1reproducao9 Lula fará de homenagem a Sócrates, um palanque. Com apoio de Chico Buarque e, talvez, Maradona
O ex-presidente Lula tem aproveitado todas as chances para estar no noticiário. Como todo político, ele tem uma equipe que fica buscando oportunidades para entrevistas, situações que sejam favoráveis. E sirvam para melhorar a imagem do já candidato assumido à eleição presidencial de 2018.

Além disso, há o tão aguardado julgamento do recurso de Lula, no processo do triplex em Guarujá. Ele será realizado às 8h30 do dia 24 de janeiro de 2018. Em julho, Lula foi condenado pelo juiz Sergio Moro, responsável pela Lava Jato na primeira instância, a 9 anos e seis meses de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no processo envolvendo o triplex. A acusação foi de ocultação da propriedade do imóvel, recebido como propina da empreiteira OAS em troca de favores na Petrobras.

Caso os desembargadores decidam manter a decisão da primeira instância, eles podem determinar a prisão de Lula – que, no caso, seria executada por Moro em Curitiba – ou decidir que o ex-presidente só irá para a prisão após todos os recursos terem sido esgotados.

Além disso, se há a discutida possibilidade ou não de ser candidato, caso seja condenado novamente, e entre com novo recurso. Há juridistas que garantem a impossibilidade de sua eleição para qualquer cargo público.

Por isso, Lula aceitou, sem pestanejar, participar da inauguração de um campo, na Escola Nacional Florestan Fernandes, em Guararema, interior de São Paulo.

O campo será batizado de Doutor Sócrates Brasileiro, em homenagem ao ídolo corintiano, falecido em 2011.

A construção contou com o trabalho voluntário de 25 pessoas do MST provenientes dos estados de São Paulo, Minas Gerais e Tocantins e só saiu do papel graças a um financiamento coletivo feito através da plataforma Catarse. Foram arrecadados R$ 67.200. A meta inicial era de R$ 60 mil.

A inauguração do campo será no próximo sábado, dia 23.

320 Lula fará de homenagem a Sócrates, um palanque. Com apoio de Chico Buarque e, talvez, Maradona

Lula não será a única celebridade. Chico Buarque, seu defensor ferrenho, levará seu time, o Politheama. O projeto reúne a Associação Amigos da Escola Nacional Florestan Fernandes e um grupo de alunos e professores da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP. O objetivo é proporcionar um espaço de qualidade para receber jogos de futebol mas também receber nas arquibancadas o público de reuniões e debates massivos.

Raí, irmão de Sócrates, deverá participar do jogo inaugural.

Diego Maradona, ligado a movimentos de esquerda, e também fã de Lula, foi convidado. Os organizadores, por enquanto, não confirmam a presença do argentino. Mas a expectativa segue enorme. Com ligações e pedidos de Lula e Chico Buarque para Maradona.

Lula tem aproveitado o jogo para ir muito além do futebol.

"Ainda sou um meia-armador de qualidade e quem sabe eu possa ser convocado para a Copa da Rússia. O Chico já acho que não pode, já que está de casamento novo", brincou, em entrevista para rádio Capital do Mato Grosso.

E, lógico, deu sua previsão sobre o julgamento do recurso da condenação no processo do Triplex.

"Não terão como absolver porque estão comprometidos com essa condução política”, afirma o ex-presidente. “O que está em jogo é não deixar eu ser candidato. Se deram o golpe na Dilma, não vão querer deixar eu voltar. Vão querer confusão, e eu vou enfrentar a confusão."

"Reviraram minha vida, colchão, gavetas, abriram meu fogão, o exaustor do fogão, e até a televisão, não encontraram um centavo criminoso na minha vida.

"Sonho um dia ligar o Jornal Nacional e ver o (apresentador William) Bonner dizendo: ‘Boa noite, eu quero pedir desculpas ao ex-presidente Lula...'Estão acostumados a lidar com ladrões, que ainda ficam com metade do que roubaram para fazer delações."

Lula fará da inauguração do campo, um grande palanque.

Com o aval de Chico Buarque, há décadas, seu fã.

Assim como Diego Armando Maradona.

Mais uma vez neste país, o futebol é usado por políticos...
3reproducao1 Lula fará de homenagem a Sócrates, um palanque. Com apoio de Chico Buarque e, talvez, Maradona

http://r7.com/f1NI