qual a explicação para a decadência do São Paulo nos últimos dois anos?

Não sei.

Todos trabalhamos muito para que viessem os resultados.

Infelizmente, o resultado não foi o que esperávamos.

Não há culpado.

O que não faltou no São Paulo foi trabalho de altíssimo nível.

Eu respeito muito esse clube.


A última pergunta, Carlinhos: vou repetir, é impossível o preparador físico da Seleção trabalhar com toda a dedicação a um clube ao mesmo tempo?

Cosme, você me conhece há anos.

Sabe o quanto sou profissional.

Não é só possível, como vou fazer isso.

Basta surgir um clube.

Estou no mercado, quero trabalhar.

Saio do São Paulo com a cabeça erguida, títulos conquistados e certo que posso fazer a mesma coisa a partir de janeiro em outra equipe.

Não tem nada dessa história de seis meses de férias, não.

Preciso trabalhar todos os dias como qualquer profissional...

Veja mais:
+ Tudo sobre futebol no R7
+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7

http://r7.com/GPTt