1palmeiras Marcelo Oliveira reconheceu que errou ao criticar e afastar Leandro Almeida. Jogadores e diretoria ficaram ao lado do zagueiro. O técnico se desculpou. Mas o ambiente no Palmeiras está longe do ideal...
"Talvez eu não precisasse falar nada, mas o Leandro Almeida foi o jogador que eu indiquei para o Palmeiras, ele foi meu jogar no Atlético, capitão do time. Quando ele veio, foi como um ótimo jogador. Não quis prejudicá-lo, pelo contrário."

"A cultura nossa dá muita importância para isso, suplente e titular. Eu digo para eles todo dia, todos são importantes. Se eu chegasse lá e falasse que ele jogaria a próxima, não teria problema. Como falei o contrário, deu todo esse problema. Talvez eu pudesse não ter falado. Ele foi infeliz, não tem culpado."

Nesta noite de Segunda-Feira de Carnaval, Marcelo Oliveira teve de recuar. Usar a imprensa para se desculpar com Leandro Almeida. O treinador do Palmeiras percebeu a grande bobagem que fez há quatro dias, quando seu time jogou muito mal e apenas empatou com o São Bento, em pleno Pacaembu.

Após as vaias e palavrões dos torcedores e críticas de jornalistas, o treinador escolheu o caminho mais simples. Repassou a culpa a Leandro Almeida. O atleta não jogou bem e falhou infantilmente no segundo gol do time de Sorocaba.

"O Leandro Almeida jogou na base do Atlético comigo, conheço, jogou muito bem lá e por isso foi comprado por uma equipe ucraniana. Jogou lá muito bem também, mas foi muito infeliz hoje. Ele tem o apoio de todos os colegas, é um cara que trabalha bastante, mas tenho que estar olhando como um todo. Possivelmente vou dar chance a outro jogador até que o Dracena volte, fazer com que ele treine mais, se prepare melhor."

Sua postura como treinador foi péssima. Muito pior do que a do jogador. Ele deveria ter conversado antes com o atleta. Não apenas repassar a culpa pela péssima partida do time ao seu zagueiro.

Marcelo Oliveira foi muito criticado. Conselheiros já andam revoltados com seu fraco desempenho como treinador. Por mais que tenha conquistado a Copa do Brasil, ele não conseguiu dar padrão, fazer o Palmeiras atuar de maneira convincente. Não há um desenho tático definido. A não ser o repetitivo e manjando 4-2-3-1.

O Palmeiras apresentou os mesmos problemas nas partidas contra o Botafogo e São Bento. Não bastasse o aspecto tático, agora veio a péssima conduta como líder. Em vez de preservar seu comandado, ele o queimou em praça pública.

Os jogadores também detestaram a atitude do técnico. Perder a confiança do time é o primeiro passo para não ter mais o comando. Leandro Almeida é muito querido pelos companheiros. Não é segredo para ninguém que os atletas palmeirenses têm seu grupo participar de WhatsApp.

2ae1 Marcelo Oliveira reconheceu que errou ao criticar e afastar Leandro Almeida. Jogadores e diretoria ficaram ao lado do zagueiro. O técnico se desculpou. Mas o ambiente no Palmeiras está longe do ideal...

E eles não só deram apoio ao zagueiro. Mas também estranharam. Comentaram muito a postura de Marcelo Oliveira. Vários não concordaram com a maneira, a falta de cuidado do treinador. Consideraram um erro grave. E que ele deveria ter falado primeiro com o atleta, que o tiraria do time.

Não primeiro com os jornalistas.

"O Leandro estava muito triste, ele sabe que acabou falhando, e um jogador do nível dele acaba sentindo bastante. Tem gente que vai discordar, mas o Leandro é um dos jogadores mais técnicos que tem no Brasil. Ele tem muita qualidade, mas falta confiança. A torcida não gritou o nome dele no primeiro jogo e, após uma falha dessas, todo mundo acaba esculachando o jogador", disse hoje Robinho.

Há menos de duas semanas, ele havia dado uma entrevista emocionante para a ESPN. E que tocou seus companheiros.

"Perdi meu pai há dois anos. Sempre acompanhávamos os jogos do Palmeiras, Júnior Baiano, ele gostava dos jogadores que sentava o pé. Ele sempre falava do Palmeiras. Somos de Minas e não éramos torcedores do Palmeiras, mas sempre falávamos. Difícil lembrar... Infelizmente ele não está aqui para presenciar.

"Ele gostava de mostrar para todos que tinha um filho que era jogador. Ele está lá em cima, vou dar muitas alegrias para ele. Quero vestir essa camisa para ele e para a torcida", dizia, esperançoso. Tinha certeza que se firmaria como titular. Treinou durante as férias e voltou muito bem fisicamente.

O executivo de futebol do Palmeiras, Alexandre Mattos, conversou com Marcelo Oliveira. Os dois são muito amigos. E disse claramente para que evite repetir tal atitude. O Palmeiras gastou R$ 3,5 milhões para ter os seus direitos. E fez um contrato de três anos com o ex-capitão do Coritiba. Ele termina apenas em junho de 2019.

Caso o Palmeiras decida não seguir com ele, a postura de Marcelo só o desvalorizou no mercado. Foi um recado aos possíveis interessados que o zagueiro vive péssima fase.

312 Marcelo Oliveira reconheceu que errou ao criticar e afastar Leandro Almeida. Jogadores e diretoria ficaram ao lado do zagueiro. O técnico se desculpou. Mas o ambiente no Palmeiras está longe do ideal...

O treinador prometeu ao executivo que não repetiria o erro.

Se desculparia pela imprensa.

Foi o que fez hoje à noite, na Fox Sports.

Só que Leandro Almeida ficou profundamente magoado.

Avisou que não quer dar entrevistas.

45 Marcelo Oliveira reconheceu que errou ao criticar e afastar Leandro Almeida. Jogadores e diretoria ficaram ao lado do zagueiro. O técnico se desculpou. Mas o ambiente no Palmeiras está longe do ideal...

Vai seguir treinando entre os reservas.

Os atletas tomaram suas dores.

Ficaram preocupados.

Porque se o treinador o sacrificou em praça pública...

Pode fazer o mesmo com qualquer um para se preservar.

Esse recuo de Marcelo Oliveira foi importante.

Mas o clima está longe de estar calmo, tranquilo.

A mágoa domina o ambiente do Palmeiras.

A estreia na Libertadores é daqui oito dias.

E o elenco precisa estar muito unido com o treinador.

Ter confiança plena no seu comandante.

Não é o que acontece agora no Palestra Itália...
55 Marcelo Oliveira reconheceu que errou ao criticar e afastar Leandro Almeida. Jogadores e diretoria ficaram ao lado do zagueiro. O técnico se desculpou. Mas o ambiente no Palmeiras está longe do ideal...

http://r7.com/vY3R